Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

autónoma

fem. sing. de autónomoautônomo
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

au·tó·no·mo au·tô·no·mo


(grego autonómos, -os, -ou)
adjectivo
adjetivo

1. Que tem autonomia.DEPENDENTE

2. Que determina as suas próprias normas; que não depende de outro. = INDEPENDENTE, LIVREDEPENDENTE

3. [Política]   [Política]  Que tem de autonomia administrativa em relação a um governo ou poder central (ex.: governo autónomo; região autónoma).

adjectivo e nome masculino
adjetivo e nome masculino

4. Que ou quem exerce uma profissão por conta própria (ex.: trabalhador autónomo; os autónomos exigem mais direitos).


• Grafia no Brasil: autônomo.

• Grafia no Brasil: autônomo.

• Grafia em Portugal: autónomo.

• Grafia em Portugal: autónomo.
pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "autónoma" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

...último passo: retirar completamente os pilotos humanos e pilotar aviões remotamente ou de forma autônoma ..

Em NOTÍCIAS SOBRE AVIAÇÃO AVIATION NEWS

) As tensões na Jordânia, entre uma OLP cada vez mais autónoma e o governo do Rei Hussein, estavam se agravando e uma campanha militar foi...

Em Geopedrados

mx el 10 de enero fue atacada la comunidad autónoma 16 de Febrero en el municipio autónomo Lucio Cabañas, municipio oficial de Ocosingo, Chiapas,...

Em Blogo Social Português

"O autoteste deve resultar de uma escolha livre e autônoma da pessoa em questão..

Em Caderno B

...os seus deveres e obrigações constitucionais para com uma parcela do estado, uma região autónoma com 250 mil habitantes que não tem culpa de terem que aturar certos salafrários...

Em www.ultraperiferias.pt
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Qual é o diminutivo da palavra foto? Esse diminutivo é masculino ou feminino?
A adjunção de sufixos diminutivos não altera as propriedades morfossintácticas do derivante, que são herdadas pelo derivado. Assim, por exemplo, os sufixos -inho e -zinho alteram apenas a informação semântica (o juízo de valor que se faz sobre a forma de base a que se juntam), mantendo a mesma categoria sintáctica e o mesmo género do derivante: quando se associam a um adjectivo geram um adjectivo (moderno/a - moderninho/a - modernozinho/a), quando se associam a um nome geram um nome (papel - papelinho - papelzinho) e quando se associam a um advérbio geram um advérbio (devagar - devagarinho - devagarzinho).

Tradicionalmente, os sufixos -inho e -zinho são considerados o mesmo, sendo a consoante -z- encarada como um elemento de ligação, pelo que a forma -zinho é tida como uma variante de -inho. No entanto, o seu emprego é distinto, já que se associam a diferentes formas de base, o que faz deles mais do que meras variantes. O sufixo -inho associa-se a radicais, mantendo sempre a vogal da forma de base no caso de palavras de tema em -a ou -o (ex.: um livro - um livrinho; uma caneta - uma canetinha; um pijama - um pijaminha; uma tribo - uma tribinho) e, no caso de palavras de tema em -e ou de tema nulo, substituindo a vogal da forma de base por -a e por -o, consoante os valores de feminino e masculino, respectivamente, da palavra de base (ex.: um sabonete - um sabonetinho; uma semente - uma sementinha; um anel - um anelinho; uma espiral - uma espiralinha). O sufixo -zinho associa-se a palavras (e não a radicais), mantendo a vogal temática de acordo com o género da palavra de base (ex.: um livro - um livrozinho; uma caneta - uma canetazinha; um pijama - um pijamazinho; uma tribo - uma tribozinha; um sabonete - um sabonetezinho; uma semente - uma sementezinha; um anel - um anelzinho; uma espiral - uma espiralzinha). O mesmo é válido para os sufixos -ito e -zito.

Posto isto, o substantivo feminino foto (redução de fotografia) pode apresentar vários diminutivos, consoante os sufixos usados, sendo todos femininos: uma foto - uma fotinho, uma fotozinha, uma fotito, uma fotozita. Não há muitos substantivos femininos terminados em -o (para além de foto e tribo, a lista inclui expo (redução de exposição), imago, libido, moto, virago e pouco mais) e o seu uso no grau diminutivo não é dos mais frequentes, o que justifica as hesitações e, por vezes, as incorrecções de alguns falantes.




Hoje em dia escuto muito, em resposta a um obrigada: ‘’obrigado eu’’. Não me soa bem e acho que está errado. Tenho razão?
Obrigado (a/os/as) é um adjectivo (também usado como interjeição) que pode ser definido como "que se sente devedor de alguma coisa, normalmente um favor ou uma amabilidade". Este adjectivo deriva do verbo obrigar, sendo provável que originalmente fosse uma construção verbal como "Fico-lhe obrigado" ou "Ela ficou-lhe obrigada". A construção "Obrigado eu" é uma maneira cortês de responder no discurso oral a um agradecimento, enfatizando que é o sujeito quem agradece, como se fosse "Sou eu que lhe fico obrigado (= agradecido, grato)".
pub

Palavra do dia

per·ca·li·na per·ca·li·na


(francês percaline)
nome feminino

Tecido de algodão, leve e lustroso, empregado sobretudo em forros e em encadernações de livros.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/aut%C3%B3noma [consultado em 20-01-2022]