Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
toucatouca | s. f.
touçatouça | s. f.
Será que queria dizer touca?
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

tou·ca tou·ca
(origem controversa)
nome feminino

1. Cobertura ténue de cabeça, geralmente de mulher ou criança.Ver imagem

2. Peça de tecido com que as freiras cobrem a cabeça. = TOALHA

3. Faixa que se enrola na cabeça para formar o turbante.

4. [Informal, Figurado]   [Informal, Figurado]  Bebedeira.


dormir de touca
[Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Deixar-se enganar. = BOBEAR

[Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Perder ou deixar passar uma oportunidade. = BOBEAR


tou·ça tou·ça
nome feminino

1. Pé de castanheiro de onde saem as varas de que se fazem os arcos.

2. O pé da cana-de-açúcar.

3. [Regionalismo]   [Regionalismo]  Moita.


SinónimoSinônimo Geral: TOIÇA

pub

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Na seguinte frase Pessoas que utilizam o computador, a Internet, os famosos jogos virtuais, possuem um desempenho maior com relação às pessoas que não os utilizam, como poderia dividi-la em sujeito e predicado?
Na frase que menciona, a função sintáctica de sujeito é desempenhada pelo grupo nominal que contém uma frase (pessoas que utilizam o computador, a Internet, os famosos jogos virtuais) e a função sintáctica de predicado é desempenhada pelo verbo possuir e pelos constituintes que dele dependem (possuem um desempenho maior com relação às pessoas que não os utilizam).



Gostaria de esclarecer a dúvida seguinte: o predicado de uma frase pode ou não conter outros elementos como complementos directo e indirecto, circunstanciais, atributo, predicativo do sujeito? Pelo que leio na gramática de Celso Cunha e Lindley Cintra e em outras parece que sim, mas surgiram dúvidas sobre o assunto na minha escola.
O predicado é um conceito complexo. No entanto, e especialmente quando é o ensino e a explicitação da língua o que está em causa, é necessário definir conceitos operatórios. Assim, pode dizer-se que o predicado é constituído pelo verbo e pelos constituintes que dele dependem (por oposição aos constituintes que dependem da frase), correspondendo ao sintagma verbal. Por esta ordem de ideias, o complemento directo e o complemento indirecto pertencerão necessariamente ao predicado (ex.: ele ouviu um disco; o gato gostou da refeição; o aluno entregou o trabalho ao professor), assim como o predicativo do sujeito (ex.: a mãe está doente), o predicativo do complemento directo (ex.: o grupo achou a proposta interessante) ou o predicativo do complemento indirecto (ex.: ela chamou incompetente ao colega).

Segundo o Dicionário Terminológico, o predicado é uma “função sintáctica desempenhada pelo grupo verbal e pelos modificadores do grupo verbal”, sendo que o grupo verbal é constituído pelo verbo e pelos seus complementos obrigatórios. Este dicionário, da responsabilidade da Direcção-Geral de Inovação e Desenvolvimento Curricular do Ministério da Educação, visa contribuir para a discussão e resolução de problemas científicos e pedagógicos, pode auxiliar a investigação imprescindível aos docentes e ajuda ao esclarecimento de dúvidas como aquela que agora nos colocou.

pub

Palavra do dia

ra·iz·-for·te |a-i| ra·iz·-for·te |a-i|
nome feminino

[Botânica]   [Botânica]  Planta brassicácea (Armoracia rusticana) cujas raízes são usadas como condimento picante. = RÁBANO-PICANTE, SARAMAGO-MAIOR

Plural: raízes-fortes.Plural: raízes-fortes.
pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, https://dicionario.priberam.org/tou%C3%A7a [consultado em 16-01-2021]