Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

kutnjak

Palavra não encontrada. Se procurava uma das palavras seguintes, clique nela para consultar a sua definição.
cotejai (norma brasileira)
cotejam (norma brasileira)

Caso a palavra que procura não seja nenhuma das apresentadas acima, sugira-nos a sua inclusão no dicionário.
pub

Dúvidas linguísticas


Por gentileza, qual o antônimo de cordial?
De acordo com o Dicionário Houaiss de Sinónimos e Antónimos, os antónimos do adjectivo cordial podem ser frio, indiferente, seco (ex.: teve uma atitude cordialteve uma atitude indiferente); desrespeitoso (ex.: as relações entre eles são cordiaisas relações entre eles são desrespeitosas); antipático, descortês, deseducado e grosseiro (ex.: os empregados daquela loja são cordiaisos empregados daquela loja são antipáticos). Os antónimos de cordial não se esgotam nesta lista, mas são estes os mais comuns para os diferentes sentidos deste adjectivo.



Gostaria de saber qual das expressões está correcta: "ensino à distância" (com o acento grave no "à" ou "ensino a distância" (sem acento e sem sentido de complemento directo). Sobretudo alguns utilizadores da língua no domínio informático insistem em não colocar o respectivo acento, argumentando que não se trata de uma distância conhecida. Este argumento é válido? Não se estará a quebrar o paradigma que podemos estabelecer com outras expressões que têm regências preposicionais semelhantes? Por exemplo: "fato à medida"; "ter à partida"; "à medida que". Não poderão surgir ambiguidades contextuais desnecessárias na língua. Será uma influência do Português do Brasil?
Apesar de alguns dicionários de língua portuguesa, como o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa, considerarem as locuções adverbiais a distância e à distância como sinónimas, também advertem para o facto de que tradicionalmente se tem feito a seguinte distinção: a locução a distância deve ser utilizada quando não se especifica a distância (ex.: viram o avião passar a distância) e a locução à distância quando há uma especificação numérica da mesma (ex.: o avião estava à distância de 3000 metros). Não nos parece existir uma razão lógica e argumentativamente sustentável para esta distinção, uma vez que há outros casos de locuções em que é utilizada a contracção da preposição a com o artigo definido (o, a, os, as), sem que haja uma pormenorização quantitativa (ex.: viram o barco ao longe; a camisa foi feita à medida; desequilibrou-se e caiu ao comprido; pôs as mãos ao alto). Pesquisas em corpora de textos portugueses indicam que estatisticamente a locução adverbial à distância é muito mais usada do que a distância.

Palavra do dia

pa·ra·de·ar pa·ra·de·ar


(parada + -ear)
verbo transitivo

1. Dispor em parada.

verbo intransitivo

2. [Brasil: Rio Grande do Sul]   [Brasil: Rio Grande do Sul]  Alardear valentias falsas ou exageradas; mostrar-se fanfarrão ou presunçoso. = FANFARREAR, FANFARRONAR, POMADEAR

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/kutnjak [consultado em 26-11-2022]