Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

segundo

segundosegundo | adj. num. n. m. | n. m. | adv. | prep. | conj.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

se·gun·do se·gun·do


(latim secundus, -a, -um, seguinte, propício, favorável, segundo, que vem depois do primeiro)
adjectivo numeral e nome masculino
adjetivo numeral e nome masculino

1. Que ou o que está logo depois do primeiro.

2. Que, numa série de dois, ocupa o último lugar.

3. Secundário; indirecto; outro; novo.

4. [Figurado]   [Figurado]  Rival; semelhante; comparável.

nome masculino

5. Aquele que está em segundo lugar.

6. [Física, Metrologia]   [Física, Metrologia]  Unidade de medida de tempo do Sistema Internacional (símbolo: s) equivalente à duração de 9 192 631 770 períodos da radiação correspondente à transição entre os dois níveis do estado fundamental do átomo de césio 133; sexagésima parte do minuto.

7. [Informal]   [Informal]  Período de tempo muito curto (ex.: espere um segundo, por favor).

8. [Geometria]   [Geometria]  Unidade de medida de ângulo plano (símbolo: '') equivalente a 1/60 de minuto ou a 1/3600 do grau.

advérbio

9. Em segundo lugar.

preposição

10. Indica conformidade ou concordância com algo ou alguém (ex.: segundo as informações que recebemos, vai haver troca de ministros). = CONFORME, CONSOANTE, DE ACORDO COM

conjunção

11. Introduz uma comparação, indicando que algo é feito ou acontece do mesmo modo que outra coisa (ex.: correu tudo segundo o planeado). = COMO, CONFORME

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "segundo" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Admitindo que todos os cidadãos do concelho receberam o «boletim» e sabendo que segundo os últimos censos há cerca de 40 000 habitantes no concelho muito previsivelmente a...

Em CP - Cromos de Portugal

Na verdade, segundo o jornal Record apurou, além de estar referenciado por PSG e

Em Fora-de-jogo

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 9,18-22 Aconteceu que, 18 Jesus estava rezando num lugar retirado, e os...

Em Blog da Sagrada Família

Evangelho – Lc 9, 18-22 + Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 9,18-22 Aconteceu que, 18 Jesus estava rezando num lugar retirado, e os...

Em Blog da Sagrada Família

vocação à plenitude de contribuir para a redenção do homem, segundo a missão especial que caracterizou toda a sua vida e que realizou por meio...

Em Blog da Sagrada Família
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Fazer de propósito ou fazer com propósito?
As expressões de propósito e com propósito têm significados distintos. A primeira significa “de modo premeditado ou intencional” (ex.: ofendeu-o de propósito) e a segunda significa “com um objectivo específico” (ex.: foi com propósito que se lançou ao trabalho; ajudou-a com propósito de lucro).



1. Mal-formação ou malformação genética? Plural: malformações? 2. Como é mais correto: má perfusão ou mal-perfusão? Ex.: "hipofluorescência por má perfusão sub-retiniana compatível com degeneração miópica" // "hipofluorescência por mal-perfusão sub-retiniana compatível com atrofia central areolar".
Em relação à primeira dúvida, a grafia correcta é malformação (plural: malformações), como pode verificar seguindo a hiperligação para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa.

Quanto à segunda dúvida, o termo que questiona não se encontra registado nos dicionários consultados nem como malperfusão (cuja forma correspondente inglesa malperfusion é de uso generalizado), nem como má-perfusão, pelo que se aconselha a grafia de locução: má perfusão.

Esta dúvida retoma a questão sobre o uso do advérbio mal justaposto a um substantivo: de acordo com as regras da língua portuguesa, um substantivo (ex.: ) é geralmente modificado por um adjectivo (ex.: ), o que está na origem de formas como má-fé (e não malfé), enquanto um verbo (ex.: fadar) é habitualmente modificado por um advérbio (ex.: mal), o que está na origem de formas como malfadar (e não maufadar).

Esta polémica já se fez sentir relativamente ao par malformação/má-formação, tendo o uso consagrado a forma malformação, seja por influência das formas francesa e inglesa malformation, seja pela percepção de mal- como um prefixo. Aliás, segundo o Vocabulário da Língua Portuguesa de Rebelo Gonçalves (Coimbra: Coimbra Editora, 1966, p. 630), o prefixo mal- escreve-se com hífen apenas quando o elemento que se lhe segue começa por vogal (ex.: mal-estar) ou h (ex.: mal-humorado); nos restantes casos, é sempre aglutinado (ex.: malcriado, malquerente, malsão).

Esta reflexão pode aplicar-se a ainda outras palavras como malcriação, malquerença ou malsonância.

pub

Palavra do dia

zi·mo·lo·gi·a zi·mo·lo·gi·a


(grego zúme, -es, levedura + -logia)
nome feminino

1. Parte da química que se dedica ao estudo da fermentação.

2. Tratado da fermentação.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/segundo [consultado em 28-09-2022]