Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

lavada

lavadalavada | n. f.
fem. sing. part. pass. de lavarlavar
fem. sing. de lavadolavado
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

la·va·da la·va·da


nome feminino

Espécie de rede de pesca usada no Algarve.


la·var la·var

- ConjugarConjugar

verbo transitivo

1. Proceder à lavagem de.

2. [Figurado]   [Figurado]  Purificar.

3. Passar por.

4. Enxugar.

verbo pronominal

5. Proceder ao asseio do corpo.

6. [Figurado]   [Figurado]  Justificar-se; reabilitar-se.


la·va·do la·va·do


(particípio de lavar)
adjectivo
adjetivo

1. Que se lavou.

2. Limpo por lavagens ou banho.

3. [Figurado]   [Figurado]  Muito molhado. = ENCHARCADO

4. [Figurado]   [Figurado]  Que mostra franqueza. = FRANCO, LHANO

nome masculino

5. Acção ou efeito de lavar.

6. O que se lavou.

7. [Informal]   [Informal]  Serviço de lavar.

8. [Medicina]   [Medicina]  Material que resulta da lavagem de uma cavidade do organismo (ex.: lavado alveolar; lavado brônquico; lavado peritoneal).

9. [Informal]   [Informal]  Quartilho de vinho.

10. [Caça]   [Caça]  Coração de uma peça de caça, desfeito em água morna, que se dava aos falcões na véspera das caçadas.


cores lavadas
Desfeitas em água.

lavado de ar(es)
Arejado, ventilado.

lavado em lágrimas
Choroso.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "lavada" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Os participantes usaram uma camisola de algodão lavada para dormir, que depois guardaram num saco de plástico onde estas foram congeladas e...

Em VISEU, terra de Viriato.

...de ter esta capela, mudado de designação pelo facto de ter sido para ali lavada a imagem do Senhor da Piedade quando se arruinou a capela hexagonal que lhe...

Em Castelo Branco - O ALBICASTRENSE

...vidas , muitos sorrisos, alguns abraços , umas noites sem sono e a cara lavada de lágrimas e uns dias sem coragem de falar do senhor reumático, do

Em Tripeiramente

...lições de vidas , alguns abraços , umas noites sem sono e a cara lavada de lágrimas e uns dias sem coragem de falar do senhor reumático, do seu...

Em Tripeiramente

...No copo da varinha mágica ou no robot de cozinha coloque a rúcula devidamente lavada e bem seca, tempere de sal e pimenta..

Em As minhas Receitas
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Peço auxílio para a composição de palavras com prefixos gregos e latinos. Quando são em justaposição e quando são em aglutinação? Minha dúvida neste momento é com a palavra intra + esclerótico.
A existência ou não de hífen depois de prefixos gregos e latinos é difícil de sistematizar em poucas linhas, pois isso difere consoante os prefixos (há até divergências ligeiras entre a norma europeia e a norma brasileira do português, por serem diferentes as obras de maior referência neste aspecto).

No caso de intra- (este caso aplica-se também aos prefixos contra-, extra-, infra-, supra- e ultra-), de acordo com a Base XXIX do Acordo Ortográfico de 1945, deve usar-se hífen antes de palavras iniciadas por vogal (ex.: intra-arterial, intra-ocular), h (ex.: intra-hepático), r (ex.: intra-raquidiano) ou s (ex.: intra-sinovial). Assim sendo, deve escrever-se intra-esclerótico segundo o Acordo Ortográfico de 1945, para o português de Portugal, ou o Formulário Ortográfico de 1943, para o português do Brasil.

Com a aplicação do Acordo Ortográfico de 1990, e segundo a Base XVI, o prefixo intra- (assim como todos os prefixos ou elementos prefixais com o mesmo contexto ortográfico, isto é, terminados na letra a) deve aglutinar-se sempre com o elemento seguinte (ex.: intraocular), excepto se este começar por a (ex.: intra-arterial) ou h (ex.: intra-hepático). No caso de o elemento seguinte começar por r ou s, essas consoantes devem ser dobradas (ex.: intrarraquidiano, intrassinovial). Assim sendo, deve escrever-se intraesclerótico segundo o Acordo Ortográfico de 1990.




É com espanto que vejo que na conjugação do verbo haver aparecer a forma houveram. Sempre aprendi que a 3.ª pessoa do plural do pretérito perfeito não existe. Podem-me explicar se é moda nova?!
A flexão do verbo haver varia consoante o seu emprego. Assim, quando este é empregue como verbo principal, com os sentidos de “existir” (em 1.a), de "ter decorrido" (em 2.a) e de “acontecer” (em 3.a), ele é impessoal, i.e., utiliza-se apenas na 3.ª pessoa do singular. Daí a má formação das frases 1.b), 2.b) e 3.b), assinaladas com asterisco (*):

1. a) Houve muitos deputados investigados.
b) * Houveram muitos deputados investigados.

2. a) Havia duas horas que estava à espera.
b) * Haviam duas horas que estava à espera.

3. a) Na semana passada houve muitos acidentes.
b) * Na semana passada houveram muitos acidentes.

Quando é empregue como verbo principal com outros sentidos que não os de "existir", "ter decorrido" ou "acontecer", é flexionado em todas as pessoas:

4. a) Os organizadores do colóquio houveram por bem encomendar uma sondagem. [achar, considerar]
b) E que bem se houveram os portugueses no confronto! [avir-se]

O verbo haver emprega-se ainda como auxiliar em tempos compostos, sendo também flexionado em todas as pessoas:

5. As encomendas haviam sido entregues.

Como se pode ver pelas frases 4-5, a 3.ª pessoa do plural do pretérito perfeito do verbo haver existe, pelo que o conjugador deve incluí-la, não podendo é ser utilizada nos casos em que o verbo é impessoal.

pub

Palavra do dia

fan·til fan·til


(origem obscura)
adjectivo de dois géneros
adjetivo de dois géneros

1. Que tem bom tamanho e é considerado de boa raça (ex.: cavalo fantil).

2. Que tem os traços certos ou ideais para produzir boas crias (ex.: égua fantil).

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/lavada [consultado em 06-07-2022]