Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

tomara-que-caia

tomara-que-caiatomara-que-caiatomara que caia | adj. 2 g. 2 núm. n. m. 2 núm. | n. m. 2 núm.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

to·ma·ra·-que·-cai·a to·ma·ra·-que·-cai·a to·ma·ra que cai·a


adjectivo de dois géneros e dois números e nome masculino de dois números
adjetivo de dois géneros e dois números e nome masculino de dois números

1. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Diz-se de ou peça de roupa feminina, justa ao tronco, que cobre sobretudo o peito, sem alças nem mangas (ex.: vestido tomara-que-caia). [Equivalente no português de Portugal: caicai.]

nome masculino de dois números

2. Sutiã sem alças (ex.: eu não consigo encontrar um tomara-que-caia seguro). [Equivalente no português de Portugal: caicai.]


• Grafia no Brasil: tomara que caia.

• Grafia alterada pelo Acordo Ortográfico de 1990: tomara que caia.
• Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990: tomara-que-caia


• Grafia em Portugal: tomara-que-caia.
pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

Não é possível Agora é o termo " tomara que caia " que vira alvo das feministas contra o machismo e sexismo. Que absurdo. Onde vamos parar? "A atriz Mariana Ximenes divulga ação, em parceria com a Hering e com a revista Bazaar, para que a moda deixe de usar o termo “ tomara que caia ” e passe a usar

Em VARAL de IDÉIAS

Nei Duclós Esse vestido que usas por charme E que chama a torcida que não se emenda Todos querem teu consentimento Que só a ti pertence, neste limite Entre a roupa real e a nudez imaginada Tomara que desça aos pés o que só ameaça E teu escolhido te leve para o baile Pois estás entre o êxtase e a

Em Outubro

ainda por quanto tempo vou usar esse aparelho. Só sei que devo voltar para avaliação em torno de 20 dias. Tomara que seja "semi-eterno" o aparelho e o seu preço. O que não quero (ninguém quer) é o que queixo caia ou que a aparência do rosto fique assimétrica. O resto dá para aguentar. Ou dar para eu

Em Paulamar

casamento do que um noivado. E se esse evento pré-casamento foi assim, imagine o grande dia!!!! Para a ocasião, Thassia optou por um vestido assinado por Dolce & Gabbana e joias de Flavia Vetorasso. O modelito tomara que caia com aplicações de renda e bustiê trabalhado de R$ 22 mil (no site da Farfetch

Em casarei.net

Bruna Marquezine Continue lendo > Sabrina Sato usou a sandália mais disputada do momento no look do dia Modelo Flame da Prada chegou com 5 unidades ao Brasil, uma delas arrematada pela apresentadora Continue lendo > NEWS Angelina Jolie faz com que o vestido tomara-que-caia pareça fácil e elegante

Em CANAL GLOBAL NEWS
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Inseri, no vosso corrector ortográfico, a palavra “desejante” que, há tempos, vi escrita, erradamente, em vez do adjectivo “desejoso”. Para surpresa minha, o citado corrector, no português de Portugal, não acusa o erro.
A palavra desejante, apesar de não se encontrar registada em nenhum dos dicionários de língua portuguesa à nossa disposição, está averbada no Vocabulário Ortográfico da Academia Brasileira de Letras e apresenta-se correctamente formada (através da aposição do sufixo -ante ao verbo desejar), daí a sua inclusão no léxico do corrector ortográfico do FLiP. O adjectivo desejante, cujo uso é bastante frequente (como se pode verificar através de pesquisas em corpora e motores de busca da Internet), partilha do significado do adjectivo desejoso (ex.: ela é uma pessoa desejosa de conhecimento = ela é uma pessoa desejante de conhecimento), apesar de este ser mais frequente e estar já consagrado pelo uso. Ambos resultam de processos regulares de derivação no português, pela junção, respectivamente, do sufixo -ante ao radical de um verbo e do sufixo -oso ao radical de um substantivo.



Na frase «O sentinela era um jovem soldado sem nome.» está correctamente aplicado o artigo definido masculino singular «O», ou deverá antes aplicar-se o artigo definido feminino «A» precedendo o nome «sentinela»? Em diferentes textos, surgem as duas diferentes formas, o que me levou a aperceber-me de uma vacilação de género; qual a preferível? E em relação a «ordenança» (enquanto soldado)?
A palavra sentinela designa, numa das suas acepções, o soldado ou, em contextos civis, a pessoa encarregada de efectuar a vigilância. Apesar de poder designar uma pessoa de sexo masculino, esta palavra surge nos dicionários como substantivo sobrecomum, registada apenas com o género feminino, à semelhança de outras palavras como criança ou pessoa. Por este motivo, será aconselhável a frase "A sentinela era um jovem soldado sem nome."

Apesar de o caso de ordenança poder parecer semelhante, o registo em dicionários confere-lhe habitualmente classificação lexical de substantivo de dois géneros, o que faz com que seja possível "O ordenança era um jovem soldado sem nome."

Esta questão varia consoante algumas especificidades lexicais de cada palavra, mas também consoante as actualizações lexicográficas feitas pelos dicionários a partir dos usos linguísticos ou de alterações sociais, culturais ou tecnológicas. O caso é porventura um pouco diferente, mas veja-se, a título de exemplo, a palavra segurança, que passou a ter, nas últimas décadas, uma acepção de substantivo de dois géneros.

pub

Palavra do dia

ar·tão ar·tão


(grego ártos, -ou, bolo ou pão de farinha de trigo)
nome masculino

[Pouco usado]   [Pouco usado]  Alimento feito de massa de farinha de cereais cozida num forno. = PÃO

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/tomara-que-caia [consultado em 16-10-2021]