Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

coelho-anão

coelho-anãocoelho-anão | n.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

coelho-anão coelho-anão


nome

(A definição desta palavra estará disponível brevemente. Envie comentários ou sugestões para dicionario@priberam.pt)
pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

Vale do São Francisco Francisco Nunes, o Chico do Coco, atua há mais de 30 anos no projeto público de irrigação Nilo Coelho , onde planta manga, umbu e coco, sendo essa última cultura a que ocupa a maior parte de seu lote – um total de 8 hectares. Segundo ele, a variedade cultivada é o coco- anão , que

Em Caderno B

, Costa poderá contar sempre com um parceiro no centro-direita, quando a esquerda lhe falhar. Mas se Luís Montenegro chegar à liderança do PSD, esse será o cimento de que a esquerda precisa para apoiar ainda com mais entusiasmo um governo do Partido Socialista. É como se Passos Coelho tivesse encarnado em

Em Entre as brumas da memória

termos de moldar suas pontuações de atributos, pontos de vida, idiomas e assim por diante. Ancestralidades é o que nós, jogadores de longa data, chamamos de raça, mas “RBC” não realmente não funcionaria. Todos os seus clássicos habituais de fantasia estão aqui - elfo, anão , halfling etc. - com algumas

Em confrariadearton.blogspot.com

do que caçar um coelho para o almoço. Oferecem para Tyrion, que também não quer. Chega de intrigas, o anão agora só quer se esparramar num puteiro. Sansa, que daria uma boa rainha, não arreda pé de Winterfell. Arya só pensa em dar uns rolés por todo Westeros. Grey Worm não pode ter filhos... Sobrou

Em www.tonygoes.com.br

-da-índia, um coelho anão , dois cachorros, meia dúzia de caracóis e um gato; passeava os cachorros no jardim à frente de casa; comprava os legumes frescos para o dia no mercado biológico; passava o aspirador; fazia o almoço; lavava a loiça; dormia a sesta; passeava os cães; fazia o jantar. A todas essas tarefas

Em Don Vivo
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Qual é o diminutivo da palavra foto? Esse diminutivo é masculino ou feminino?
A adjunção de sufixos diminutivos não altera as propriedades morfossintácticas do derivante, que são herdadas pelo derivado. Assim, por exemplo, os sufixos -inho e -zinho alteram apenas a informação semântica (o juízo de valor que se faz sobre a forma de base a que se juntam), mantendo a mesma categoria sintáctica e o mesmo género do derivante: quando se associam a um adjectivo geram um adjectivo (moderno/a - moderninho/a - modernozinho/a), quando se associam a um nome geram um nome (papel - papelinho - papelzinho) e quando se associam a um advérbio geram um advérbio (devagar - devagarinho - devagarzinho).

Tradicionalmente, os sufixos -inho e -zinho são considerados o mesmo, sendo a consoante -z- encarada como um elemento de ligação, pelo que a forma -zinho é tida como uma variante de -inho. No entanto, o seu emprego é distinto, já que se associam a diferentes formas de base, o que faz deles mais do que meras variantes. O sufixo -inho associa-se a radicais, mantendo sempre a vogal da forma de base no caso de palavras de tema em -a ou -o (ex.: um livro - um livrinho; uma caneta - uma canetinha; um pijama - um pijaminha; uma tribo - uma tribinho) e, no caso de palavras de tema em -e ou de tema nulo, substituindo a vogal da forma de base por -a e por -o, consoante os valores de feminino e masculino, respectivamente, da palavra de base (ex.: um sabonete - um sabonetinho; uma semente - uma sementinha; um anel - um anelinho; uma espiral - uma espiralinha). O sufixo -zinho associa-se a palavras (e não a radicais), mantendo a vogal temática de acordo com o género da palavra de base (ex.: um livro - um livrozinho; uma caneta - uma canetazinha; um pijama - um pijamazinho; uma tribo - uma tribozinha; um sabonete - um sabonetezinho; uma semente - uma sementezinha; um anel - um anelzinho; uma espiral - uma espiralzinha). O mesmo é válido para os sufixos -ito e -zito.

Posto isto, o substantivo feminino foto (redução de fotografia) pode apresentar vários diminutivos, consoante os sufixos usados, sendo todos femininos: uma foto - uma fotinho, uma fotozinha, uma fotito, uma fotozita. Não há muitos substantivos femininos terminados em -o (para além de foto e tribo, a lista inclui expo (redução de exposição), imago, libido, moto, virago e pouco mais) e o seu uso no grau diminutivo não é dos mais frequentes, o que justifica as hesitações e, por vezes, as incorrecções de alguns falantes.




Pode-se dizer "à docente" para o caso de se tratar de uma professora ou tem de se dizer "ao docente" (mesmo tratando-se do género feminino)?
A palavra docente é um substantivo de dois géneros, pelo que os seus determinantes (artigos, adjectivos, etc.) deverão modificar-se de acordo com o sexo da pessoa a que se refere (ex.: a docente saiu há pouco; o docente está na sala de aula).
pub

Palavra do dia

per·ca·li·na per·ca·li·na


(francês percaline)
nome feminino

Tecido de algodão, leve e lustroso, empregado sobretudo em forros e em encadernações de livros.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/coelho-an%C3%A3o [consultado em 20-01-2022]