Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

configurador

configuradorconfigurador | adj. n. m. | n. m.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

con·fi·gu·ra·dor |dô|con·fi·gu·ra·dor |dô|


(configurar + -dor)
adjectivo e nome masculino
adjetivo e nome masculino

1. Que ou quem configura ou serve para configurar.

nome masculino

2. [Informática]   [Informática]  Programa ou software que permite ajustar ou definir opções ou parâmetros num programa ou sistema informático ou num equipamento.

pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

...mas outros equipamentos são opcionais e, naturalmente, representam um custo extra, estando disponível um configurador que permite calcular o preço de acordo com a configuração pretendida pelo potencial cliente..

Em Ver

...códigos de design da colecção Montblanc 1858, a nova edição do Summitt tem o configurador integrado, sendo possíveis mais de mil combinações de mostradores de relógio, personalizando indicadores

Em Estação Cronográfica

A DAF Trucks apresentou ao mercado europeu no início de julho um configurador online de caminhões, denominado 3D DAF Truck Configurator..

Em www.caminhoes-e-carretas.com

disponibilizar um configurador de caminhões em seu site, dando ao cliente total liberdade de construir um modelo...

Em www.caminhoes-e-carretas.com

299, existindo quatro configurações base e um configurador online que permite

Em Planet Geek
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Gostaria de saber se a palavra meta informação leva hífen ou não, dado que meta termina em vogal e informação começa igualmente por vogal.
A palavra metainformação deverá ser escrita sem hífen e sem espaço entre os elementos que a compõem. O novo Acordo Ortográfico não altera a grafia desta palavra.

Com o Acordo de 1990, há, no entanto, uma alteração ortográfica que afecta este elemento meta-.
Segundo a interpretação do Acordo de 1945 de Rebelo Gonçalves, que é uma referência incontornável para a lexicografia portuguesa, este elemento prefixal não deve ser seguido de hífen em nenhuma circunstância (ex.: metacromatismo, metassíncrise).
Segundo o Acordo Ortográfico de 1990, na Base XVI, o prefixo meta- deverá ser seguido de hífen apenas se a palavra seguinte começar pela mesma vogal em que termina, isto é, por a (ex.: meta-análise), ou por h (ex.: meta-história).




Diz-se: pós-venda ou após-venda?
Ambas as formações são possíveis, sendo pós-venda mais comum e registada em mais dicionários de língua.

O prefixo de origem latina pós- indica a noção de “posteridade” no tempo (ex.: pós-graduação, pós-guerra, pós-venda) ou no espaço (ex.: pós-palatal) e é sempre seguido de hífen.

Ocasionalmente, surgem pares construídos com o elemento após-, como após-guerra ou após-venda, mas são menos usuais.

Este uso de após- como prefixo não é tão frequente quanto pós- e não deve ser confundido com alguns usos da preposição após: O burlão foi preso após venda de material falsificado; As duas facções assinaram o acordo de paz após guerra sangrenta que durou anos. Nestes casos, a preposição após é sinónima de “depois de”.

pub

Palavra do dia

pro·pri·a·gem pro·pri·a·gem


(redução de apropriagem)
nome feminino

1. [Chapelaria]   [Chapelaria]  Trabalho de acabamento do chapéu, depois da preparação do feltro ou da tintura. = APROPRIAGEM

2. [Chapelaria]   [Chapelaria]  Oficina onde se preparam chapéus.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/configurador [consultado em 27-01-2022]