PT
BR
Pesquisar
Definições



conciliar

A forma conciliarpode ser[adjectivo de dois génerosadjetivo de dois géneros] ou [verbo transitivo e pronominal].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
conciliar1conciliar1
( con·ci·li·ar

con·ci·li·ar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo e pronominal

1. Pôr de acordo ou chegar a acordo com. = ALIAR, CONGRAÇAR, JUNTAR, REUNIRDESUNIR, SEPARAR

2. Pôr ou ficar em paz. = ACALMAR, APAZIGUAR, AQUIETAR, PACIFICAR, SERENAR, TRANQUILIZARAGITAR, ALVOROÇAR, ENERVAR

3. Combinar ou combinarem-se elementos aparentemente divergentes, contrários ou incompatíveis. = ARTICULAR, COMPATIBILIZAR, CONCERTAR, CONJUGARINCOMPATIBILIZAR

4. Alcançar, atrair, granjear.

etimologiaOrigem etimológica:latim concilio, -are, unir, cativar, pôr-se de acordo com, procurar obter.
conciliar2conciliar2
( con·ci·li·ar

con·ci·li·ar

)


adjectivo de dois génerosadjetivo de dois géneros

1. Relativo a concílio.

2. Que faz parte de um concílio.

sinonimo ou antonimoSinónimoSinônimo geral: CONCILIÁRIO

etimologiaOrigem etimológica:concílio + -ar.

Auxiliares de tradução

Traduzir "conciliar" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Agradeço que me informem como devo pronunciar a palavra maximizar, isto é, se deve ser macsimizar ou massimizar.
A letra -x- da palavra maximizar poderá ser pronunciada [ks] ou [s] e é esta a opção dos dicionários de língua que registam a transcrição fonética (por exemplo, o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea, da Academia das Ciências ou do Grande Dicionário Língua Portuguesa, da Porto Editora), pois se por um lado deriva do adjectivo e substantivo máximo, cujo -x- se lê habitualmente [s] no português europeu, por outro tem alguma influência do inglês (maximise ou maximize) ou do francês (maximiser).



Como se escreve: "boas festas a todos os seguidores" ou "boas-festas a todos os seguidores"?
Como o contexto que refere não é suficientemente esclarecedor, ambas as grafias, boas festas e boas-festas, estão correctas; os seus usos e funções é que são distintos.

Regra geral, expressões de votos escrevem-se sem hífen:
1. a) Já começaram a jantar? Bom apetite.
b) Boa viagem e boas férias.
c) Se não nos virmos antes, Bom Natal e Bom Ano.
d) Bom feriado! Aproveite para descansar.
e) Obrigada pelo convite mas acabei de lanchar. Bom proveito!

O mesmo acontece com os cumprimentos e saudações:
2. a) Bom dia. Como tem passado?
b) Boa tarde, meninos.
c) Então, boa noite e até amanhã.

No entanto, enquanto substantivos designativos desses cumprimentos, as formas de 2) são escritas com hífen:
3. a) Chega sempre com um bom-dia sorridente.
b) Que boa-tarde sisudo foi esse?
c) Deixo um boa-noite caloroso a todos os ouvintes.

O par boas festas/boas-festas tem um comportamento semelhante, podendo ser interjeição ou substantivo, de acordo com o contexto em que essas expressões são usadas. Quando se pretende cumprimentar e expressar votos de felicidade no Natal e no Ano Novo, usa-se a locução, escrita sem hífen: Boas festas a todos os seguidores. Quando a expressão é usada como substantivo, escreve-se com hífen: Aproveito para estender as minhas sinceras boas-festas a todos os seguidores.