PT
BR
Pesquisar
Definições



pica

A forma picapode ser [segunda pessoa singular do imperativo de picarpicar], [terceira pessoa singular do presente do indicativo de picarpicar], [nome de dois géneros], [nome feminino] ou [nome masculino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
pica1pica1
( pi·ca

pi·ca

)


nome feminino

1. [Antigo] [Antigo] Tipo de lança. = PIQUE

2. [Náutica] [Náutica] Cada uma das peças delgadas que entram na construção da proa e da popa.

3. [Portugal, Informal] [Portugal, Informal] Injecção.

4. [Portugal: Trás-os-Montes] [Portugal: Trás-os-Montes] Acto de picar ou sachar o milho.

5. [Portugal: Trás-os-Montes] [Portugal: Trás-os-Montes] Sacho que se emprega nesse serviço.

6. [Ictiologia] [Ictiologia] Designação comum a vários peixes teleósteos da família dos ciprinídeos, de água doce, muito comuns em Portugal. = ESCALHO, ESCALO, ROBALINHO

7. [Ictiologia] [Ictiologia] Peixe teleósteo (Atherina presbyter), da família dos aterinídeos, de corpo alongado e cor cinzenta, com uma banda prateada longitudinal dos lados, comum nas regiões costeiras europeias do Atlântico. = PEIXE-REI

8. [Gíria] [Gíria] Camisola de lã.

9. [Brasil, Calão] [Brasil, Tabuísmo] Órgão sexual masculino. = PÉNIS

10. [Portugal, Informal] [Portugal, Informal] Cigarro de haxixe ou marijuana. = CHARRO

11. [Portugal, Informal] [Portugal, Informal] Entusiasmo, vigor, vontade (ex.: assim não dá pica; estão cheios de pica para treinar).


nome de dois géneros

12. [Portugal, Informal] [Portugal, Informal] Pessoa que verifica a validade de bilhetes em transportes colectivos (ex.: o pica pediu o bilhete). = COBRADOR, REVISOR


ser pica

[Brasil, Informal] [Brasil, Informal] Ser extraordinário; ser muito bom em alguma coisa. = SER FOGO

etimologiaOrigem etimológica:derivação regressiva de picar.
pica2pica2
( pi·ca

pi·ca

)


nome feminino

1. Apetite patológico de comer substâncias não alimentares, como carvão, barro, etc.

2. [Ornitologia] [Ornitologia] Nome científico da pega.

etimologiaOrigem etimológica:latim pica, -ae, pega.
pica3pica3
( pi·ca

pi·ca

)


nome masculino

[Tipografia] [Tipografia] Unidade de medida usada em material tipográfico, que corresponde a 12 pontos ou 4,2164 milímetros.

etimologiaOrigem etimológica:latim medieval pica, listagem de regulamentos eclesiásticos.
picarpicar
( pi·car

pi·car

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo e pronominal

1. Ferir ou ferir-se com objecto pontiagudo ou perfurante.

2. Causar ou sentir excitação ou estímulo (ex.: o treinador tentava picar a equipa; o estudante picou-se quando começou a investigar). = AGUILHOAR, DESPERTAR, INCITAR

3. [Figurado] [Figurado] Causar ou sentir incómodo ou melindre. = DESGOSTAR, INCOMODAR, INQUIETAR, MELINDRAR, OFENDER

4. Causar ou sentir irritação ou zanga. = IRRITAR, ZANGAR

5. [Informal] [Informal] Provocar ou desafiar alguém.


verbo transitivo

6. Perfurar ou ferir com o bico. = BICAR

7. Lavrar pedra com o picão.

8. Dotar de picos ou protuberâncias afiadas (ex.: picar limas).

9. Fazer buracos, falando de insectos (ex.: a traça picou a roupa quase toda). = CORROER, PERFURAR, TRAÇAR

10. Arremessar arpão contra. = ARPAR, ARPEAR, ARPOAR

11. [Tauromaquia] [Tauromaquia] Pôr bandarilhas ou farpas em. = BANDARILHAR, FARPEAR

12. Dar com esporas ou instrumento semelhante em (ex.: picar o cavalo). = ESPOREAR

13. Cortar em pequenos pedaços (ex.: picar a cebola).

14. Tornar mais rápido (ex.: picaram o passo porque anoitecia; vamos picar o ritmo de trabalho). = ACELERAR, APRESSAR

15. [Informal] [Informal] Levar ou tirar o que é de outrem sem a sua autorização. = ROUBARDEVOLVER, RESTITUIR

16. Cobrir um lanço em leilão.

17. [Regionalismo] [Regionalismo] Subir o preço ou o valor de algo.

18. [Regionalismo] [Regionalismo] [Agricultura] [Agricultura] Dar a primeira sacha em.

19. [Desporto] [Esporte] Dar um toque na bola de forma a provocar um efeito especial.

20. [Informal] [Informal] Fazer um sinal gráfico, geralmente semelhante à letra V, que indica que algo foi feito ou verificado (ex.: foi picando a lista de tarefas conforme as foi despachando).


verbo transitivo e intransitivo

21. Causar ou sentir comichão ou ardor (ex.: a malagueta pica a língua; sinto a pele a picar).

22. Morder o engodo (ex.: o peixe não picou o isco; fico à espera que o peixe pique).

23. [Aeronáutica] [Aeronáutica] Fazer voar ou voar com o nariz para baixo.CABRAR


verbo intransitivo

24. Voar a pique, quase na vertical (ex.: o falcão consegue picar para apanhar a presa).


verbo pronominal

25. Ficar com agitação ou ondulação (ex.: o mar está a picar-se). = AGITAR-SE, ENCRESPAR-SE

etimologiaOrigem etimológica:latim *piccare, de picus, -i, picanço, grifo.

Auxiliares de tradução

Traduzir "pica" para: Espanhol Francês Inglês

Anagramas



Dúvidas linguísticas



Como se deve dizer? Filhó (singular) Filhós (plural) ou Filhós (singular) Filhoses (plural)?
A palavra filhós, por analogia com palavras terminadas pelo mesmo som (ex.: retrós, voz), forma o plural filhoses (ex.: escolheu a filhós mais pequena; as filhoses ainda estão quentes). Trata-se de uma variante da palavra filhó que, por sua vez, forma o plural filhós (ex.: a filhó é um doce típico do Natal; comeu duas filhós). Ao processo de uma forma plural passar a ser empregue para designar também o singular, Evanildo Bechara dá o nome de "plural cumulativo" (ver Moderna Gramática Portuguesa, Rio de Janeiro: Editora Lucerna, 2002, pp. 128-129). O mesmo fenómeno acontece com os substantivos ilhó e ilhós, eiró e eirós, lilá e lilás, por exemplo.

Apesar de alguns autores condenarem o uso da forma filhós para designar o singular, a mesma e o respectivo plural filhoses surgem atestados nas principais obras lexicográficas de língua portuguesa, como o Vocabulário da Língua Portuguesa (Coimbra: Coimbra Editora, 1966), de Rebelo Gonçalves, o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa (Lisboa: Academia das Ciências de Lisboa / Editorial Verbo, 2001) ou o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa, (Rio de Janeiro: Editora Objetiva, 2001 / Lisboa: Círculo de Leitores, 2002).




Na frase "aja como homem e pense como mulher", devo usar aja ou haja de agir? Qual é o correto?
Na frase que menciona, Aja como homem e pense como mulher, o termo correcto é aja, forma verbal (3ª pessoa do singular do imperativo, podendo também ser 1ª ou 3ª pessoa do singular do presente do conjuntivo [subjuntivo, no Português do Brasil]) de agir. É uma forma homófona, i.e., lê-se da mesma maneira mas escreve-se de modo diferente de haja, forma verbal (1ª ou 3ª pessoa do singular do presente do conjuntivo [subjuntivo, no Português do Brasil] e 3ª pessoa do singular do imperativo) de haver. Para as distinguir, talvez seja útil ter presente que pode substituir a forma aja (do verbo agir) por actue – “Aja/actue como um homem e pense como uma mulher” – e a forma haja (do verbo haver) por exista – “Haja/exista paciência!”.