Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

mata-lobos

mata-lobosmata-lobos | n. m. 2 núm.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

ma·ta·-lo·bos |ô|ma·ta·-lo·bos |ô|


(forma do verbo matar + lobo)
nome masculino de dois números

[Botânica]   [Botânica]  Planta venenosa (Aconitum napellus) da família das ranunculáceas, de que se extrai aconitina. = ACÓNITO, CARRO-DE-VÉNUS, MATA-CÃO

pub

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

os demais membros e deixou a banda, fazendo com que algumas bases de baixo já preparadas para o disco fossem regravadas por Renato Russo e Dado Villa- Lobos . O disco trata de temas como a bissexualidade, como na canção Meninos e Meninas (em que Renato assume abertamente ser bissexual) e Maurício , e a

Em Geopedrados

a noite – entre mantas, à face de lume. De manhã, água, comida, hora de ida Nova-corrida-nova-viagem dos anos-por enquanto Os lobos mudaram de forma mas os trilhos resistem A incógnita auto-responde-se em andamento No extremo é-se capaz de pensar com as mãos. 718 A idade alheia não aumenta nem

Em daniel abrunheiro

. Chegámos aos nossos tempos. Agora as vaidades são outras, as necessidades são outras. Mas continuamos os mesmos lobos de sempre. Vivemos em sociedade para encher a barriga e alimentar a vaidade. O carro, o emprego, o curso, a viagem, os amigos que tem de se ter, a família que fica bem nas redes sociais

Em Gotika

pescado!». Toca a apressar que o stock está a acabar e depois ficam a ver navios e a comer atum em lata: > O ‘BEIRÃO GEOGRAPHICO’ nº1 – TBL003 (com oferta do CD ao vivo de PATRULHA DO PURGATÓRIO) mais a ‘SINEIRA DA FATELA’ nº1 TBL 004 (com oferta do CD de PUSSY LICKERS e poster de Mata -Ratos com arte de

Em Rock das Cadeias

por la Xunta de Galicia, en el que, al igual que en el franquismo, se cataloga al lobo ibérico de alimaña que, cito textualmente, mata todo lo que encuentra . El artículo evidencia una clara oposición a la tan esperada ley que prohíbe la caza del lobo en toda la Península, en un ruin intento de seguir

Em fragmentos da galaxia
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Venho por este meio pedir que me tirem uma dúvida relacionada com a palavra bolor: a correcta pronunciação da palavra acima referida é "bolor" (com o mesmo tipo de fonologia que existe em, por ex.: ardor ou timor) ou "bolór" (obviamente sem o uso do acento que coloquei, mas com um som como em pior ou maior). Pessoalmente penso que se pronuncia sem nenhum tipo de acentuação, mas desde que vim estudar para o Porto estou rodeado de gente que diz o contrário.
A pronúncia das palavras em português não obedece, em geral, a critérios de correcção, pois não se trata de uma pronúncia correcta ou incorrecta, mas de variações de pronúncia relacionadas com o dialecto ou o sociolecto do falante. Algumas obras lexicográficas contêm transcrições ou indicações de pronúncia (ou de ortoépia), que mais não são do que referências, e que, como tal, não podem ser tomadas como normativas ou vinculativas.

No caso da palavra bolor, parecem ser consideradas correctas as pronúncias do segundo o como [o] (o símbolo entre parênteses representa no alfabeto fonético internacional o som ô de ardor ou Timor) ou como [ɔ] (o símbolo entre parênteses representa no alfabeto fonético internacional o som ó de pior ou pó), ainda que a pronúncia com o som ô seja estatisticamente mais frequente. Assim, por um lado, o Vocabulário da Língua Portuguesa, de Rebelo GONÇALVES (Coimbra, Coimbra Editora, 1966) e o Grande Dicionário Língua Portuguesa (Porto, Porto Editora, 2004) indicam as duas fonéticas, enquanto o Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro MACHADO (Lisboa, Âncora, 2001), o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências (Verbo, 2001) e o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (Lisboa, Círculo de Leitores, 2002) assinalam apenas a pronúncia ô.

Pelo que foi acima apontado, a dúvida colocada diz respeito à qualidade da vogal fonética que corresponde à ortografia, e não a uma acentuação diferente (em ambas as pronúncias, trata-se da mesma sílaba acentuada, bolor). Uma vogal ortográfica (, por exemplo) pode, no português europeu, corresponder a diversas vogais fonéticas (ex.: [u], em bolor), [o] ou [ɔ], em bolor). Esta qualidade da vogal é geralmente fixa em cada palavra (normalmente, o mesmo falante não oscila entre [o] ou [ɔ], em bolor), mas pode alterar-se quando, numa palavra derivada, a sílaba dessa vogal passa de tónica a átona (ex.: bolor [o] ou [ɔ] > bolorento [u]).




Grafa-se higiossanitárias, higio-sanitárias, higeossanitárias ou higeo-sanitárias?
À falta de indicações específicas para o uso deste elemento de formação no Acordo Ortográfico vigente em Portugal, e seguindo o paradigma de outros como hidro-, o elemento compositivo higio- (derivado do grego hugiés, que significa “saudável”) nunca se separa do elemento posterior por hífen, mesmo que ele se inicie pelas consoantes r ou s, obrigando à sua duplicação. Assim sendo, a forma correcta será higiossanitário.
pub

Palavra do dia

ni·ví·co·la ni·ví·co·la


(latim nix, nivis, neve + -cola)
adjectivo de dois géneros
adjetivo de dois géneros

Que vive em região em que há neve (ex.: espécies nivícolas).

Confrontar: vinícola.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/mata-lobos [consultado em 19-01-2022]