Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

avesso

avessoavesso | adj. | n. m. | n. f.
1ª pess. sing. pres. ind. de avessaravessar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

a·ves·so |ê|a·ves·so |ê|


(latim aversus, -a, -um, particípio passado de averto, -ere, afastar, remover, tirar, roubar)
adjectivo
adjetivo

1. Que é contra ou que discorda. = AVERSO, CONTRÁRIO, HOSTILFAVORÁVEL

2. Oposto ao que deve ser.

3. Mau.

nome masculino

4. Lado oposto ao dianteiro ou ao principal. = CONTRÁRIO, ENVESSO, REVERSO

5. O que tem sentimentos diferentes de outrem.

6. Aquilo que tem ou mostra a maior diferença possível em relação a outra coisa. = CONTRÁRIO, INVÉS, OPOSTO, REVERSO

7. Lado mau.

nome feminino

8. [Portugal]   [Portugal]   [Viticultura]   [Viticultura]  Casta de uva branca cultivada na região portuguesa do Douro.


do avesso
Com o lado destinado ao interior virado para fora (ex.: vestiu a camisola do avesso). = AO CONTRÁRIO

Em estado de grande confusão ou alteração (ex.: a casa ficou do avesso; ele está completamente do avesso).


a·ves·sar a·ves·sar

- ConjugarConjugar

verbo transitivo

Tornar avesso.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "avesso" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Além de luxos era avesso a glórias e honrarias..

Em De Rerum Natura

...Metamorfose dos Pássaros”, Catarina Vasconcelos fez a curta-metragem “Metáfora ou a Tristeza Virada do Avesso ” (2014)..

Em VISEU, terra de Viriato.

Ao avesso do que sucede no Bloco de Esguelha, no CDS não compensa a garotice inimputável..

Em daniel abrunheiro

O que piora com um governo avesso à educação e à cultura, que ataca diuturnamente a ciência e às universidades públicas

Em O VAGALUME

O avesso da comédia Tudo isto aconteceu através de uma galeria de actores que Rohmer, em...

Em sound + vision
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Venho por este meio para me tirarem uma dúvida que é a seguinte: Quando uma pessoa muda de uma região para a outra, mas dentro do próprio país, como se diz? Emigrar ou Imigrar? E quando uma pessoa vai para outro país para trabalhar e para viver?
Os verbos emigrar e imigrar têm em comum o significado de migrar, e apenas diferem no ponto de vista, isto é, emigrar é "sair, temporária ou definitivamente, do seu país ou região" e imigrar é "entrar e fixar-se, periódica ou definitivamente, num outro país ou região" (o mesmo se aplica aos respectivos derivados, como emigrante/imigrante, emigração/imigração). Esta diferença deve-se ao facto de o verbo emigrar conter, já em latim, um elemento e- ou ex-, que deriva da preposição latina ex e que indica "movimento para fora", da mesma forma que o verbo imigrar contém um elemento i- ou in-, que deriva da preposição latina in e que indica "movimento para dentro".

Assim, pode dizer-se, por exemplo, que um português que vai trabalhar para o estrangeiro emigra, relativamente a Portugal (ex.: o pai dele emigrou aos 17 anos; estava a pensar emigrar para a Austrália), e imigra, relativamente ao país de acolhimento (ex.: a família imigrou e já vive neste país há uma década); da mesma forma, um estrangeiro que veio trabalhar para Portugal é imigrante neste país (ex.: os imigrantes permitem rejuvenescer a população envelhecida) e emigrante no seu país de origem (ex.: todos os meses, o emigrante envia dinheiro à família).

Como foi dito acima, qualquer um destes verbos (e ainda o verbo migrar) pode ser usado tanto para uma acção de mudança de país como de região (ex.: abandonaram o cultivo dos campos e emigraram para a cidade; imigrara vinte anos antes, vindo dos Açores).




Qual a escrita correcta para o planeta? Urano ou Úrano?
Os vocabulários tidos como as maiores referências para o português europeu (Vocabulário da Língua Portuguesa, de Rebelo Gonçalves e Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro Machado) registam apenas a forma Úrano, referindo Rebelo Gonçalves que a forma Urano, apesar de corrente, “é inexacta”. Esta indicação deve-se à forma latina Uranus, em que o U da antepenúltima sílaba é uma vogal longa (sendo o -a- da penúltima sílaba uma vogal breve), o que corresponde geralmente a uma palavra esdrúxula em português.

No entanto, parece ter havido uma regularização da acentuação da palavra (em português, o padrão mais regular de acentuação é o das palavras graves, isto é, acentuadas na penúltima sílaba), e é de facto muito corrente a forma Urano, inclusivamente com registo em dicionários. Por este motivo, e apesar de a forma Úrano ser a preferida pelos autores mais puristas, pode hoje considerar-se aceitável também a forma Urano.

pub

Palavra do dia

con·ge·ni·al con·ge·ni·al


(con- + genial)
adjectivo de dois géneros
adjetivo de dois géneros

1. Conforme ao génio ou à índole de alguém ou de alguma coisa (ex.: era a rebeldia congenial da adolescência). = INERENTE

2. Próprio por natureza; que vem desde o nascimento (ex.: sentimentos congeniais; virtude congenial). = CONATO, CONGÉNITO, INATO, INGÉNITO, NATO, NATURAL

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/avesso [consultado em 02-12-2021]