Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

gestor

gestorgestor | n. m.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

ges·tor |ô|ges·tor |ô|


nome masculino

Gerente, administrador.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "gestor" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

EFEMÉRIDE - Eduardo de Almeida Catroga, gestor e administrador de empresas português nasceu em Abrantes, São Miguel do Rio Torto, no...

Em TopaTudo

E que ainda também vai ajudar nossos produtores”, destacou o gestor ..

Em www.noticiadafoto.com.br

...vendeu Collor como caçador de marajás, Aécio como o playboy boa-praça e Guedes como gestor competente que colocaria a economia nos trilhos..

Em www.blogrsj.com

EFEMÉRIDE - Miguel Jorge de Seca Reis Antunes Frasquilho, economista, gestor e político português, nasceu em Lisboa no dia 12 de Novembro de 1965..

Em TopaTudo

...apenas uma teve complicações, então esperamos que toda a população se vacine", comenta o gestor ..

Em Caderno B
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Mais uma vez, peço a vossa ajuda para o esclarecimento da seguinte dúvida: juridico-funcional ou jurídico-funcional, economico-financeiro ou económico-financeiro?
As formas correctas são as formas acentuadas: jurídico-funcional e económico-financeiro.



É correcto dizer Explicações do 5º ao 12º anos?
A expressão a usar deverá ser preferencialmente explicações do 5.º ao 12.º ano.

Trata-se de uma expressão para indicar um intervalo que tem como limites o 5.º ano e o 12.º ano, em dois sintagmas nominais diferentes, com utilização da preposição de em correlação com a preposição a. A expressão será equivalente a explicações do 5.º ano ao 12.º ano, sem a elisão (usual para evitar repetição) da primeira referência a ano, pelo que, do ponto de vista lógico, não há motivo para colocar ano no plural, pois serão sempre dois sintagmas diferentes, um indicando o limite inicial e outro o limite final.

Esta dúvida surge provavelmente por analogia com outras construções em que há dois ou mais sintagmas nominais que desempenham exactamente a mesma função gramatical, nomeadamente estruturas de coordenação, copulativas (ex.: o 5.º e 6.º anos não tiveram aulas) ou disjuntivas (ex.: a ficha destina-se ao 5.º ou 6.º anos), em que os sintagmas nominais podem inclusivamente ser substituídos por um único grupo nominal ou pronome (ex.: esses anos não tiveram aulas; a ficha destina-se a ambos os anos). O mesmo tipo de substituição não pode ser feito no exemplo referido na questão colocada, pois perder-se-ia a indicação dos limites.

pub

Palavra do dia

al·mo·ça·dei·ra al·mo·ça·dei·ra


(almoçar + -deira)
adjectivo feminino e nome feminino
adjetivo feminino e nome feminino

[Portugal]   [Portugal]  Diz-se de ou chávena grande, geralmente usada para tomar o pequeno-almoço.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/gestor [consultado em 03-12-2021]