PT
BR
Pesquisar
Definições



manipulação

A forma manipulaçãopode ser [derivação feminino singular de manipularmanipular] ou [nome feminino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
manipulaçãomanipulação
( ma·ni·pu·la·ção

ma·ni·pu·la·ção

)


nome feminino

1. Acto ou efeito de manipular.

2. Influência, controlo ou acção indevida ou ilegítima no desenrolar de um processo (ex.: manipulação de notícias).

manipular1manipular1
( ma·ni·pu·lar

ma·ni·pu·lar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Preparar com as mãos. = MANUSEAR

2. Mexer ou fazer funcionar com a mãos. = MANEJAR, MANUSEAR

3. [Farmácia, Química] [Farmácia, Química] Preparar manualmente certos medicamentos ou químicos. = CONDIR, CONFEIÇOAR

4. [Biologia, Medicina, Química] [Biologia, Medicina, Química] Intervir no desenvolvimento de determinado sistema ou processo, com vista à alteração da sua evolução natural.

5. [Figurado] [Figurado] Condicionar, influenciar, geralmente em proveito próprio.

6. Adulterar, falsificar.

etimologiaOrigem etimológica:francês manipuler.
manipular2manipular2
( ma·ni·pu·lar

ma·ni·pu·lar

)


nome masculino

[História militar] [História militar] Soldado romano que fazia parte de um manípulo.

etimologiaOrigem etimológica:latim manipularis, -e, do manípulo, soldado raso.

Auxiliares de tradução

Traduzir "manipulação" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Devo escrever ele será analisado no terceiro dia ou ele será analisado ao terceiro dia?
Qualquer das duas frases é possível, visto que quer a preposição em (presente na contracção no) quer a preposição a (presente na contracção ao) se utilizam na expressão de valores temporais (ex.: viaja sempre em Agosto; estava a dois dias do casamento).



Tenho dúvidas na construção desta frase: "caso tenha dúvidas, não hesite em perguntar" ou "caso tenha dúvidas, não hesite perguntar". Não sei qual a mais correcta.
As duas frases apresentadas encontram-se correctas, pois o verbo hesitar, quando selecciona uma frase infinitiva, pode ser transitivo directo, isto é, selecciona um complemento que não é regido por preposição (ex.: não hesite perguntar) ou transitivo indirecto, isto é, selecciona um complemento regido por preposição (ex.: não hesite em perguntar). Pesquisas em corpora e motores de busca mostram no entanto que a construção como transitivo indirecto (hesitar em) é mais usual.