PT
BR
Pesquisar
Definições



safadamente

A forma safadamentepode ser [derivação de safadosafado] ou [advérbio].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
safadamentesafadamente
( sa·fa·da·men·te

sa·fa·da·men·te

)


advérbio

De modo safado.

etimologiaOrigem etimológica:safado + -mente.
safadosafado
( sa·fa·do

sa·fa·do

)


adjectivoadjetivo

1. Que se safou ou tirou para fora. = EXTRAÍDO, LIVRE

2. Gasto com o uso. = SARRAFADO

3. [Brasil: Rio de Janeiro, Informal] [Brasil: Rio de Janeiro, Informal] Que sente irritação ou indignação. = DANADO, FULO, FURIOSO, IRRITADO, ZANGADO

4. [Brasil: Rio de Janeiro, Informal] [Brasil: Rio de Janeiro, Informal] Que está sempre em agitação ou em movimento (ex.: criancinha safada). = DANADO, DESASSOSSEGADO, IRREQUIETO, TRAQUINAS, TRAVESSOCALMO, QUIETO, SOSSEGADO, TRANQUILO


adjectivo e nome masculinoadjetivo e nome masculino

5. [Informal] [Informal] Que ou quem não mostra pudor ou vergonha. = CÍNICO, DESAVERGONHADO, DESCARADO, SEM-VERGONHAENVERGONHADO, TÍMIDO

6. Que ou quem é vil, desprezível ou sem escrúpulos.


comer safado

[Brasil, Informal] [Brasil, Informal] Passar dificuldades ou privações. = COMER DA BANDA PODRE

etimologiaOrigem etimológica:particípio de safar.

Palavras vizinhas



Dúvidas linguísticas



Qual a forma correcta: frequência do quarto ou frequência no quarto ano?
O substantivo frequência é geralmente seguido da preposição de (ou das suas contracções), como indica o Dicionário de Regimes de Substantivos e Adjectivos (25.ª ed., São Paulo: Globo, 2000), de Francisco Fernandes, e como atestam pesquisas efectuadas em corpora e em motores de busca da Internet.



Numa pesquisa no Google, encontrei várias vezes a expressão "há espera", por exemplo: "torneios há espera de concorrentes". É correcto dizer "há espera"? Não será "à espera"?
No contexto que refere, deverá ser utilizada a locução prepositiva à espera de, que significa “aguardando por” (torneios à espera de concorrentes) e que poderá encontrar registada, por exemplo, no Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa, que também regista a locução adverbial à espera (Ex.: os doentes já estão à espera há muito tempo). Esta locução tem estrutura semelhante a muitas outras locuções prepositivas em português (contracção da preposição a com o artigo definido a seguida de substantivo feminino e da preposição de), como, por exemplo, à beira de, à conta de, à disposição de, à frente de. A expressão há espera poderá apenas ser usada em contextos onde se pretenda dizer que "existe uma espera" (ex.: nos acessos à ponte há espera prolongada).