PT
BR
Pesquisar
Definições



independente

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
independenteindependente
( in·de·pen·den·te

in·de·pen·den·te

)


adjectivo de dois géneros e nome de dois génerosadjetivo de dois géneros e nome de dois géneros

1. Que ou o que goza de independência.

2. [Política] [Política] Que ou quem não está filiado num partido político (ex.: deputados independentes; foram eleitos vários independentes).


adjectivo de dois génerosadjetivo de dois géneros

3. Que revela independência ou amor pela independência. = LIVREDEPENDENTE

4. Que tem autonomia. = AUTÓNOMODEPENDENTE, SUBORDINADO

5. Que não depende de um poder ou de uma autoridade exterior.

6. Que exerce uma profissão por conta própria (ex.: trabalhador independente).DEPENDENTE

7. Que não tem um vínculo a uma grande editora ou produtora e tem geralmente características menos comerciais (ex.: editora independente; músico independente; realizador independente).

Auxiliares de tradução

Traduzir "independente" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Poderiam esclarecer o feminino de chimpanzé? Seria a chimpanzé ou o chimpanzé fêmea?
A palavra chimpanzé é um epiceno, isto é, um substantivo que tem apenas um género (masculino ou feminino) para designar um animal, seja ele macho ou fêmea. Sempre que é necessário referir o sexo dos animais, usa-se as palavras macho ou fêmea pospostas ao nome do animal. Por este motivo, o feminino de chimpanzé deverá ser o chimpanzé fêmea. Se se tratasse de girafa, o masculino seria a girafa macho.

Além de chimpanzé, são também exemplos de epiceno palavras como falcão, girafa, melga ou tigre.




As letras "c" das palavras director e actor, bem como a letra "p" de recepção e óptimo são pronunciadas por vocês ou não? Pois aqui no Brasil elas não o são e estou em dúvida de como deveria ser a pronúncia desses vocábulos aí em Portugal.
Em Portugal, as consoantes c e p das palavras director, actor, recepção e óptimo são geralmente mudas, isto é, não se pronunciam. Por esta razão, segundo o Acordo Ortográfico de 1990, essas consoantes deixam de ser grafadas na variante europeia do português, aproximando-se assim a grafia à pronúncia: diretor, ator, receção e ótimo. No Brasil, uma vez que o p de recepção é geralmente pronunciado, não se verifica a sua supressão nesta palavra.