Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

barbilho

barbilhobarbilho | n. m.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

bar·bi·lho bar·bi·lho


nome masculino

1. Funda de esparto que se põe no focinho dos animais para não comerem ou não mamarem.

2. Cordão de anafaia.

3. [Figurado]   [Figurado]  Estorvo, empecilho.

4. Filamento nos maxilares de alguns peixes. = BARBILHÃO

pub

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Baque – Emoção sofrida por se receber uma má notícia Barbilho – Cordão de prender o chapéu ao pescoço..

Em picodavigia2.blogs.sapo.pt

BARBILHO PARA CHIBOS – Utensílio a ser introduzido na boca dos chibos e a ser...

Em AL TEJO

Para impedirem que os cabritos continuem a mamar metem-lhe na boca um barbilho que os impede de chegar à teta da cabra, que, como não é puxada,...

Em Bas

O meu querido amigo Zé Barbilho ,perdão, comandante Jaime Lopes..

Em O Rouxinol de Pomares

também se diz barbilho ..

Em capeiaarraiana.pt
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Como devo passar para o discurso indirecto a frase: Eu chamo-me Paula. Discurso indirecto: Ela disse que se chamava Paula? ou Ela disse que se chama Paula?
Na transformação do discurso directo em discurso indirecto de Eu chamo-me Paula, além da passagem da primeira (eu) para a terceira pessoa gramatical (ela) e da introdução de um verbo declarativo (dizer), deverá haver também uma passagem do presente (chamo) para o imperfeito do indicativo (chamava), isto é, a frase Eu chamo-me Paula deverá ser transformada em Ela disse que se chamava Paula. Sobre este assunto, poderá consultar também a resposta discurso directo, discurso indirecto e discurso indirecto livre.



É correcto pronunciar-se vacina com o 'a' aberto? (vàcina)?
O substantivo vacina é uma palavra grave, isto é, com acento de intensidade na penúltima sílaba (vacina). No português europeu, como regra geral (com muitas excepções), as vogais que não pertencem a uma sílaba tónica são elevadas. Por exemplo, no caso da vogal o nas palavras carro e carrinho, o som á [vogal mais baixa] da palavra carro (com acento tónico em ca) passa a pronunciar-se â [vogal mais alta] em carrinho, pois a sílaba tónica passou a ser a penúltima (carrinho).

Por esta ordem de ideias, o mais natural é que o primeiro a de vacina seja pronunciado como vogal central semifechada (a mesma que se pode encontrar em cama) e não como vogal central aberta (a que se pode encontrar em pá).

Se consultarmos dicionários com transcrição fonética, verificamos que as duas vogais a da palavra vacina são invariavelmente transcritas da mesma forma: v[ɐ]cin[ɐ], com a vogal central semifechada (â) representada pelo símbolo [ɐ], do alfabeto fonético internacional.

pub

Palavra do dia

ra·bir·rui·vo ra·bir·rui·vo


(rabo + -i- + ruivo)
adjectivo
adjetivo

1. Que tem a cauda ruiva.

nome masculino

2. [Ornitologia]   [Ornitologia]  Designação dada a diversas aves da família dos muscicapídeos, do género Phoenicurus. = RABIRRUIVA

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/barbilho [consultado em 21-05-2022]