Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
coinécoiné | s. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

coi·né coi·né
(grego koinê [diálektos], língua comum)
substantivo feminino

1. [Linguística]   [Lingüística]   [Linguística]  Diz-se de ou língua comum empregada na Grécia helenística e Língua comum, falada e escrita pelos povos da Magna Grécia entre o século IV a.C. e o século V d.C., baseada no dialecto ático, ainda que com certos caracteresjónicos e influenciada pelo latim de Roma (ex.: a língua coiné era a simplificação do grego clássico; a coiné deu origem ao grego moderno).

2. [Por extensão]   [Por extensão]   [Linguística]   [Lingüística]   [Linguística]  Língua comum que resulta da convergência de dois ou mais dialectos ou línguas da mesma família (ex.: há quem defina o castelhano como a coiné de Espanha).

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "coiné" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Está certo ou errado fazer a translineação de nomes próprios (ex. Carlos < Car - los)?
Os nomes próprios portugueses translineiam-se segundo as mesmas regras de translineação para os nomes comuns, que no geral se faz de acordo com a soletração e não segundo critérios histórico-morfológicos. Assim, a translineação de Carlos será Car-los e a divisão de Francisco deverá ser Fran-cis-co.



Qual é o género da palavra própolis? Tanto quanto sei, é apenas substantivo feminino, apesar de haver quem use a palavra como sendo masculina mas, quanto a mim, de forma errada.
A classificação da palavra própolis (o própolis ou a própolis) não é consensual nas principais obras lexicográficas portuguesas.

Com efeito, no Grande Dicionário da Língua Portuguesa (10.ª ed., Lisboa: Editorial Confluência, 12 vol., 1949-1959), de António de Morais Silva, própolis é classificada apenas como substantivo masculino. A mesma opção é seguida por José Pedro Machado no Grande Dicionário da Língua Portuguesa (12 vol., Porto: Amigos do Livro Editores, 1981) mas, no Grande Vocabulário da Língua Portuguesa (Lisboa: Âncora Editora, 2001), do mesmo autor, já se encontra própolis com indicação: “s. m. e s. f.”. Não se pense porém que a indicação dos dois géneros é recente, pois o Dicionário de Língua Portuguesa (10.ª ed., 2 vol., Lisboa: Livraria Bertrand, 1949), de Cândido de Figueiredo, já registava essa opção. Na tradição lexicográfica brasileira a questão não é problemática, já que tanto própolis como própole são considerados substantivos femininos ou substantivos masculinos.

Pesquisas em corpora e em motores de busca da Internet revelam que o emprego de própolis como substantivo feminino é mais frequente mas que também existem ocorrências muito significativas de própolis como substantivo masculino. A flutuação de género que se verifica no uso real da língua e na própria dicionarização da palavra justifica a classificação de própolis como substantivo feminino ou masculino de dois números.

pub

Palavra do dia

ci·ca·dá·ri·o ci·ca·dá·ri·o
(latim cicada, -ae, cigarra + -ário)
adjectivo
adjetivo

1. Relativo ou pertencente à cigarra.

2. [Entomologia]   [Entomologia]  Relativo às cicadárias.

Confrontar: circadiário.
pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://dicionario.priberam.org/coin%C3%A9 [consultado em 19-05-2019]