Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
corcor | s. m.
corcor | s. f. | s. f. pl.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

cor |ó| cor |ó| 2
(latim cor, cordis, coração)
nome masculino

1. [Antigo]   [Antigo]  Coração.

2. [Antigo]   [Antigo]  Afecto.

3. [Antigo]   [Antigo]  Desejo, inclinação, vontade.

4. [Antigo]   [Antigo]  Coragem.


de cor
De memória.

de cor e salteado
Muito bem, muito a fundo.


cor |ô| cor |ô| 1
(latim color, -oris)
nome feminino

1. Impressão que a luz reflectida pelos corpos produz no órgão da vista.

2. Coloração ou tonalidade que algo apresenta, geralmente por oposição ao branco e ao preto.

3. Tonalidade forte, carregada ou escura (ex.: esta sala não tem cor).

4. Corante ou pigmento para pintar. = TINTA

5. Colorido da pintura.

6. Coloração rosada do rosto, por oposição à palidez.

7. Tintura para dar cor artificial ao rosto.

8. [Figurado]   [Figurado]  Aparência, desculpa; pretexto.

9. Distintivo de uma família, dum grupo, dum partido ou Estado.

10. Opinião, carácter.

11. Brilhantismo do estilo, de execução (vocal ou instrumental), etc.


cores
nome feminino plural

12. Bandeira que representa um grupo ou uma entidade.


a cores
Com recurso à cor e não apenas com branco, preto e tons de cinzento, por oposição a a preto e branco (ex.: fotografia a cores; imprimir a cores). [Confrontar: acores.]

cor de burro quando foge
Cor indefinida ou difícil de identificar.

cor de carne
Tonalidade entre o bege, o rosa e o acastanhado. = COR DE PELE

cor de laranja
Cor característica da casca da laranja, entre o amarelo intenso e o avermelhado, ou que tem essa cor. = LARANJA

cor de pele
O mesmo que cor de carne.

cor de vinho
Cor característica do vinho tinto, entre o vermelho escuro e o roxo, ou que tem essa cor. = BORDÔ

sob cor de
A pretexto de; com a aparência de.

ter boa cor
Ter bom aspecto; ter ar saudável.

Nota: As locuções adjectivais compostas com cor são invariáveis em género e número (ex.: carro cor de laranja; saia cor de vinho; óculos cor de laranja; dálias cor de vinho).

Ver também a dúvida linguística plural de cor de laranja.
pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "cor" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


A diferença entre "pôr" e "por" é o acento circunflexo, que indica palavras diferentes. Porque não acontece o mesmo com "acordo" (forma verbal e substantivo)?
Segundo o Acordo Ortográfico de 1945, nas bases XVIII e XXII, os acentos agudo ou circunflexo são usados como marca de distinção entre palavras apenas quando se trata de diferenciar palavras com sílaba tónica homógrafas de palavras sem acentuação própria, como é o caso de palavras gramaticais como as preposições, nas quais se insere "por" (ao contrário de "pôr", que é uma palavra monossilábica com acentuação própria).

O Acordo de 1990 mantém os acentos gráficos como sinais distintivos entre determinadas palavras homógrafas de palavras gramaticais, mas especifica, na base IX, ponto 9, que nas palavras paroxítonas (isto é, com acentuação na penúltima sílaba) se prescinde dos acentos agudo e circunflexo para fazer a distinção com palavras proclíticas (isto é, de palavras sem acentuação própria). Assim sendo, "pêlo" (substantivo) passa a ser escrito sem acento circunflexo, que antes era usado como meio de distinção da contracção "pelo", assim como "pólo" perde o acento agudo, sendo grafado da mesma maneira que a contracção "polo", muito pouco usada na actualidade.

Quanto à palavra "acordo", trata-se de uma forma gráfica comum para um substantivo e para uma forma verbal, ambos com sílaba tónica, pelo que, nestes casos, os acordos de 1945 e de 1990 não instituem um acento gráfico como sinal distintivo de categoria gramatical.




Qual a forma correcta: caboverdiano ou cabo-verdiano?
Como se poderá verificar pela consulta do verbete cabo-verdiano no Dicionário Priberam da Língua Portuguesa ou pela consulta de outros dicionários ou vocabulários de referência, a grafia a adoptar deverá ter hífen. Além de ser esta a forma registada na maioria dos dicionários gerais de língua, é também a forma preconizada pelo Acordo Ortográfico de 1945 (na base XXVIII) e pelo Tratado de Ortografia da Língua Portuguesa, de Rebelo GONÇALVES (Coimbra: Atlântida, 1947, p. 215), uma vez que "Os compostos onomásticos [...] têm os seus derivados directos escritos com hífen [...] sempre que eles assentem em mais do que um dos seus membros: belo-horizontino, de Belo Horizonte; cabo-verdiano, de Cabo Verde; campo-maiorense, de Campo Maior; castelo-vidense, de Castelo de Vide [...]".

O Acordo Ortográfico de 1990 não altera nada relativamente a este assunto.

pub

Palavra do dia

pai·ol pai·ol
(catalão pallol)
nome masculino

1. [Marinha]   [Marinha]  Parte do navio onde se guardam as provisões.

2. Depósito de pólvora e outros explosivos.

3. [Brasil]   [Brasil]  Local onde se armazenam produtos agrícolas.

4. [Informal]   [Informal]  Estômago.

Plural: paióis.Plural: paióis.
pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, https://dicionario.priberam.org/cor [consultado em 29-11-2020]