Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

caracterização

caracterizaçãocaracterização ou caraterizaçãocaracterização | n. f.
derivação fem. sing. de caracterizarcaraterizarcaracterizar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

ca·rac·te·ri·za·ção |âct| ou |ât|ca·rac·te·ri·za·ção |âct| ou ca·ra·te·ri·za·ção |ât|ca·rac·te·ri·za·ção


(caracterizar + -ção)
nome feminino

1. Acto de caracterizar.

2. Determinação do carácter.

3. [Cinema, Teatro, Televisão]   [Cinema, Teatro, Televisão]  Alteração feita no rosto ou no corpo para adequar alguém às características ou necessidades de uma personagem ou de uma aparição em cinema, teatro ou televisão.




• Dupla grafia pelo Acordo Ortográfico de 1990: caraterização.
• Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990: caracterização.


• Grafia no Brasil: caracterização.

• Grafia em Portugal: caraterização.

ca·rac·te·ri·zar |âct| ou |ât|ca·rac·te·ri·zar |âct| ou ca·ra·te·ri·zar |ât|ca·rac·te·ri·zar

- ConjugarConjugar

(francês caractériser)
verbo transitivo e pronominal

1. Determinar o carácter.

2. Fazer uma descrição com exactidão das características ou qualidades (ex.: caracterize a personagem principal; pediu a cada um que se caracterizasse). = DESCREVER

3. Tornar ou ficar saliente ou evidente (ex.: a frontalidade caracteriza-o; a adolescência caracteriza-se por mudanças físicas e psicológicas). = ASSINALAR, DISTINGUIR, EVIDENCIAR

4. Realizar modificações no rosto ou no corpo para corresponder às características ou necessidades de uma personagem ou de uma aparição em cinema, teatro ou televisão; fazer a caracterização artística ou estética de alguém ou de si próprio (ex.: caracterizar os actores; o palhaço caracteriza-se sozinho).




• Dupla grafia pelo Acordo Ortográfico de 1990: caraterizar.
• Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990: caracterizar.


• Grafia no Brasil: caracterizar.

• Grafia em Portugal: caraterizar.
pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "caracterização" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

...desejos, foi ponderada o que se julga ser a oportunidade do estudo e da caracterização de um Programa de Habitação Adaptável

Em infohabitar - o blog do grupo habitar

consecutivos e ininterruptos, contados a partir da caracterização do desastre, vedada a prorrogação dos contratos..

Em Rede Brasil de Noticias - O Point da Informação

...desejos, foi ponderada o que se julga ser a oportunidade do estudo e da caracterização de um Programa de Habitação Adaptável

Em infohabitar - o blog do grupo habitar

...Paulo Raimundo, novo secretário-geral do PCP, foi quase música para os meus ouvidos: a caracterização da hiena

Em Abencerragem

...referindo que a pobreza no trabalho resulta, precisamente, da combinação dos rendimentos com a caracterização do agregado

Em www.ultraperiferias.pt
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


No seguinte exemplo, o pronome do complemento directo deve vir antes ou depois do verbo?
- Já fizeste o trabalho?
- Sim, acabei de o fazer. / Sim, acabei de fazê-lo.
- Não, ainda tenho de o fazer. / Não, ainda tenho de fazê-lo.
Nas frases indicadas, as locuções verbais acabar de fazer e ter de fazer correspondem a construções em que os verbos acabar e fazer, seguidos da preposição de, são verbos auxiliares. Em geral, em locuções verbais com verbos auxiliares ou semiauxiliares (excepto com os que formam tempos verbais compostos: ex.: tem lido, foi lido), o clítico é colocado depois do verbo principal (ex.: O livro é interessante e posso lê-lo em dois dias; Ele veio visitar-me esta semana), podendo haver, menos consensualmente, colocação do clítico depois do verbo auxiliar ou semiauxiliar (ex.: O livro é interessante e posso-o ler em dois dias; Ele veio-me visitar esta semana). No entanto, quando a construção do verbo auxiliar ou semiauxiliar inclui uma preposição, especialmente de ou por, o pronome clítico pode ocorrer antes ou depois do verbo auxiliar (ex. Sim, acabei de o fazer. / Sim, acabei de fazê-lo), mas não depois do verbo auxiliar (ex. *Sim, acabei-o de fazer; o asterisco indica agramaticalidade).
Esta reflexão aplica-se também à outra frase apresentada (Não, ainda tenho de o fazer. / Não, ainda tenho de fazê-lo), mas nesse caso será ainda possível a opção Não, ainda o tenho de fazer, pois o advérbio ainda tem a propriedade de atracção do clítico (ver os casos referidos nas alíneas a) a j) da resposta posição dos clíticos).




Será que existe o plural de arroz em arrozes? Será que se emprega?
O substantivo arroz, apesar de ser mais frequentemente usado no singular, forma o plural arrozes, seguindo o paradigma regular das palavras terminadas em z (ex.: capazcapazes; felizfelizes; velozvelozes; xadrezxadrezes; avestruzavestruzes). A palavra arroz é considerada um substantivo não contável (ou substantivo massivo), isto é, um substantivo que designa um conjunto cujas várias partes não se podem enumerar ou contar (ex.: comprei tabaco; a frase comprei dois tabacos será entendida como comprei dois tipos de tabaco), ao contrário dos substantivos contáveis, que designam uma ou várias partes enumeráveis de um conjunto (ex.: comprei cigarros e fumei dois). Os substantivos não-contáveis podem, no entanto, admitir plural para designar qualificações ou quantificação de porções da entidade referente (ex.: fez vários arrozes para acompanhar o frango = fez vários tipos de arroz para acompanhar o frango).
pub

Palavra do dia

pi·ca·ú pi·ca·ú


(origem duvidosa)
nome masculino

[Brasil]   [Brasil]   [Ornitologia]   [Ornitologia]  Designação dada a várias aves da família dos columbídeos. = POMBA

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/caracteriza%C3%A7%C3%A3o [consultado em 30-11-2022]