Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

perdeis

2ª pess. pl. pres. ind. de perderperder
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

per·der |ê|per·der |ê|

- ConjugarConjugar

verbo transitivo

1. Deixar de ter alguma coisa útil, proveitosa ou necessária, que se possuía, por culpa ou descuido do possuidor, ou por contingência ou desgraça.

2. Sofrer prejuízo, dano, ruína, detrimento ou diminuição em.

3. Não conseguir o que se deseja ou ama.

4. Desperdiçar, dissipar, malbaratar, menosprezar.

5. Deixar de gozar, de atender, deixar passar despercebido.

6. Descair do conceito, crédito ou estima.

7. Esquecer.

8. Causar dano ou ruína a, ou o mal ou a desgraça de.

9. Junto com alguns nomes, faltar à obrigação do que significam, ou fazer alguma coisa em contrário, como: perder o respeito, a vergonha, a educação, a cortesia, etc.

10. Tratando-se de guerra, morrer, ficar prisioneiro ou ser derrotado.

verbo intransitivo

11. Sofrer dano, prejuízo, quebra, etc.

12. Diminuir de valor, merecimento, conceito, etc.

13. Ser vencido (em jogo, aposta, etc.).

verbo pronominal

14. Errar o caminho, transviar-se.

15. Não achar saída.

16. Não achar meio de remover uma dificuldade.

17. Deixar de ser ouvido ou percebido.

18. Desaparecer, sumir-se, extinguir-se, esvaecer-se.

19. Estragar-se.

20. Inutilizar-se.

21. Conturbar-se, arrebatar-se.

22. Desvairar-se, desorientar-se.

23. Confundir-se, baralhar-se.

24. Sofrer dano ou prejuízo.

25. Arruinar-se.

26. Ficar pobre ou desgraçado.

27. Entregar-se aos vícios.

28. Perverter-se.

29. Pecar.

30. Ficar desonrado.

31. Deixar-se irresistivelmente dominar por uma paixão, por um afecto veemente.

32. Ficar preocupado, absorvido.

33. Naufragar.

34. Pôr-se em risco de perder a vida.

35. Não se aproveitar de alguma coisa.

36. Cair em desuso.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "perdeis" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Se depois perdeis as múmias todas que tendes como seguidores e aquilo, transforma-se num diário..

Em chovernomolhado.blogs.sapo.pt

A falta se manifesta sempre que perdeis

Em chamavioleta.blogs.sapo.pt

Ainda assim, a vós que de tempos a tempos perdeis uns minutinhos da

Em soumaiseu

Vós tendes um trabalho, mas pouco depois perdeis o lugar e ficais no desemprego… Casais mas, passado algum tempo, nada vai bem...

Em novo-mundo.blogs.sapo.pt

...E « bós », por aí, « aprobeitende », pois nem sabeis o que perdeis por cada bocado que deixais “ficar e ”..

Em CHAVES
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Gostaria de saber se as palavras escritas em letras maiúsculas são acentuadas. Ex.: ÁRVORE.
Na ortografia portuguesa, as palavras têm a mesma acentuação independentemente de serem grafadas com letras maiúsculas ou minúsculas. Assim, se pretender escrever árvore, ébano, ímpeto, óbito, único com inicial maiúscula ou totalmente em maiúsculas, deverá escrever Árvore ou ÁRVORE, Ébano ou ÉBANO, Ímpeto ou ÍMPETO, Óbito ou ÓBITO ou Único ou ÚNICO.

O texto do Acordo Ortográfico, que regula a ortografia do português europeu e que tem regras específicas para o uso de maiúsculas nas bases XXXIX a XLVII, não refere explicitamente este assunto, mas o próprio texto legal contém sempre acentos em maiúsculas, nomeadamente em palavras como "MINISTÉRIO", "Ámon", "Áustria-Hungria", "Nun'Álvares", "Índias" ou no nome do Presidente da República em 1945, "ANTÓNIO ÓSCAR DE FRAGOSO CARMONA".

Outras ortografias de línguas românicas próximas do português, como o espanhol ou o francês, têm o mesmo comportamento. A Real Academia Española (Ortografía de la Lengua Española, Madrid: Editorial Espasa Calpe, 1999, p. 53) refere explicitamente que as maiúsculas levam acento e que a Academia nunca estabeleceu uma norma em sentido contrário. Quanto ao francês, a tradição escolar costuma ensinar que as maiúsculas podem não ser acentuadas, não sendo essa, no entanto, a posição da Académie Française, que recomenda o uso sistemático das maiúsculas acentuadas; também a União Europeia, no Código de Redacção Interinstitucional relativo ao francês postula que as maiúsculas são, em princípio, sempre acentuadas (http://publications.europa.eu/code/fr/fr-240203.htm).




Gostaria que me informassem se se diz "à última da hora" ou "à última hora".
A locução adverbial à última hora é considerada usualmente como a expressão correcta para significar "no último momento possível" ou "quando se pensava já não ser possível", em detrimento da locução à última da hora, considerada incorrecta por alguns autores, apesar de o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências registar ambas as locuções: à última hora no verbete hora; à última da hora nos verbetes hora e último.
O principal argumento utilizado para considerar a primeira mais correcta do que a segunda é o facto de, em à última hora, o adjectivo último estar a qualificar o substantivo hora, no sentido de "que vem depois de todos". Em à última da hora, a palavra última corresponde a um substantivo, que habitualmente não é registado nos dicionários com este significado. No entanto, o substantivo última tem, nesta locução, um significado que se aproxima daquele que é usado (e dicionarizado) no substantivo plural últimas, usado em expressões como nas últimas ou às últimas. Sob este ponto de vista, a locução à última da hora é parafraseável por “nos últimos momentos da hora” ou “no limite da hora” e, assim sendo, o seu uso não pode ser condenado.
À semelhança do substantivo última, há um conjunto considerável de palavras que se empregam quase exclusivamente em locuções mais ou menos fixas, o que não lhes retira correcção. São os casos, por exemplo, do adjectivo alhas, em palhas alhas; do substantivo arrecuas, em às arrecuas; ou dos substantivos comes e bebes, na locução comes e bebes, entre muitos outros.

pub

Palavra do dia

chi·me·co |é|chi·me·co |é|


(inglês shoemaker, sapateiro)
nome masculino

[Portugal: Madeira, Informal]   [Portugal: Madeira, Informal]  Pessoa de baixa estatura. = BAIXOTE

Confrontar: chumeco.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/perdeis [consultado em 29-11-2021]