Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

mal-assada

mal-assadamal-assada | n. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

mal·-as·sa·da mal·-as·sa·da


(mal- + assada, feminino de assado)
nome feminino

1. [Culinária]   [Culinária]  Fritura de ovos remexidos. = OMELETA

2. [Portugal: Açores, Madeira]   [Portugal: Açores, Madeira]   [Culinária]   [Culinária]  Bolo arredondado frito, muito fofo, de farinha e ovos, semelhante aos sonhos. (Mais usado no plural.)

3. [Brasil]   [Brasil]  Cataplasma de plantas medicinais.

pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

minha morte seja celebrada com um inesgotável chorrilho de rhum punches , Alexanders, vinho tinto Haut Marbuzet, ti' ponches , cervejas Red Stripe e Smithwicks, whiskies Talisker, Lagavulin ou Laphroaig, rum Mount Gay (ou El Dorado ou Flor de Caña ou Clément ou assim), mai-los nacos de carne mal

Em Don Vivo

contra criaturas do mal e salvar o dia. Algum dia, ele seria um herói, como os de seu livro favorito, As Grandes Aventuras dos Viajantes Dourados. Ele seria rápido como Celadir Wind-Blown, dançando de telhado em telhado, suas flechas sempre encontrando seu alvo. Ele seria forte como Ukhul, o Justo

Em confrariadearton.blogspot.com

ai de quem diga mal da Aldeia e não seja Aldeão. Ser da Aldeia é não ser bairrista por ambição, calculismo ou conveniência, mas sentir os olhos aguados ao ver e ouvir os videos como os que estão publicados acima. É torcer pelo Cova-Gala. Gritar, mesmo que este grupo desportivo, sendo o Clube da

Em Outra Margem

percepção torna-se incerta, seu julgamento atrofia, suas reações tornam-se lentas e erradas. E então, dentro da lógica imanente do mal feito, o voo que ele comanda se transforma em um acidente potencial, uma aventura à mercê do inesperado. É preciso admitir que nosso voo estava começando a se enquadrar

Em NOTÍCIAS SOBRE AVIAÇÃO AVIATION NEWS

mal saiba bem a quem tenha diabetes. E, afinal, ficas ou não acordado até à meia noite para veres chegar a prenda que encomendei há um ano? Como ainda faltam uma horas, jogamos à bisca, ou ao burro-em-pé, como o costume, e comemos um petisco apropriado; fiz filhós; já comeste filhós em tua casa

Em Aliás
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Consultando um site estrangeiro sobre bandeiras e numa tradução apressada encontrei vixiologia como a palavra para o estudo das mesmas. Ora, aparentemente, não existe esta palavra em português. Assim solicito me indiquem qual a palavra correcta.
A palavra correcta para este estudo é vexilologia (a palavra está registada no Dicionário Houaiss e no Vocabulário Ortográfico da Academia Brasileira de Letras).



Está correto dizer macérrimo para uma pessoa muito magra?

O superlativo absoluto sintético simples dos adjectivos (aquele que exprime, através de uma só palavra, um elevado grau de determinado atributo ou qualidade) forma-se, em português, através da adjunção do sufixo -íssimo ao adjectivo (ex.: vulgaríssimo, tristíssimo, cheiíssimo).

Alguns adjectivos, porém, apresentam um superlativo alternativo, derivado do superlativo latino. É o caso de magro, que forma, além do superlativo regular magríssimo, o superlativo irregular macérrimo (do latim macerrìmus, -a, -um, superlativo de màcer “magro, debilitado”), tal como célebre (celebérrimo ou celebríssimo), pobre (paupérrimo ou pobríssimo), próspero (prospérrimo ou prosperíssimo).

Outros casos de superlativos eruditos incluem formas terminadas em -imo, como fácil (facílimo ou facilíssimo), bem como formas que derivam do latim ou que recuperam parte do radical latino, como simples (simplicíssimo ou simplíssimo), respeitável (respeitabilíssimo), ineficaz (ineficacíssimo), chão (chaníssimo).

Não há muitos superlativos eruditos, sendo fácil encontrá-los elencados em compêndios gramaticais, como na Nova Gramática do Português Contemporâneo (Lisboa: Edições Sá da Costa, 1998, pp. 258-259).

Recentemente, o sufixo -érrimo, característico de superlativos eruditos, tem sido usado, seja por desconhecimento, seja por ironia, em formações novas, inexistentes no latim, como chatérrimo (em vez de chatíssimo) ou chiquérrimo (em vez de chiquíssimo). No caso do adjectivo magro, este sufixo gerou ainda a forma magérrimo, dispensável em registos de língua cuidados.

pub

Palavra do dia

er·ra·di·car er·ra·di·car

- ConjugarConjugar

(latim eradico, -are)
verbo transitivo

1. Arrancar pela raiz (ex.: vamos erradicar as plantas doentes). = DESARRAIGAR, EXTIRPAR

2. Fazer desaparecer (ex.: a vacinação erradicou a varíola; refere a necessidade de erradicar a pobreza e reduzir as desigualdades). = AFASTAR, ELIMINAR, EXCLUIR, EXPULSAR

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/mal-assada [consultado em 17-10-2021]