PT
BR
Pesquisar
Definições



desinformação

A forma desinformaçãopode ser [derivação feminino singular de desinformardesinformar] ou [nome feminino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
desinformaçãodesinformação
( de·sin·for·ma·ção

de·sin·for·ma·ção

)


nome feminino

1. Acto ou efeito de desinformar, de suprimir uma informação, de minimizar a sua importância ou de modificar o seu sentido (ex.: campanha de desinformação; técnicas de desinformação).

2. Informação contrária à verdade, capaz de confundir ou de induzir em erro (ex.: o caso gerou muita desinformação e sensacionalismo nos meios de comunicação).

3. Falta de conhecimento (ex.: ainda existe alguma desinformação sobre o tema). = DESCONHECIMENTO, IGNORÂNCIA

etimologiaOrigem etimológica:desinformar + -ção.
desinformardesinformar
( de·sin·for·mar

de·sin·for·mar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo e intransitivo

Informar mal ou de forma enganadora (ex.: desinformar a opinião pública).

etimologiaOrigem etimológica:des- + informar.

Auxiliares de tradução

Traduzir "desinformação" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Qual a forma correcta: frequência do quarto ou frequência no quarto ano?
O substantivo frequência é geralmente seguido da preposição de (ou das suas contracções), como indica o Dicionário de Regimes de Substantivos e Adjectivos (25.ª ed., São Paulo: Globo, 2000), de Francisco Fernandes, e como atestam pesquisas efectuadas em corpora e em motores de busca da Internet.



"O Sporting colou-se hoje a FC Porto e Benfica na liderança da Superliga portuguesa." Sendo que o correcto seria "O Sporting colou-se hoje ao FC Porto e ao Benfica”, a primeira hipótese poderá também estar correcta?
As regras que regem o emprego ou a omissão de artigos com nomes próprios nem sempre são óbvias, deixando espaço para incertezas, como se depreende da consulta de qualquer compêndio gramatical sobre este assunto (veja-se, por exemplo, a Nova Gramática do Português Contemporâneo, Lisboa: Edições Sá da Costa, 1998: pp. 214-242).

A frase que refere poderia estar correcta como eventual título de jornal (onde a omissão de artigos e verbos é frequente: Sporting, FC Porto e Benfica na liderança da Superliga portuguesa), sobretudo se o clube desportivo mencionado no início da frase também não fosse precedido de artigo: Sporting colou-se hoje a FC Porto e Benfica na liderança da Superliga portuguesa. Tal como é apresentada, com Sporting precedido de artigo, ao contrário de Porto e Benfica, a frase causa alguma estranheza, sendo preferível indicar todos os artigos: O Sporting colou-se hoje ao FC Porto e ao Benfica na liderança da Superliga portuguesa.