PT
BR
Pesquisar
Definições



servir

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
servirservir
( ser·vir

ser·vir

)
Conjugação:irregular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Ser criado de.

2. Ser útil ou prestável a.

3. Aviar.

4. Fornecer.

5. Pôr na mesa (refeição ou tempero).

6. Ministrar (comida, bebida, etc.).

7. Cuidar de.

8. Empregar; usar.

9. Auxiliar; favorecer; ajudar.


verbo intransitivo

10. Desempenhar quaisquer funções.

11. Viver na dependência de alguém.

12. Viver ou trabalhar como servo.

13. Ser útil, vantajoso.

14. Ser favorável.

15. Dar serventia.

16. Fazer as vezes de.

17. Causar.

18. [Desporto] [Esporte] Colocar a bola em jogo, lançando-a por cima da rede para o campo do adversário em jogos como o ténis ou o voleibol. = BOLAR


verbo pronominal

19. Dignar-se.

20. Aproveitar-se.

21. Utilizar-se de uma iguaria, à mesa.

etimologiaOrigem etimológica:latim servio, -ire, ser escravo.
Confrontar: servil.

Auxiliares de tradução

Traduzir "servir" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Ao fazer a pesquisa do termo prescindir, observei que constava como verbo intransitivo. Pesquisei, no entanto, no dicionário Aurélio e constava como verbo transitivo. Gostaria de alertar para esse possível erro.
Apesar de, actualmente, o verbo prescindir dever ser considerado um verbo transitivo indirecto, como faz o Aurélio, a classificação mais tradicional em dicionários portugueses (diferentemente de dicionários brasileiros como o Aurélio ou o Houaiss) é classificar verbos com regência de proposições que não sejam a (como "entregar a") como intransitivos (como é o caso de "prescindir de"). Em casos semelhantes, é normal encontrar discrepâncias entre dicionários portugueses e brasileiros, sendo a classificação dos segundos geralmente mais rigorosa.



Na frase "Houve movimentos financeiros entre todos os operadores, nacionais e estrangeiros", qual é o propósito da vírgula ali colocada? Poder-se-á concluir que a frase significa que houve movimentos financeiros entre todos os operadores nacionais, entre todos os operadores estrangeiros e entre todos os operadores nacionais e estrangeiros?
A questão colocada diz respeito, por um lado, ao uso da pontuação, nomeadamente da vírgula, e, por outro, à diferença entre os grupos adjectivais apositivos e os grupos adjectivais restritivos. Relativamente ao uso da vírgula em geral, poderá consultar a resposta vírgula antes da conjunção e.

No caso da frase em análise, a vírgula é usada para separar o aposto "nacionais e estrangeiros", constituído por dois adjectivos coordenados, do nome que está a qualificar. Este aposto não constitui uma restrição ao nome operadores, mas fornece informação adicional sobre o mesmo (trata-se de "todos os operadores", que poderão ser "nacionais ou estrangeiros"). Se porventura se tratasse de um adjectivo restritivo, isto é, que limita o significado do antecedente, não poderia ser separado do seu antecedente por vírgula (ex.: houve movimentos financeiros entre todos os operadores nacionais e não *houve movimentos financeiros entre todos os operadores, nacionais).