Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
mudomudo | adj.
1ª pess. sing. pres. ind. de mudarmudar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

mu·do mu·do
(latim mutus, -a, -um)
adjectivo
adjetivo

1. Que não tem uso da palavra oral ou da capacidade de falar.

2. Que não fala muito. = CALADO, SILENCIOSO, TACITURNOFALADOR, LOQUAZ

3. Que não é acompanhado de palavras orais ou de gritos (ex.: cinema mudo).

4. Que não se pronuncia ou não se articula (ex.: consoante muda).

5. Que não se manifesta abertamente. = ESCONDIDO, OCULTO, SECRETO

6. Em que não se ouve ruído algum. = SILENCIOSO


mudo e quedo
Em silêncio e quase sem se mexer.

Confrontar: modo.

mu·dar mu·dar - ConjugarConjugar
(latim muto, -are)
verbo transitivo, intransitivo e pronominal

1. Fazer ou sofrer alteração. = ALTERAR, MODIFICAR, TRANSFORMARCONSERVAR, MANTER

2. Variar de habitação ou residência.

verbo transitivo e intransitivo

3. Tirar de um lugar ou posição para outro. = DESLOCAR, MOVER, TRANSFERIR

4. Substituir, trocar.

5. Dispor ou apresentar-se de outra forma. = MODIFICAR, RENOVAR

6. Dar outra orientação, direcção ou sentido. = REDEFINIR, REDIRECCIONAR

7. Estar na muda (da pena, da pele etc.).

verbo intransitivo

8. Cambiar, variar.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "mudo" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Procuro a etimologia e o significado do termo Nexe, que podemos encontrar associado a, por exemplo, Santa Bárbara de Nexe, uma das freguesias do concelho de Faro.
A palavra Nexe do topónimo Santa Bárbara de Nexe, no concelho de Faro, formou-se, segundo José Pedro Machado (Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa, vol. III, Editorial Confluência, Lisboa, s. d. [1984]), a partir do latim nixa, nixum, nisum ou nisa, que significa “ameixeira”, através das formas moçárabes nis, nix, nex.



Varias vezes tenho lido a palavra meta em diferentes contextos sem nunca saber o verdadeiro significado desta palavra. Neste momento estou a estudar um texto onde dois cabeçalhos são definidos como Perspectiva meta-histórica e Perspectiva meta-narrativa. Gostava que me pudesse esclarecer sobre o significado e o uso da palavra meta.
A palavra meta pode corresponder a um substantivo feminino (com a pronúncia [3] como a da letra e de pé) ou a uma forma do verbo meter (com a pronúncia [e] como a da letra e de vê). Além disso, na formação de palavras (e nunca isoladamente), meta- pode corresponder também a um prefixo usado para indicar “posição posterior” (ex.: metacarpo), “mudança” (ex.: metafonia), “transcendência” (ex.: metafísica) ou “reflexão sobre si” (ex.: metalinguagem).
Nos exemplos apontados parece tratar-se de uma destas últimas noções (“transcendência” ou “reflexão sobre si”), podendo corresponder a “perspectiva que transcende a história/a narrativa” ou “perspectiva que reflecte sobre a história/a narrativa”.

A dúvida colocada não questionava este assunto, mas há, no entanto, um problema adicional relativo ao hífen na ortografia destas palavras. O uso do hífen deve seguir o disposto no texto legal em vigor para a ortografia portuguesa de norma europeia, o Acordo Ortográfico de 1945, especialmente nas bases XXVIII a XXXII.
Não há, nesse acordo, qualquer referência ao prefixo meta-, pelo que, por omissão de especificação, não deverá usar-se hífen com este prefixo. Rebelo Gonçalves, no seu Tratado de Ortografia, inclui o prefixo meta- entre os que "não serão, em caso algum, seguidos de hífen", referindo que, nestes casos, o prefixo unir-se-á ao elemento que se segue, havendo, quando necessário, adaptações para respeitar as regras da ortografia, como a supressão do -h- (ex.: meta- + histórico =metaistórico) ou a duplicação do r e do s (ex.: meta- + reflexão =metarreflexão; meta- + sedimento = metassedimento). Por este motivo, a ortografia correcta deverá ser perspectiva metaistórica e perspectiva metanarrativa. Em alguns casos, mais raros, pode haver supressão da última vogal do prefixo (ex.: met(a)- + (h)emoglobina =metemoglobina).

Segundo o Acordo Ortográfico de 1990, Base XVI, o prefixo meta- deverá ser seguido de hífen apenas se a palavra seguinte começar pela mesma vogal em que termina, isto é, por a ou por h.

pub

Palavra do dia

co·me·nos |ê| co·me·nos |ê|
(com + meios, do português antigo comeos, do latim cum, com + latim medius, -ii, meio)
substantivo masculino de dois números

1. Instante, ocasião, emmeio.


nesse comenos
Nesse momento, nessa ocasião.

Entretanto; nesse ínterim.

neste comenos
O mesmo que nesse comenos.

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://dicionario.priberam.org/mudo [consultado em 19-12-2018]