Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

inveteradamente

inveteradamenteinveteradamente | adv.
derivação de inveteradoinveterado
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

in·ve·te·ra·da·men·te in·ve·te·ra·da·men·te


(inveterado + -mente)
advérbio

De modo inveterado.


in·ve·te·ra·do in·ve·te·ra·do


(latim inveteratus, -a, -um)
adjectivo
adjetivo

1. Que existe há muito tempo (ex.: adversários inveterados). = ANTIGO

2. Que está arraigado, radicado profundamente. = ENRAIZADO, ENTRANHADO

3. Que tem determinada característica ou comportamento, por força do hábito ou do tempo (ex.: jogador inveterado; romântica inveterada).

pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

inveteradamente conservador, sobreviveu a uma elite que décadas e décadas a fio o governou com...

Em Povo

...à rua e conhecer novas gentes, e é por elas que continuo a ser inveteradamente apaixonada por pessoas..

Em happinessonlyrealwhenshared.pt

-se inveteradamente , Grécia-cigarro, charuto-Grécia, Grécia-Charro..

Em Palavrossavrvs Rex

No interior da revista, aconselhada para maiores de 16 anos, Constantine fuma inveteradamente , como é habitual..

Em As Leituras do Pedro

inveteradamente e foi assim até à morte!!

Em lusibero.blogspot.com
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Monitorar ou monitorizar?
Os verbos monitorar e monitorizar são formações correctas a partir do substantivo monitor, a que se junta o sufixo verbal -ar ou -izar, e têm o mesmo significado, pelo que são sinónimos. A opção por um ou por outro cabe ao utilizador; no entanto, os dicionários que seguem a norma europeia da língua portuguesa parecem preferir a forma monitorizar, pois é esta a única forma que aparece registada no Grande Dicionário Língua Portuguesa (Porto Editora, 2004) ou no Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro Machado (Âncora Editora, 2001) e a edição portuguesa do Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (Círculo de Leitores, 2002) remete monitorar para monitorizar. Os dicionários que seguem a norma brasileira da língua portuguesa remetem geralmente monitorizar para monitorar, como é o caso da edição brasileira do Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (Objetiva, 2001) ou do Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa (Positivo, 2004).



Gostaria de saber a pronúncia correta da palavra bocaina (talvez seja de origem indígena/brasileira). Seria "bocáina" ou "bocâina"?
A palavra bocaina é de origem controversa, estando provavelmente ligada ao espanhol bocanada, “trago”, ou derivando de boca + -i- de ligação + sufixo -ana.

A sua pronúncia varia consoante se trate da norma portuguesa ou da norma brasileira: assim, em português europeu lê-se bucáina e no português do Brasil lê-se bôcâina (nesta transcrição os sinais diacríticos usados servem apenas como indicação de pronúncia e não marcam a acentuação da palavra).

pub

Palavra do dia

lã·-de·-ca·me·lo |ê|lã·-de·-ca·me·lo |ê|lã de ca·me·lo |ê|


nome feminino

Tecido de lã com fio de seda. = GINGELINA, GINGERLINA

Plural: lãs-de-camelo.Plural: lãs-de-camelo.

• Grafia no Brasil: lã de camelo.

• Grafia alterada pelo Acordo Ortográfico de 1990: lã de camelo.
• Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990: lã-de-camelo


• Grafia em Portugal: lã-de-camelo.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/inveteradamente [consultado em 16-01-2022]