PT
BR
Pesquisar
Definições



carneiro

A forma carneiroé[nome masculino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
carneiro1carneiro1
( car·nei·ro

car·nei·ro

)


nome masculino

1. [Zoologia] [Zoologia] Mamífero ruminante e lanígero do género Ovis, da família dos bovídeos.

2. Macho da ovelha.

3. Carne desse animal.

4. Pele ou lã desse animal (ex.: casaco de carneiro).

5. [Informal] [Informal] Pessoa dócil ou submissa.

6. [Antigo] [Antigo] Máquina de guerra para arrombar portas e se desconjuntar muralhas. = CARNEIRO, VAIVÉM

7. [Astronomia] [Astronomia] Constelação zodiacal. (Geralmente com inicial maiúscula.) = ÁRIES

8. [Astrologia] [Astrologia] Signo do Zodíaco, entre Peixes e Touro. (Geralmente com inicial maiúscula.) = ÁRIES

9. Cada uma das pequenas ondas espumosas causadas pelo vento. (Mais usado no plural.)

10. Cada uma das pequenas nuvens brancas arredondadas que cobrem o céu de maneira descontínua. (Mais usado no plural.) = CÚMULO

11. [Agricultura] [Agricultura] Gorgulho da fava.

12. [Portugal: Madeira] [Portugal: Madeira] [Ictiologia] [Ictiologia] Designação comum a várias espécies de peixes do género Scorpaena, da família dos escorpenídeos, com espinhos venenosos, encontrados em águas atlânticas e mediterrânicas de pouca profundidade. = ESCORPENA, PEIXE-PEDRA, RASCASSO


carneiro hidráulico

Máquina para elevar água. = ARÍETE HIDRÁULICO

etimologiaOrigem etimológica:latim vulgar *carnarius, animal de boa carne.
Colectivo:Coletivo:Coletivo:carneirada, rebanho, redil.
carneiro2carneiro2
( car·nei·ro

car·nei·ro

)


nome masculino

1. Subterrâneo sepulcral. = CRIPTA

2. Depósito de ossadas exumadas dos cemitérios.

3. Cemitério.

etimologiaOrigem etimológica:latim vulgar carnarium, -ii, gancho para carnes.

Auxiliares de tradução

Traduzir "carneiro" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Gostaria de saber se o verbo vir na frase eu não quero que eles "vão" à festa, está correto e se não qual é a forma correta.
Na frase Eu não quero que eles vão à festa está presente o verbo ir, indicando que alguém faz uma acção de se deslocar de cá para lá, ou de um local próximo para um local mais afastado.
Se quiser utilizar o verbo vir, indicando que alguém faz uma acção de se deslocar de lá para cá, ou de um local afastado para um local mais próximo de quem fala, deverá utilizar a forma venham.
Em ambos os casos, a frase estará correcta, pois trata-se de formas verbais no presente do conjuntivo (ou presente do subjuntivo, no português do Brasil), por fazer parte de uma oração subordinada completiva ou integrante, que é complemento directo do verbo querer. As duas frases apenas diferem no sentido dado por ser o verbo ir ou o verbo vir.




É correto dizer "sói acontece"? Ou seria "sói acontecer"?
O verbo soer, sinónimo de costumar ou ser frequente, é actualmente de uso raro na língua, conjugando-se principalmente nas terceiras pessoas do presente (sói, soem) e do pretérito imperfeito (soía, soíam) do indicativo.

Pesquisas em corpora e em motores de busca revelam uma frequência mais elevada deste verbo nos séculos XV e XVI, nomeadamente em obras de autores como Fernão Lopes, Garcia de Resende, Bernardim Ribeiro, João de Barros ou Luís de Camões, ocorrendo em construções transitivas, sobretudo com orações infinitivas (ex.: que reis e duques soíam temer), e intransitivas (ex.: e ali folgou o rei mais do que soía; que os navios fossem e voltassem como soíam).

Presentemente, o emprego do verbo soer é essencialmente erudito, recaindo maioritariamente em construções com orações infinitivas como complemento directo (ex.: um filme alternativo, como sói dizer-se; a figura do professor, que soía ser uma referência, tem vindo a esbater-se) ou como sujeito (ex.: soía fazer frio no Inverno, mas agora nem as aves migram).