Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
Palavra não encontrada. Sugerir a inclusão no dicionário da palavra pesquisada.
pub

Dúvidas linguísticas


Gostaria de saber qual é a origem da palavra Obrigada (o) e também como se deve responder a esta palavra.
Obrigado (a/os/as) é um adjectivo (também usado como interjeição) que pode ser definido como "que se sente devedor de alguma coisa, normalmente um favor ou uma amabilidade". Este adjectivo deriva do verbo obrigar, sendo provável que originalmente fosse uma construção verbal como "Fico-lhe obrigado (= agradecido)" ou "Ela ficou-lhe obrigada (= agradecida)".

As respostas à fórmula de agradecimento obrigado(a) podem ser muito variadas, muitas vezes dependendo da situação de comunicação, como "Não tem de quê", "De nada", "Obrigado(a) eu" ou ainda "Obrigados(as) nós".




Gostaria de saber a diferença entre as palavras "redonda" e "redondo" e na frase " a cerveja que desce redondo".
Na frase que refere, a palavra redondo é usada como advérbio e não como adjectivo.

Este uso adverbial do vocábulo redondo encontra-se registado no Dicionário Priberam, no Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa e no Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa, que o registam como sinónimo do advérbio redondamente, na acepção “de modo completo ou por inteiro”, sendo especialmente usado em coocorrência com o verbo cair (ex.: elas caíram redondo no chão, mas não se magoaram). Sendo advérbio, e tal como se pode verificar pelo exemplo, não flexiona nem em género nem em número. É provável que na frase a cerveja que desce redondo se pretenda estabelecer uma analogia entre o modo como “se cai redondo” e o modo como a cerveja “desce redondo”.

O uso adverbial de adjectivos é relativamente comum na língua portuguesa, sendo exemplo disso as palavras claro (ex.: o primeiro-ministro falou claro), directo (ex.: ela foi directo para Amesterdão), rápido (ex.: eles chegaram rápido a Lisboa) ou raro (ex.: a neve cai raro nesta cidade).

Palavra do dia

o·ré·a·de o·ré·a·de
(latim Oreas, -adis)
nome feminino

[Mitologia]   [Mitologia]  Ninfa dos bosques, dos montes ou das grutas.

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, https://dicionario.priberam.org/Zwietracht [consultado em 07-07-2020]