PT
BR
Pesquisar
Definições



vira-folha-de-garganta-cinza

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
vira-folha-de-garganta-cinzavira-folha-de-garganta-cinza
( vi·ra·-fo·lha·-de·-gar·gan·ta·-cin·za

vi·ra·-fo·lha·-de·-gar·gan·ta·-cin·za

)


nome masculino

[Ornitologia] [Ornitologia] Ave passeriforme (Sclerurus albigularis) da família dos furnariídeos. = VIRA-FOLHAS-DE-GARGANTA-CINZENTA

etimologiaOrigem etimológica:vira + folha + de + garganta + cinza.

Esta palavra no dicionário



Dúvidas linguísticas



Tenho verificado a existência, ao longo do país , de repetição de topónimos; por exemplo: Trofa, Gondar, Bustelo. Qual é a etimologia dessas palavras?
Segundo o Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa (3.ª ed., Lisboa: Livros Horizonte, 3 vol., 2003), de José Pedro Machado, o topónimo Bustelo, muito frequente em Portugal e na Galiza, talvez seja diminutivo de busto ‘campo de pastagem’. Quanto a Gondar, o autor aventa a hipótese de provir de uma hipotética forma gótica (ou goda) Gunthi-harjis ‘exército para combate’. Por fim, o topónimo Trofa é de origem obscura.



Ao fazer a pesquisa do termo prescindir, observei que constava como verbo intransitivo. Pesquisei, no entanto, no dicionário Aurélio e constava como verbo transitivo. Gostaria de alertar para esse possível erro.
Apesar de, actualmente, o verbo prescindir dever ser considerado um verbo transitivo indirecto, como faz o Aurélio, a classificação mais tradicional em dicionários portugueses (diferentemente de dicionários brasileiros como o Aurélio ou o Houaiss) é classificar verbos com regência de proposições que não sejam a (como "entregar a") como intransitivos (como é o caso de "prescindir de"). Em casos semelhantes, é normal encontrar discrepâncias entre dicionários portugueses e brasileiros, sendo a classificação dos segundos geralmente mais rigorosa.