Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

camião-tanque

camião-tanquecaminhão-tanque | n. m.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

ca·mi·ão·-tan·que ca·mi·nhão·-tan·que


nome masculino

Camião dotado de um grande reservatório apropriado para o transporte de carburantes líquidos, vinhos, etc. = AUTOTANQUE, CAMIÃO-CISTERNA

Plural: caminhões-tanque ou caminhões-tanques.Plural: camiões-tanque ou camiões-tanques.

• Grafia no Brasil: caminhão-tanque.

• Grafia no Brasil: caminhão-tanque.

• Grafia em Portugal: camião-tanque.

• Grafia em Portugal: camião-tanque.
pub

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

como que contra vontade. Depois da azáfama da E80, a estrada de duas faixas em que se aperta boa parte do trânsito entre a Espanha e Portugal, a C515 que vai de Ciudad Rodrigo a Béjar pareceu-me estranhamente deserta. Nem um carro, nem um camião , nenhum tractor na planície ondulada, onde as azinheiras

Em TEMPO CONTADO

Robert David Hall ( East Orange , 9 de novembro de 1947 ) é um ator norte-americano . Vida Em 1978 , Hall teve suas duas pernas amputadas por causa de um acidente automobilístico, no qual um camião lhe destruiu o carro. O acidente também fez com que o tanque do seu carro explodisse, causando

Em Geopedrados

instantaneamente uma centena de pessoas. Na investigação subsequente ficou demonstrado que o camião cisterna estava sobrecarregado, já que transportava 25 t em vez das 19 toneladas regulamentares. Como consequência do excesso de pressão, o tanque de aço rebentou, expulsando o gás liquefeito para o exterior

Em Geopedrados

instantaneamente uma centena de pessoas. Na investigação subsequente ficou demonstrado que o camião cisterna estava sobrecarregado, já que transportava 25 t em vez das 19 toneladas regulamentares. Como consequência do excesso de pressão, o tanque de aço rebentou, expulsando o gás liquefeito para o exterior

Em Geopedrados

Apaixonado". É o primeiro comentário que quero fazer depois do tanque brasileiro bisar no Dragão e ver Fábio Veríssimo atribuir ao Pepe o tento que lhe valeria o hat trick, que não seria tão espectacular como obrigar o selvagem central andrade desviar para a sua rede. Carlitos não te acanhes meu puto

Em O INDEFECTÍVEL
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


No seguinte exemplo, o pronome do complemento directo deve vir antes ou depois do verbo?
- Já fizeste o trabalho?
- Sim, acabei de o fazer. / Sim, acabei de fazê-lo.
- Não, ainda tenho de o fazer. / Não, ainda tenho de fazê-lo.
Nas frases indicadas, as locuções verbais acabar de fazer e ter de fazer correspondem a construções em que os verbos acabar e fazer, seguidos da preposição de, são verbos auxiliares. Em geral, em locuções verbais com verbos auxiliares ou semiauxiliares (excepto com os que formam tempos verbais compostos: ex.: tem lido, foi lido), o clítico é colocado depois do verbo principal (ex.: O livro é interessante e posso lê-lo em dois dias; Ele veio visitar-me esta semana), podendo haver, menos consensualmente, colocação do clítico depois do verbo auxiliar ou semiauxiliar (ex.: O livro é interessante e posso-o ler em dois dias; Ele veio-me visitar esta semana). No entanto, quando a construção do verbo auxiliar ou semiauxiliar inclui uma preposição, especialmente de ou por, o pronome clítico pode ocorrer antes ou depois do verbo auxiliar (ex. Sim, acabei de o fazer. / Sim, acabei de fazê-lo), mas não depois do verbo auxiliar (ex. *Sim, acabei-o de fazer; o asterisco indica agramaticalidade).
Esta reflexão aplica-se também à outra frase apresentada (Não, ainda tenho de o fazer. / Não, ainda tenho de fazê-lo), mas nesse caso será ainda possível a opção Não, ainda o tenho de fazer, pois o advérbio ainda tem a propriedade de atracção do clítico (ver os casos referidos nas alíneas a) a j) da resposta posição dos clíticos).




Haverá alguma forma alternativa de utilizar o verbo reaver, no pretérito perfeito do indicativo, usada correntemente, e que se possa aceitar, não sendo aquela que consta das gramáticas?
As únicas flexões correctas do verbo reaver no pretérito perfeito do indicativo são aquelas preconizadas nas gramáticas e dicionários de língua portuguesa (reouve, reouveste, reouve, reouvemos, reouvestes, reouveram). Poderá consultar a conjugação do verbo reaver no Dicionário Priberam da Língua Portuguesa.
pub

Palavra do dia

pi·ca·ú pi·ca·ú


(origem duvidosa)
nome masculino

[Brasil]   [Brasil]   [Ornitologia]   [Ornitologia]  Designação dada a várias aves da família dos columbídeos. = POMBA

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/cami%C3%A3o-tanque [consultado em 30-11-2022]