PT
BR
Pesquisar
Definições



planeta

A forma planetapode ser[nome feminino] ou [nome masculino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
planeta1planeta1
|né| |né|
( pla·ne·ta

pla·ne·ta

)


nome masculino

1. Astro que gira à volta do Sol, sem luz própria, e que pode apresentar luminoso pela reflexão dos raios solares.

2. A Terra, astro habitado pelo ser humano.


planetas inferiores

[Astronomia] [Astronomia]  Os que giram entre a Terra e o Sol (Mercúrio e Vénus); os outros chamam-se superiores ou exteriores.

planetas interiores

[Astronomia] [Astronomia]  O mesmo que planetas inferiores.

etimologiaOrigem etimológica:latim tardio planeta, -ae, do grego planêtes, -ou, errante, vagabundo ou plánes, -etos, vagabundo, vadio, viajante.
planeta2planeta2
|nê| |nê|
( pla·ne·ta

pla·ne·ta

)
Imagem

LiturgiaLiturgia

Vestimenta sem mangas nem gola que os padres põem sobre a alva e a estola.


nome feminino

[Liturgia] [Liturgia] Vestimenta sem mangas nem gola que os padres põem sobre a alva e a estola.Imagem = CASULA

etimologiaOrigem etimológica:latim eclesiástico planeta, -ae.

Auxiliares de tradução

Traduzir "planeta" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Por que motivo algumas palavras fazem o diminutivo com S e outras com Z?
Entre os sufixos mais produtivos para a formação de diminutivos encontram-se -inho e -zinho. Desta forma, poderá, por exemplo, formar as palavras livrinho (livro + -inho) e livrozinho (livro + -zinho). Só poderá haver um -s- num diminutivo se a palavra primitiva já o contiver, pois não há, em português, um sufixo -sinho. Por exemplo, nas palavras adeusinho ou vasinho há um -s- porque as palavras são formadas de adeus ou vaso + -inho.



Tenho verificado a existência, ao longo do país , de repetição de topónimos; por exemplo: Trofa, Gondar, Bustelo. Qual é a etimologia dessas palavras?
Segundo o Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa (3.ª ed., Lisboa: Livros Horizonte, 3 vol., 2003), de José Pedro Machado, o topónimo Bustelo, muito frequente em Portugal e na Galiza, talvez seja diminutivo de busto ‘campo de pastagem’. Quanto a Gondar, o autor aventa a hipótese de provir de uma hipotética forma gótica (ou goda) Gunthi-harjis ‘exército para combate’. Por fim, o topónimo Trofa é de origem obscura.