Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

pés

masc. pl. de
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!


(latim pes, pedis)
nome masculino

1. Parte do corpo humano que se articula com a extremidade inferior da perna.Ver imagem

2. Parte final dos membros, especialmente posteriores, dos vertebrados terrestres.

3. Parte que serve para sustentar certos móveis e utensílios.Ver imagem

4. Medida de extensão (= 33 centímetros).

5. Cabo (de utensílio).

6. Haste, tronco, raiz.

7. Pedúnculo, pecíolo.

8. Base, sopé.

9. Resíduo sólido ou pastoso de um líquido acumulado no fundo de um recipiente. = BORRA, FEZES, LIA, SEDIMENTO

10. Último parceiro a quem compete jogar.

11. [Enologia]   [Enologia]  O que fica da uva depois de espremida uma vez.

12. Espelho de um degrau de escada.

13. Pilar.

14. [Figurado]   [Figurado]  Modo, maneira.

15. Estado de um negócio, de uma empresa, de uma negociação (ex.: no pé em que estamos, acho que não haverá acordo).

16. Pretexto, motivo, ocasião.

17. [Encadernação]   [Encadernação]  Parte inferior do livro, oposta à cabeça.

18. [Tipografia]   [Tipografia]  Parte inferior de uma página impressa, oposta à cabeça (ex.: nota de pé de página).

19. [Tipografia]   [Tipografia]  Traço, de maior ou menor dimensão, nas extremidades de alguns tipos de letra. = APOIO, PATILHA, SERIFA

20. [Marinha]   [Marinha]  Ponta do cabo com que se vira a vela.

21. [Versificação]   [Versificação]  Conjunto de duas a quatro sílabas que serve para medir o verso grego e o latino.


acordar com os pés de fora
[Portugal, Informal]   [Portugal, Informal]  Acordar mal-humorado.

ao pé
Junto, perto, próximo (ex.: quem é que se sentou ao pé deles?).

ao pé da letra
Literalmente.

a pé
Andando; dando passos com os próprios pés.

a pé enxuto
Sem molhar os pés.

a pé firme
Sem arredar pé ou sem medo.

a pé quedo
O mesmo que a pé firme.

a pés juntos
De forma agressiva ou grosseira (ex.: foi muito delicado e não quis entrar a pés juntos).

[Figurado]   [Figurado]  Com teimosia (ex.: jurava a pés juntos que não tinha sido ele). = OBSTINADAMENTE

atar de pés e mãos
[Figurado]   [Figurado]  Restringir as possibilidades de acção de uma pessoa.

bater o pé
[Figurado]   [Figurado]  Agir de modo insistente. = INSISTIR, RECALCITRAR, RESISTIR, TEIMAR

[Figurado]   [Figurado]  Fazer frente; demonstrar oposição.

cair de pé
[Figurado]   [Figurado]  Ser derrotado com dignidade, após ter resistido corajosamente.

com o pé no estribo
Pronto para partir.

com pés de lã
Sorrateiramente, à socapa.

dar com os pés
[Figurado]   [Figurado]  Abandonar, rejeitar.

[Figurado]   [Figurado]  Terminar relacionamento.

de pé
Levantado.

de pé atrás
[Figurado]   [Figurado]  Com reservas; com desconfiança.

do pé para a mão
[Figurado]   [Figurado]  Logo; imediatamente; muito facilmente.

em pé
Levantado.

Na árvore; na planta (ex.: comprar as ervilhas em pé).

em pé de guerra
Armado.

encher o pé
Acertar com o pé em cheio na bola para rematar (ex.: encheu o pé e marcou um golaço).

enfiar o pé na jaca
[Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Ficar embriagado. = EMBEBEDAR-SE

[Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Entregar-se à diversão, à farra. = ESBALDAR

[Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Ter um comportamento excessivo ou descontrolado.

ganhar pé
Firmar os pés no fundo da água ficando com a cabeça de fora.

ir num pé e vir/voltar no outro
[Informal, Figurado]   [Informal, Figurado]  Ir depressa.

meter (o) pé em ramo verde
[Informal, Figurado]   [Informal, Figurado]  O mesmo que pôr (o) pé em ramo verde.

meter o pé na argola
[Informal, Figurado]   [Informal, Figurado]  Cometer um erro, fazer asneira.

meter o pé na jaca
[Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  O mesmo que enfiar o pé na jaca.

meter os pés na algibeira
[Figurado]   [Figurado]  Desfrutar.

meter os pés pelas mãos
[Informal, Figurado]   [Informal, Figurado]  Dizer ou fazer trapalhices.

não ter pé
Ser demasiado fundo para ganhar pé.

não ter pés nem cabeça
Não fazer sentido; ser disparatado (ex.: a justificação não pés nem cabeça).

passar o pé
Fugir.

pé ante pé
Andando devagarinho, sem fazer ruído. = NA PONTA DOS PÉS

pé cavo
[Medicina]   [Medicina]  Aquele cujo arco plantar é exagerado. = PÉ CÔNCAVO

pé chato
[Medicina]   [Medicina]  Deformação do arco longitudinal da planta do pé, de forma a que quase toda a região plantar se apoie no solo.

pé côncavo
[Medicina]   [Medicina]  O mesmo que pé cavo.

pé de chibau
[Dança]   [Dança]  Antiga dança popular. = PÉ DE GIBÃO

pé de gibão
[Dança]   [Dança]  O mesmo que pé de chibau.

equino
[Medicina]   [Medicina]  Pé disforme, quase redondo e que não pode assentar senão sobre a ponta.

pé plano
[Medicina]   [Medicina]  O mesmo que pé chato.

perder (o) pé
Não achar fundo.

[Figurado]   [Figurado]  Ficar desnorteado.

pés da cama
Lado da cama correspondente à zona onde habitualmente ficam os pés, por oposição à cabeceira.

pisar aos pés
Desatender, desprezar, humilhar.

pôr (o) pé em ramo verde
[Informal, Figurado]   [Informal, Figurado]  Agir de modo destemido ou descuidado, com total liberdade (ex.: poucas vezes o deixaram pôr o pé em ramo verde). = METER (O) PÉ EM RAMO VERDE, PISAR EM RAMO VERDE

pôr o pé na argola
[Informal, Figurado]   [Informal, Figurado]  O mesmo que meter o pé na argola.

pôr o pé na jaca
[Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  O mesmo que enfiar o pé na jaca.

pôr-se em pé
Levantar-se.

sem pés nem cabeça
Disparatado ou sem sentido (ex.: contou uma história sem pés nem cabeça).

tomar pé
Ganhar pé.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "pés" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Estava ajoelhado em oração aos pés de um crucifixo quando uma voz, saída do crucifixo, lhe falou: “Francisco, vai e...

Em Caderno B

O avião tinha 33,985 metros de comprimento e uma envergadura de 115 pés (35,052 metros) e 29 pés e 6 polegadas (8,992 metros) até o topo da...

Em NOTÍCIAS SOBRE AVIAÇÃO AVIATION NEWS

Freebird Jurk Lila rosy ls flower- pes -08..

Em poeirasglass

nos braços e pernas, pés doridos, sofridos, sobretudo das descidas dos barrancos, onde, para não cairmos, muitas vezes íamos...

Em Hist

Estava ajoelhado em oração aos pés de um crucifixo quando uma voz, saída do crucifixo, lhe falou: “Francisco, vai e...

Em Blog da Sagrada Família
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Como dizer correctamente: ...a área que mais lhe fascina ou ... a área que mais a fascina?
O verbo fascinar é tradicionalmente registado nos dicionários como transitivo directo, isto é, como um verbo que selecciona um complemento nominal obrigatório que não é introduzido por uma preposição (ex.: esta área fascinou o aluno), não sendo consideradas aceitáveis construções com um complemento indirecto, isto é, um complemento nominal obrigatório introduzido por uma preposição (ex.: *esta área fascinou ao aluno; o asterisco indica agramaticalidade). Quando há pronominalização dos complementos de terceira pessoa, o complemento directo corresponde aos pronomes pessoais o, a os, as e o complemento indirecto aos pronomes pessoais lhe, lhes. Assim, relativamente aos exemplos acima referidos, a pronominalização do complemento directo da frase esta área fascinou o aluno deve ser feita com o pronome o (esta área fascinou-o), pois trata-se de um complemento directo, e não com o pronome lhe (*esta área fascinou-lhe).

Em relação às frases apontadas na dúvida colocada, o caso é o mesmo. Deverá ser usada a construção a área que mais a fascina (equivalente a a área que mais fascina alguém) e não a construção *a área que mais lhe fascina (equivalente a *a área que mais fascina a alguém).




Visto que não havia artigos definidos ou indefinidos na língua latina, de onde teriam vindo os artigos do português? Melhor perguntando: qual a etimologia dos nossos artigos?
Os artigos definidos e indefinidos portugueses derivam do latim, apesar de nesta língua não existirem artigos tais como os conhecemos em português.

O artigo definido o tem origem no latim illum, -am, acusativo do pronome e determinante demonstrativo ille, -a, -ud (“aquele, aquilo”). Este originou a forma lo, do português arcaico, e as suas flexões, das quais derivam as formas actuais do artigo definido em português.

O artigo indefinido um tem origem no numeral latino unus.

pub

Palavra do dia

o·ven·çal o·ven·çal


(ovença + -al)
nome masculino

1. [Antigo]   [Antigo]  Pessoa encarregada de uma despensa. = DESPENSEIRO, ECÓNOMO

2. [Antigo]   [Antigo]  Cobrador de rendas.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/p%C3%A9s [consultado em 19-10-2021]