PT
BR
Pesquisar
Definições



maioria

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
maioriamaioria
( mai·o·ri·a

mai·o·ri·a

)


nome feminino

1. Número que excede a metade do todo; maior parte de um todo.MINORIA

2. Grupo preponderante.

3. [Política] [Política] Partido ou aliança de partidos que compreende o maior número de votos no parlamento e geralmente apoia o governo.

4. [Antigo] [Antigo] Qualidade do que é maior ou superior.

maiorias


nome feminino plural

5. [Antigo, Regional] [Antigo, Portugal: Regionalismo] Gratificação, suborno ou quantia a mais em relação ao que estava previsto ou avaliado.


maioria absoluta

Número de votos que reúne metade do número total de votos mais um, pelo menos.

maioria qualificada

Número de votos exigido para aprovação de determinadas questões (ex.: maioria qualificada de dois terços).

maioria relativa

Número de votos que supera o de outros candidatos ou propostas, mas que não reúne mais de metade dos votos totais.

maioria simples

O mesmo que maioria relativa.

por maioria

Por maior número de votos.

etimologiaOrigem etimológica:maior + -ia.
Ver também resposta à dúvida: concordância com "a maioria das pessoas".

Auxiliares de tradução

Traduzir "maioria" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Uma vez, conversando com uma pessoa que eu não conheço na Internet, ele me disse a seguinte frase: "... não faça pré-concepções prematuras". Ele quis dizer para eu não criar uma imagem dele sem conhecê-lo. Achei isso um pleonasmo. Ele disse que não, pois indica que eu fiz uma concepção antecipada e fora do tempo. Mesmo sendo estranho a pronúncia ele estava certo?
Uma pré-concepção (ou preconceito) é um conceito criado previamente ou sem fazer um exame. No entanto, isto não quer dizer que seja necessariamente prematuro, pois este adjectivo indica que foi feito antes do tempo próprio (se se entender que pode haver um tempo próprio para fazer preconcepções). Apesar de a expressão "preconcepção prematura" poder parecer pleonástica, não o é necessariamente.



Estou com algumas dúvidas em relação à Língua Portuguesa:
1) É correto utilizar nos textos o sinal de pontuação ?! ou ?! ? Já vi em alguns textos, mas não sei se é correta essa utilização. Costumo às vezes utilizar, mas até hoje não sei se é correto ou não.
2) Não entendo muito bem a utilização do travessão em alguns casos. Exemplo (temos um diálogo que vem seguido da fala do narrador, e em seguida o personagem retoma a fala como no exemplo abaixo): - José venha aqui. - falou Pedro (finaliza a fala do personagem) -Vou te prender. (E este travessão?) O que vocês podem me informar sobre essa utilização de pontuação? (Travessão). Li a respeito que o segundo travessão apresentado estaria finalizando a fala do personagem, mas ao mesmo tempo como assim finalizando, se logo em seguida existe outro travessão? Não consigo compreender.
O ponto de interrogação (?) é utilizado para indicar na escrita uma pergunta directa (ex.: Vais demorar?). O ponto de exclamação (!) é utilizado para indicar na escrita um estado emotivo ou uma interjeição (ex.: Que demora!). A utilização conjunta destes dois sinais (?! ou !?) é frequente quando se pretende combinar estas duas funções e não há nada que desaconselhe a sua utilização para transmitir simultaneamente uma pergunta directa e um estado emotivo particular (ex.: Não acredito; ainda vais demorar?!).

O travessão é um sinal de pontuação usado, entre outras coisas, para introduzir uma mudança de discurso (normalmente para introduzir o discurso directo) ou de locutor. Desta forma, na frase apresentada (– José, venha aqui. – falou Pedro. – Vou te prender.), o primeiro travessão introduz o discurso directo, o segundo indica o fim do discurso directo, mostrando que o que se segue é uma indicação do narrador e já não da personagem, e o terceiro indica a retoma do discurso directo, indicando nova fala da mesma personagem.