Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
perfilperfil | s. m.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

per·fil per·fil
(espanhol perfil)
nome masculino

1. Contorno do rosto de uma pessoa, vista de lado.

2. Aspecto, representação de um objecto, visto de um dos seus lados.

3. Desenho que representa o corte perpendicular de um objecto.

4. Descrição ou relato em que se faz a traços rápidos o retrato moral e físico de uma pessoa.

5. [Arquitectura]   [Arquitetura]   [Arquitetura]  Corte ou secção perpendicular de um edifício, para mostrar a disposição interior.

6. [Geologia]   [Geologia]  Corte, deixando ver a disposição e a natureza das camadas de um terreno.

7. [Indústria]   [Indústria]  Peça produzida por moldagem (ex.: perfil cerâmico; perfil metálico; perfil plástico).

8. [Indústria]   [Indústria]  Barra obtida por um processo metalúrgico ou industrial, de secção transversal com diferentes formas possíveis (ex.: perfil rectangular). = PERFILADO


de perfil
De lado.

perfil de equilíbrio
Curva que corresponde a um nível hipotético em que o curso de água deixaria de escavar o seu talvegue.

perfil fugidio
O mesmo que perfil perdido.

perfil longitudinal
Linha desenhada segundo um mapa, que liga os pontos baixos de um vale.

perfil perdido
Perfil incompleto, que mostra um pouco mais da parte de trás da cabeça e um pouco menos da face.

perfil transversal
Linha traçada, segundo uma carta, perpendicularmente ao eixo de um vale.

plano de perfil
[Geometria]   [Geometria]  Em geometria descritiva, plano perpendicular aos dois planos de projecção e, por consequência, à linha da terra.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "perfil" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Gostaria de saber o correto uso das expressões retro e supra. Elas podem ser usadas com a mesma finalidade? Poderiam citar exemplos?
Enquanto palavra plena, retro pode ser usada como substantivo masculino, designando a parte de trás de uma folha de papel (ex.: a mensagem estava escrita no retro da primeira folha), como advérbio, sendo sinónimo de atrás (ex.: a cadeira estava retro à mesa), e como interjeição, exprimindo ordem de afastamento (ex.: Retro, Satanás!). O prefixo retro- indica movimento para trás e, segundo o Acordo Ortográfico de 1945, não se escreve com hífen (ex.: retroacção, retrodatar), havendo apenas duplicação de r e de s quando o elemento que se lhe segue começa por essas letras (ex.: retrorreflector, retrosseguir). Segundo o Acordo Ortográfico de 1990, o prefixo retro- só deverá ser escrito com hífen se o elemento seguinte começar por o, a mesma vogal em que termina o prefixo.

Quanto a supra, enquanto palavra plena, é advérbio sinónimo de acima (ex.: foram convocados os indivíduos referidos supra). O prefixo supra- indica (i) posição superior, (ii) superioridade, (iii) excesso e (iv) intensidade. Segundo o Acordo Ortográfico de 1945, o prefixo supra- é seguido de hífen apenas quando o elemento que se lhe segue começa por vogal (ex.: supra-axilar, supra-excitar), h (ex.: supra-hepático), r (ex.: supra-renal) ou s (ex.: supra-sensível). Segundo o Acordo Ortográfico de 1990, o prefixo supra- deve aglutinar-se sempre com o elemento seguinte (ex.: supraexcitar, supranumerário), excepto se este começar por a ou h (ex.: supra-axilar, supra-hepático), obrigando à duplicação do r e do s quando se segue de palavras começadas por essas letras (ex.: suprarrenal, suprassensível).

De acordo com o uso acima explicitado de cada uma das formas, retro, supra, retro- e supra- não podem ser utilizados com a mesma finalidade.




Pode explicar-me por que é que na frase - Quico, não faças isso, que me estragas a consola! a forma verbal faças está incorrecta?
O imperativo negativo da segunda pessoa do singular e do plural constrói-se, em português, com o presente do conjuntivo antecedido pela partícula de negação (ex.: mostra-me o que tens nas mãos/nunca me mostres o que tens nas mãos; saí daí/não saiais daí). Assim, a flexão faças (segunda pessoa do singular do presente do conjuntivo e segunda pessoa do singular do imperativo negativo do verbo fazer) está correctamente empregue na frase que refere.
pub

Palavra do dia

chis·te chis·te
(espanhol chiste)
nome masculino

1. Dito ou comentário que provoca ou pretende provocar o riso. = GRAÇA, GRACEJO, FACÉCIA, PIADA, PILHÉRIA

2. Poesia ou canção picaresca.

3. Malícia disfarçada que um dito ou um escrito encerra.

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, https://dicionario.priberam.org/perfil [consultado em 18-01-2021]