Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
notanota | s. f.
3ª pess. sing. pres. ind. de notarnotar
2ª pess. sing. imp. de notarnotar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

no·ta |ó| no·ta |ó|
(latim nota, -ae, sinal, marca)
substantivo feminino

1. Sinal para marcar ou fazer lembrar algo.

2. Indicação escrita, geralmente breve ou resumida, para registar alguma coisa que foi vista, ouvida, lida ou que deve ser lembrada. = ANOTAÇÃO, APONTAMENTO

3. Explicação ou comentário, geralmente breve, num documento escrito (ex.: nota bibliográfica; nota de rodapé; nota do tradutor).

4. Breve exposição ou comentário (ex.: quero deixar apenas uma pequena nota sobre a comunicação que estivemos a ouvir). = APONTAMENTO

5. Sentimento de respeito por algo ou alguém (ex.: este trabalho é discreto, mas digno de nota). = ATENÇÃO, CONSIDERAÇÃO, RECONHECIMENTO

6. Registo das escrituras de um notário, tabelião ou escrivão.

7. Notificação diplomática.

8. Documento, com informações fiscais, que o comerciante ou prestador de serviço emite ou entrega ao comprador ou cliente para comprovar uma compra, um pagamento, um crédito, etc. (ex.: nota de crédito; nota de liquidação).

9. Conceito ou opinião de alguma coisa ou de alguém. = REPUTAÇÃO

10. Mácula, defeito.

11. Classificação que avalia a qualidade de um trabalho, exercício, exame ou desempenho (ex.: nota positiva; nota negativa).

12. Voz, tom, timbre.

13. [Música]   [Música]  Sinal representativo de um som musical.

14. [Música]   [Música]  Esse próprio som (vocal ou instrumental).

15. [Economia]   [Economia]  Papel representativo de uma quantia que se supõe existente no banco que o emite.Ver imagem = CÉDULA, PAPEL-MOEDA

16. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Grande quantidade de dinheiro (ex.: eles gastaram uma nota). = FORTUNA, NOTA PRETA


dar a nota
Mostrar como se deve proceder; servir de exemplo. = DAR O TOM

de má nota
[Depreciativo]   [Depreciativo]  Com má reputação. = DE MÁ FAMA

nota fiscal
Documento com a relação das mercadorias entregues ou dos serviços efectuados. = FACTURA

nota fria
[Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Documento com informação fiscal falsa ou falsificada que atesta uma venda ou uma prestação de serviço que não ocorreu ou não foi entregue ou um pagamento que não foi efectuado.

nota preta
[Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Grande quantidade de dinheiro. = FORTUNA, NOTA

nota tónica
[Música]   [Música]  Primeira parte da escala do tom em que está composto um trecho.


no·tar no·tar - ConjugarConjugar
(latim noto, -are, marcar, designar, anotar, escrever, censurar)
verbo transitivo

1. Distinguir através de marca ou sinal. = ASSINALAR, MARCAR, SINALIZAR

2. Tomar nota de. = ANOTAR, APONTAR

3. Representar por sinais gráficos.

4. Tomar consciência de. = OBSERVAR, PERCEBER, REPARAR

5. Fazer observação sobre. = COMENTAR

6. Advertir.

7. Acusar, censurar, criticar.

8. Registar (o notário) no livro de notas. = ARROLAR, ASSENTAR

Confrontar: nutar.
pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "nota" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Qual a origem da palavra jet set?
À letra, a locução inglesa jet set significa "grupo do jacto". O "jacto" deve ser visto como símbolo do poder de compra das pessoas que poderão pertencer a esse grupo.



Tenho uma dúvida na utilização dos pronomes "lhe" ou "o". Por exemplo, nesta frase, qual é a forma correta: "para Carlos não lhe perturbava a existência, ou mesmo a necessidade dos movimentos da vanguarda" ou " para Carlos não o perturbava a existência, ou mesmo a necessidade dos movimentos da vanguarda"?
A questão que nos coloca toca uma área problemática no uso da língua, pois trata-se de informação lexical, isto é, de uma estrutura que diz respeito a cada palavra ou constituinte frásico e à sua relação com as outras palavras ou outros constituintes frásicos, e para a qual não há regras fixas. Na maioria dos casos, os utilizadores conhecem as palavras e empregam as estruturas correctas, e normalmente esse conhecimento é tanto maior quanto maior for a experiência de leitura do utilizador da língua.

No caso dos pronomes clíticos de objecto directo (o, os, a, as, na terceira pessoa) ou de objecto indirecto (lhe, lhes, na terceira pessoa), a sua utilização depende da regência do verbo com que se utilizam, isto é, se o verbo selecciona um objecto directo (ex.: comeu a sopa = comeu-a) ou um objecto indirecto (ex.: respondeu ao professor = respondeu-lhe); há ainda verbos que seleccionam ambos os objectos, pelo que nesses casos poderá dar-se a contracção dos pronomes clíticos (ex.: deu a bola à criança = deu-lhe a bola = deu-lha).

O verbo perturbar, quando usado como transitivo, apenas selecciona objectos directos não introduzidos por preposição (ex.: a discussão perturbou a mulher; a existência perturbava Carlos), pelo que deverá apenas ser usado com pronomes clíticos de objecto directo (ex.: a discussão perturbou-a; a existência perturbava-o) e não com pronomes clíticos de objecto indirecto.

Assim sendo, das duas frases que refere, a frase “para Carlos, não o perturbava a existência, ou mesmo a necessidade dos movimentos da vanguarda” pode ser considerada mais correcta, uma vez que respeita a regência do verbo perturbar como transitivo directo. Note que deverá usar a vírgula depois de “para Carlos”, uma vez que se trata de um complemento circunstancial antecipado.

pub

Palavra do dia

la·lau la·lau
(origem expressiva)
substantivo masculino

[Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Aquele que rouba ou furta. = LADRÃO

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://dicionario.priberam.org/nota [consultado em 18-06-2019]