Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub

folgo

folgofolgo | n. m.
1ª pess. sing. pres. ind. de folgarfolgar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

fol·go |ô|fol·go |ô|


nome masculino

[Pouco usado, Popular]   [Pouco usado, Popular]  Fôlego.

Plural: folgos |ô|.Plural: folgos |ô|.

fol·gar fol·gar


verbo intransitivo

1. Estar de folga.

2. Divertir-se; alegrar-se.

3. Ter ou sentir prazer; gostar.

verbo transitivo

4. Dar folga a.

5. Desapertar.

nome masculino

6. Folguedo. (Mais usado no plural.)

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "folgo" para: Espanhol | Francês | Inglês

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Os Dragões vão agora recuperar o folgo para a prova de amanhã, em Albergaria-a-Velha..

Em HELDER BARROS

conheci o António Quaresma há muitos anos e folgo em vê-lo em grande forma!!

Em insignificante

...contracapa do livro : [´Economia do Esquecimento` é um livro que se lê num folgo não tanto por ser contido no número de páginas mas, antes, em razão das...

Em Economia Portuguesa

numa outra época e que manifestamente perdeu folgo ..

Em Outra Margem

Folgo , antes de mais, que notícias de empréstimos obrigacionistas envolvendo a Benfica, SAD versem...

Em O INDEFECTÍVEL
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


O verbo intervir conjuga-se da mesma forma que o verbo vir? Sendo assim, qual é o seu particípio passado (caso tenha)?
O verbo intervir conjuga-se como o verbo vir, com a particularidade de se grafar com acento agudo na segunda e terceira pessoas do presente do indicativo (intervéns, intervém); esta particularidade é comum a todos os outros verbos derivados de vir ou do verbo latino venire (são os casos, por exemplo, de advir, avir, convir, desconvir, devir, provir, sobrevir). O particípio passado destes verbos também segue o paradigma de vir/vindo, sendo então intervindo o particípio passado de intervir (ex.: tinha intervindo brilhantemente no debate). Poderá esclarecer esta e outras dúvidas de conjugação seguindo a hiperligação para o verbo intervir no Dicionário Priberam da Língua Portuguesa e clicando em seguida na opção Conjugar que se encontra imediatamente acima da definição do verbo.



Porque escrevemos Henrique com um r e não dois rr? Qual a regra?
A ortografia é um conjunto de regras convencionadas e, na maioria das vezes, é o utilizador da língua que mais lê e mais consulta obras de referência, como dicionários, prontuários e afins, que melhor conhece essas regras e que melhor escreve. Há, no entanto, algumas indicações úteis, no caso da letra r:

a) O erre simples (r) representa o som [R] (consoante vibrante velar) em início de palavra (ex.: rasar, régua, rua), a seguir a uma vogal nasal (ex.: Henrique, honra, tenro), ou em início de sílaba a seguir a uma consoante (ex.: israelita, melro).

b) O erre simples (r) representa o som [r] (consoante vibrante alveolar) em contexto intervocálico, antecedido de vogal oral (ex.: cara, puro), nos grupos consonânticos br, cr, dr, fr, gr, pr, tr e vr (ex.: abrir, credo, coldre, fraco, grua, imprimir, latrina, nevrose), ou em final de sílaba (ex.: cargo, partir, querer, surto); o erre simples nunca representa o som [r] em início de palavra.

c) O erre dobrado (rr) representa sempre o som [R] e apenas em contextos intervocálicos (ex.: barra, errado, mirra, socorro, urro), nunca em início de palavra ou depois de consoante.

pub

Palavra do dia

ban·ga·la·fu·men·ga ban·ga·la·fu·men·ga


(origem duvidosa)
nome masculino

[Brasil: Nordeste, Depreciativo]   [Brasil: Nordeste, Depreciativo]  Indivíduo sem valor, sem préstimo. = JOÃO-NINGUÉM, ZÉ-NINGUÉM

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/folgo [consultado em 03-08-2021]