Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

medicina

medicinamedicina | n. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

me·di·ci·na me·di·ci·na


(latim medicina, -ae, medicina, remédio, mezinha)
nome feminino

1. Ciência de debelar ou atenuar as doenças.

2. Sistema médico.

3. Remédio, mezinha.

4. [Figurado]   [Figurado]  Remédio moral.


medicina dentária
[Medicina]   [Medicina]  Especialidade médica que se dedica ao estudo, prevenção e tratamento de dentes e doenças dentárias e da cavidade bucal. = ODONTOLOGIA

medicina forense
O mesmo que medicina legal.

medicina intensiva
[Medicina]   [Medicina]  Especialidade médica que trata e tenta recuperar doentes em estado grave ou que têm falha de uma função vital através de um sistema de monitorização, suporte e tratamento contínuos. = INTENSIVISMO

medicina interna
[Medicina]   [Medicina]  Especialidade médica que trata de doentes adultos e de todos os sistemas do corpo de forma global e integrada.

medicina judiciária
O mesmo que medicina legal.

medicina legal
Aplicação dos conhecimentos médicos às questões criminais.

medicina nuclear
[Medicina]   [Medicina]  Especialidade médica que utiliza substâncias radioactivas para fins diagnósticos ou terapêuticos.

medicina preventiva
[Medicina]   [Medicina]  Conjunto de medidas destinadas a manter a saúde ou a prevenir a ocorrência ou agravamento de doenças e afecções.

medicina reprodutiva
[Medicina]   [Medicina]  Especialidade médica que utiliza tecnologias de reprodução, como a fertilização in vitro.

medicina veterinária
[Medicina]   [Medicina]  Especialidade médica que se dedica ao estudo, prevenção e tratamento de doenças dos animais que não são humanos. = VETERINÁRIA, ZOOIATRIA

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "medicina" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

) +17, Enganação +3, Furtividade +4, Intimidação (E) +17, Ladroagem +4, Manufatura +0, Medicina (T) +16, Natureza +4, Ocultismo +0, Performance +3, Saber sobre curtume (T) +12, Religião...

Em confrariadearton.blogspot.com

Sobre autor: Glenn Cooper nasceu em Nova Iorque e formou-se inicialmente em Medicina , tirando posteriormente o curso de Arqueologia..

Em www.clubedoslivros.pt

Recebeu o Nobel de Fisiologia ou Medicina de 1923..

Em Geopedrados

Federal de Medicina ”, informou o INI na nota..

Em Caderno B

Os corpos serão levados ao Imol ( Instituto de Medicina e Odontologia Legal) para exame necroscópico..

Em Caderno B
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Sou assíduo consultor do site da Priberam para dúvidas sobre significação de palavras. Mas não consegui entender a diferença entre as palavras aluguéis e alugueres. Poderiam por favor esclarecer-me?
Aluguéis é a forma do plural do substantivo aluguel. Alugueres é a forma do plural do substantivo aluguer. As duas palavras aluguel e aluguer são sinónimas, sendo a primeira mais usada no português do Brasil e a segunda no português de Portugal.



Pontapé: esta palavra é composta por justaposição ou por aglutinação?
A palavra pontapé é composta por justaposição.

De facto, é possível identificar neste vocábulo as palavras distintas que lhe deram origem – os substantivos ponta e – sem que nenhuma delas tenha sido afectada na sua integridade fonológica (em alguns casos pode haver uma adequação ortográfica para manter a integridade fonética das palavras simples, como em girassol, composto de gira + s + sol. Se não houvesse essa adequação, a palavra seria escrita com um s intervocálico (girasol) a que corresponderia o som /z/ e as duas palavras simples perderiam a sua integridade fonética e tratar-se-ia de um composto aglutinado). Daí a denominação de composto por justaposição, uma vez que as palavras apenas se encontram colocadas lado a lado, com ou sem hífen (ex.: guarda-chuva, passatempo, pontapé).

O mesmo não se passa com os compostos por aglutinação, como pernalta (de perna + alta), por exemplo, cujos elementos se unem de tal modo que um deles sofre alterações na sua estrutura fonética. No caso, o acento tónico de perna subordina-se ao de alta, com consequências, no português europeu, na qualidade vocálica do e, cuja pronúncia /é/ deixa de ser possível para passar à vogal central fechada (idêntica à pronúncia do e em se). Note-se ainda que as palavras compostas por aglutinação nunca se escrevem com hífen.

Sobre este assunto, poderá ainda consultar o cap. 24 da Gramática da Língua Portuguesa, de Maria Helena Mira MATEUS, Ana Maria BRITO, Inês DUARTE, Isabel Hub FARIA et al. (5.ª ed., Editorial Caminho, Lisboa, 2003), especialmente as pp. 979-980.

pub

Palavra do dia

pas·si·nhar pas·si·nhar


(passinho, diminutivo de passo + -ar)
verbo intransitivo

Dar passos muito pequenos; andar com pequenos passos. = PASSARINHAR, PASSARITAR

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/medicina [consultado em 01-12-2021]