Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...

pornografia

pornografiapornografia | n. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

por·no·gra·fi·a por·no·gra·fi·a


(porno + -grafia)
nome feminino

1. Estudo ou descrição da prostituição.

2. Descrição ou representação de coisas consideradas obscenas, geralmente de carácter sexual.

3. Qualquer coisa (livro, revista, filme, etc.) de cariz sexual com intenção de provocar excitação.

4. Acção ou representação que ataca ou fere o pudor, a moral ou os considerados bons costumes.

Auxiliares de tradução

Traduzir "pornografia" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

...narcisismo das pequenas diferenças com o País indiferente e com o olhar fixo na pornografia do preço dos combustíveis..

Em A RODA

...As consequências disto para as vítimas podem ser fatais: imaginem um fake vídeo de pornografia gay, com a cara de um homem que viva num país onde a homossexuaidade...

Em intergalacticrobot

...própria noção de mito foi instrumentalizada, não poucas vezes reduzindo o espectáculo a uma pornografia de excessos visuais..

Em sound + vision

Orador de culto religioso detido por pornografia de menores em Valongo EDP prevê investir até 15,2 mil milhões Direção

Em A RODA

é tão comum depararmo-nos com estas ideias e talvez entendas há uma pornografia erudita feita para gente como nós..

Em a peida é um regalo ... do nariz a gente trata
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Na frase dei de caras com um leão, qual a função sintáctica das expressões de caras e com um leão?
A locução verbal dar de caras corresponde a uma expressão idiomática do português, que por esse motivo não é habitualmente decomposta, equivalendo a um verbo como deparar-se ou a outra locução verbal como encontrar subitamente. Na frase apontada, pode no entanto considerar-se a expressão de caras como um modificador adverbial (designado por complemento circunstancial na gramática tradicional), indicando o modo como se processa a acção expressa pelo verbo dar (equivalente, por exemplo a subitamente numa frase como deu subitamente com um leão).
A expressão com um leão pode ser considerada complemento indirecto seleccionado pelo verbo dar, pois com um leão é um complemento nominal introduzido indirectamente pela preposição com.




Em qual destas frases existe um erro de sintaxe? Há negócios cujas vantagens parecem evidentes; O negócio onde o meu pai está envolvido dá prejuízo.
As gramáticas e os dicionários de língua portuguesa, como o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea ou a Gramática da Língua Portuguesa (p. 664), indicam que o advérbio ou pronome relativo onde expressa unicamente valores locativos, isto é, está relacionado com a noção de lugar físico, pelo que a segunda frase que refere (o negócio onde o meu pai está envolvido dá prejuízo) pode ser de alguma forma considerada menos correcta, já que “negócio” não é, neste contexto, um espaço físico, mas um substantivo abstracto. Nessa frase, as locuções adverbiais relativas em que ou no qual podem ser tidas como mais adequadas (o negócio em que/no qual o meu pai está envolvido dá prejuízo).

A primeira frase (há negócios cujas vantagens parecem evidentes) não apresenta qualquer tipo de agramaticalidade ou incorrecção sintáctica.

Palavra do dia

sar·ra·bis·car sar·ra·bis·car


(sarrabisco + -ar)
verbo transitivo e intransitivo

Fazer sarrabiscos. = GARATUJAR, RABISCAR

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/pornografia [consultado em 28-10-2021]