Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

inumanidade

inumanidadeinumanidade | n. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

i·nu·ma·ni·da·de i·nu·ma·ni·da·de


(latim inhumanitas, -atis)
nome feminino

1. Qualidade do que tem falta de humanidade.

2. Acto que demonstra falta de respeito pela vida humana ou pelos valores considerados humanos. = CRUELDADE


SinónimoSinônimo Geral: DESUMANIDADE

pub

Parecidas

Anagramas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

, inumanidade ??

Em anabelamotaribeiro.pt

...no final do ano e a chegada da vacina não trará a imunidade de inumanidade sazonal, proporcional à conveniência do Natal ..

Em heterodomestico.pt

A inumanidade da Lava Jato não tem limites..

Em www.sganoticias.com.br

como o que realmente são - crimes gerados pela inumanidade do homem para com a mulher..

Em MULHERES & DEUSAS

Isso são contas de outro rosário que nos levam aos limites de inumanidade em que o homem perde a sua dimensão gregária e axiológica e se transforma...

Em O INDEFECTÍVEL
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Qual é a diferença entre puseste-a e puseste-la? Já li ambas aplicadas e no entanto não sei qual é a diferença ou se alguma delas está incorrecta.
Ambas as expressões estão correctas, mas correspondem a formas verbais de pessoas gramaticais diferentes (tu/vós) do pretérito perfeito do indicativo, pelo que não podem ser aplicadas no mesmo contexto.

A forma puseste-a corresponde à segunda pessoa do singular (= tu puseste alguma coisa), enquanto a forma puseste-la corresponde à segunda pessoa do plural (= vós pusestes alguma coisa).

A construção *tu puseste-la (= *tu pusestes alguma coisa) é agramatical, como indica o asterisco, e resulta da confusão entre as formas verbais da segunda pessoa do singular e do plural do pretérito perfeito. Convém por isso ter presente que a segunda pessoa do singular do pretérito perfeito do indicativo não tem s final (tu puseste), ao contrário da 2ª pessoa do plural (vós pusestes).




É correcto pronunciar-se vacina com o 'a' aberto? (vàcina)?
O substantivo vacina é uma palavra grave, isto é, com acento de intensidade na penúltima sílaba (vacina). No português europeu, como regra geral (com muitas excepções), as vogais que não pertencem a uma sílaba tónica são elevadas. Por exemplo, no caso da vogal o nas palavras carro e carrinho, o som á [vogal mais baixa] da palavra carro (com acento tónico em ca) passa a pronunciar-se â [vogal mais alta] em carrinho, pois a sílaba tónica passou a ser a penúltima (carrinho).

Por esta ordem de ideias, o mais natural é que o primeiro a de vacina seja pronunciado como vogal central semifechada (a mesma que se pode encontrar em cama) e não como vogal central aberta (a que se pode encontrar em pá).

Se consultarmos dicionários com transcrição fonética, verificamos que as duas vogais a da palavra vacina são invariavelmente transcritas da mesma forma: v[ɐ]cin[ɐ], com a vogal central semifechada (â) representada pelo símbolo [ɐ], do alfabeto fonético internacional.

pub

Palavra do dia

ter·gi·ver·sar ter·gi·ver·sar

- ConjugarConjugar

(latim tergiversor, -ari, voltar atrás)
verbo intransitivo

1. Voltar as costas (ex.: não é possível tergiversar frente às novas dificuldades).

2. Usar de evasivas, procurar rodeios, empregar subterfúgios (ex.: o réu tergiversou para ganhar tempo). = RODEAR

3. Demonstrar receio ou falta de segurança em tomada de decisão (ex.: tergiversou mas depois aceitou o convite). = HESITAR

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/inumanidade [consultado em 24-05-2022]