PT
BR
Pesquisar
Definições



cerco

A forma cercopode ser [primeira pessoa singular do presente do indicativo de cercarcercar] ou [nome masculino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
cerco1cerco1
|ê| |ê|
( cer·co

cer·co

)


nome masculino

1. Acto de cercar.

2. [Militar] [Militar] Disposição de tropas em redor de uma praça ou fortaleza da qual se vão aproximando no possível. = ASSÉDIO, SÍTIO

3. Campo cercado.

4. [Pesca] [Pesca] Armação de redes dispersas em círculo que se vai apertando.

5. [Caça] [Caça] Disposição de homens em curva cerrada, que se vai estreitando, para se colher no meio a caça.

6. [Figurado] [Figurado] Série de acontecimentos.

7. [Jogos] [Jogos] Parada ou aposta numa carta contra três, no jogo do monte.


cerco sanitário

Conjunto de medidas de protecção que isolam uma área contaminada para evitar a propagação de doença ou epidemia. = CERCA SANITÁRIA, CORDÃO SANITÁRIO

etimologiaOrigem etimológica:derivação regressiva de cercar.
cerco2cerco2
|é| |é|
( cer·co

cer·co

)


nome masculino

[Zoologia] [Zoologia] Apêndice articulado, geralmente presente em par, na extremidade do abdómen de alguns artrópodes.

etimologiaOrigem etimológica:grego kérkos, -ou, cauda de animal.
cercarcercar
( cer·car

cer·car

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Fazer cerca a.

2. Fechar com muro, sebe, etc.

3. Pôr cerco a. = SITIAR

4. [Figurado] [Figurado] Estar em toda a volta. = CIRCUNDAR, RODEAR

5. Apertar.

6. Constranger.


verbo pronominal

7. Ter determinadas pessoas como companhia; fazer-se acompanhar. = CIRCUNDAR-SE, RODEAR-SE

8. Ficar mais próximo. = APROXIMAR-SE

etimologiaOrigem etimológica:latim circo, -are, ir em volta, rodear.

Auxiliares de tradução

Traduzir "cerco" para: Espanhol Francês Inglês

Anagramas



Dúvidas linguísticas



Gostaria de saber qual a forma correcta: 1) deve realçar-se que o tema... ou 2) deve-se realçar que o tema...
Para resposta à dúvida colocada, por favor consulte outra dúvida respondida sobre o mesmo assunto em posição dos clíticos em locuções verbais. Nos exemplos referidos, o verbo dever forma com o verbo realçar uma locução verbal e tem um comportamento que se aproxima do de um verbo auxiliar. Por este motivo, o clítico se poderá ser colocado depois do verbo principal (ex.: deve realçar-se), do qual depende semanticamente, ou a seguir ao verbo auxiliar (ex.: deve-se realçar). É de realçar que a posição mais consensual (e aconselhada por vários gramáticos) é a primeira, isto é, depois do verbo principal.



Gostaria de saber como se deve pronunciar a palavra item: "item" ou "aitem" como tantas vezes se ouve?
O substantivo português item tem origem no advérbio latino item, com o significado "da mesma forma" ou "também" e é usado em enumerações ou listas. Em português, esta palavra pode significar "artigo" ou "uma das partes de algo". Relativamente à pronúncia da parte final da palavra, parece haver alguma oscilação entre uma pronúncia alatinada ['it3m] (em que se lê a consoante m, como em estrangeirismos como modem) e uma pronúncia de acordo com as regras gerais da terminação -em ['itãj] (em que -em se lê como uma vogal nasal, à semelhança de em ou nuvem).

Não há, no entanto, nenhum motivo para pronunciar o i inicial como [ai], pois isso não corresponde à pronúncia desta vogal em português; a pronúncia [ai]tem corresponde a uma influência da pronúncia do inglês (como em iceberg ou em ice tea), que não se justifica neste caso.

Os argumentos acima expostos podem aplicar-se a outros latinismos como idem ou ibidem.