Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

revista

revistarevista | n. f.
1ª pess. sing. pres. conj. de revestirrevestir
3ª pess. sing. imp. de revestirrevestir
3ª pess. sing. pres. conj. de revestirrevestir
fem. sing. part. pass. de reverrever
3ª pess. sing. pres. ind. de revistarrevistar
2ª pess. sing. imp. de revistarrevistar
fem. sing. de revistorevisto
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

re·vis·ta re·vis·ta


(re- + vista)
nome feminino

1. Acto ou efeito de revistar. = EXAME, VISTORIA

2. Exame feito de maneira minuciosa. = REEXAME

3. [Militar]   [Militar]  Inspecção de um superior para manter ordem e disciplina entre os seus subordinados.

4. [Direito]   [Direito]  Recurso interposto para o Supremo Tribunal de Justiça por nulidades no processo ou por infracção da lei na sentença.

5. Publicação periódica, geralmente ilustrada, que pode ser de cariz geral e informativo ou estar sujeita a um tema (literário, artístico, científico, etc.).

6. [Antigo]   [Antigo]   [Teatro]   [Teatro]  Peça teatral que nas cenas populares critica os sucessos do ano transacto.

7. [Teatro]   [Teatro]  Espectáculo de variedades em que são geralmente abordados de forma satírica assuntos e personalidades da actualidade. = TEATRO DE REVISTA


passar revista
Revistar.


re·ves·tir re·ves·tir

- ConjugarConjugar

(latim revestio, -ire)
verbo transitivo

1. Vestir novamente.

2. Vestir (traje de cerimónia, insígnias, etc.); colorir; cobrir; tapar.

3. Conceder.

4. Realçar.

verbo pronominal

5. Vestir-se (com o trajo próprio para).

6. Resguardar-se.

7. Aparentar, imitar.

8. Tomar.

9. Ornar-se com.


re·ver |vê|re·ver |vê|

- ConjugarConjugar

(re- + ver)
verbo transitivo

1. Tornar a ver.

2. Examinar cuidadosamente.

3. Fazer a revisão de.

4. Corrigir (provas).

5. [Figurado, Pouco usado]   [Figurado, Pouco usado]  Suspeitar, presumir, antever.

6. Ressudar.

verbo intransitivo

7. Recuperar a vista.

8. Coar-se, ressumar, marejar, transudar.

9. [Figurado]   [Figurado]  Deixar-se ver, aparecer, mostrar-se.

10. Transpirar, divulgar-se, tornar-se notório.

verbo pronominal

11. Tornar a ver-se.

12. Sentir prazer em contemplar-se.

13. Ensoberbecer-se, deleitar-se, regalar-se (emprega-se também em sentido irónico).


Ver também resposta à dúvida: "provêem" segundo o Acordo Ortográfico de 1990.

re·vis·tar re·vis·tar

- ConjugarConjugar

verbo transitivo

1. Passar revista a.

2. Rever; examinar detidamente.

3. Passar busca a.

4. Fazer exame sanitário a.


re·vis·to re·vis·to


adjectivo
adjetivo

1. Que se reviu.

2. Corrigido, emendado.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "revista" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Numa entrevista recente que deu à revista The Cut, Meghan levou a jornalista, Allison P..

Em VISEU, terra de Viriato.

Em entrevista à revista Vogue , e depois de questionado sobre “os homens mais bonitos do mundo...

Em VISEU, terra de Viriato.

Na revista Psychological Science, a equipa explica que os aromas da dieta da mãe estavam presentes...

Em VISEU, terra de Viriato.

Uma revista com papel de alta qualidade, a cores, e com muitos pormenores interessantes que me...

Em CP - Cromos de Portugal

revista ..

Em VISEU, terra de Viriato.
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Monitorar ou monitorizar?
Os verbos monitorar e monitorizar são formações correctas a partir do substantivo monitor, a que se junta o sufixo verbal -ar ou -izar, e têm o mesmo significado, pelo que são sinónimos. A opção por um ou por outro cabe ao utilizador; no entanto, os dicionários que seguem a norma europeia da língua portuguesa parecem preferir a forma monitorizar, pois é esta a única forma que aparece registada no Grande Dicionário Língua Portuguesa (Porto Editora, 2004) ou no Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro Machado (Âncora Editora, 2001) e a edição portuguesa do Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (Círculo de Leitores, 2002) remete monitorar para monitorizar. Os dicionários que seguem a norma brasileira da língua portuguesa remetem geralmente monitorizar para monitorar, como é o caso da edição brasileira do Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (Objetiva, 2001) ou do Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa (Positivo, 2004).



Tenho ouvido em alguns serviços informativos da TV a utilização incorrecta (acho eu) de alguns verbos. Qual a frase correcta: "O professor mandou os alunos fazerem uma cópia" ou "O professor mandou os alunos fazer uma cópia"? Obrigada.
A dúvida diz respeito ao uso do infinitivo pessoal ou flexionado (fazerem) ou do infinitivo impessoal (fazer).

Quando o sujeito da oração principal (O professor) é diferente do sujeito da oração infinitiva (os alunos), a tendência é usar o infinitivo pessoal, pelo que a frase mais consensual será O professor mandou os alunos fazerem uma cópia. Note-se que não se fala marcadamente de regras relativamente a este tópico porque se trata de uma questão mais do campo da estilística do que do campo da gramática, tal como afirmam Celso Cunha e Lindley Cintra na sua Nova Gramática do Português Contemporâneo (14.ª ed., Edições Sá da Costa, Lisboa, 1998, p. 482):

«O emprego das formas flexionada e não flexionada do infinitivo é uma das questões mais controvertidas da sintaxe portuguesa. Numerosas têm sido as regras propostas pelos gramáticos para orientar com precisão o uso selectivo das duas formas. Quase todas, porém, submetidas a um exame mais acurado, revelaram-se insuficientes ou irreais. Em verdade, os escritores das diversas fases da língua portuguesa nunca se pautaram, no caso, por exclusivas razões de ordem gramatical, mas viram-se sempre, no acto da escolha, influenciáveis por ponderáveis motivos de ordem estilística, tais como o ritmo da frase, a ênfase do enunciado, a clareza da expressão. Por tudo isso, parece-nos mais acertado falar não de regras, mas de tendências que se observam no emprego de uma e de outra forma do infinitivo.»

Sobre este assunto, pode ainda consultar a resposta à dúvida linguística infinitivo flexionado e pretérito mais-que-perfeito

pub

Palavra do dia

ux·te ux·te


(origem expressiva ou onomatopaica)
interjeição

Expressão usada para afastar ou mostrar repulsa. = APRE, ARREDA, IRRA

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/revista [consultado em 25-09-2022]