Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

Pesquisa por "ler" nas definições

acabar | v. tr. | v. intr. | v. pron. | v. auxil. | v. cop.
    Usa-se seguido das preposições de ou por e infinitivo, para indicar conclusão (ex.: acabei de ler, acabaram de falar; acabou por confessar)....

alfabetizar | v. tr. e pron.
    Ensinar ou aprender a ler (ex.: alfabetizar crianças; só se alfabetizou depois de adulto)....

aloeste | adv.
    Para leste; a leste....

apregoar | v. tr. | v. pron.
    Ler os banhos....

calafetar | v. tr. | v. pron.
    Não deixar ler no pensamento....

compilar | v. tr.
    Reunir metodicamente escritos diversos sobre o mesmo assunto....

decifrar | v. tr.
    Explicar ou ler (o que está em cifra; o que é obscuro ou ilegível)....

deletrear | v. tr.
    Ler, pronunciando separadamente as letras....

devorar | v. tr.
    Ler avidamente....

emprestar | v. tr.
    Confiar temporariamente algo, sob condição de ser devolvido (ex.: já li o livro que você me emprestou)....

ensinar | v. tr. | v. intr.
    Dar aulas ou lições de (ex.: ensinar a ler e a escrever; ensinar matemática)....

escóico | adj.
    Dizia-se do verso cujas letras, lidas da esquerda para a direita ou da direita para a esquerda, formam as mesmas palavras....

este-oeste | adj. 2 g. 2 núm.
    Que vai de leste até oeste ou para oeste....

indecifrável | adj. 2 g.
    Que não se pode ler ou interpretar....

lestes | adj. 2 g. 2 núm.
    Lesto....

legível | adj. 2 g.
    Que se pode ler....

lidairar | v. intr.
    Andar em grande lida, andar na azáfama, na lufa-lufa do trabalho....

lidar | v. intr. | v. tr.
    Trabalhar....

Dúvidas linguísticas


Como dizer correctamente: ...a área que mais lhe fascina ou ... a área que mais a fascina?
O verbo fascinar é tradicionalmente registado nos dicionários como transitivo directo, isto é, como um verbo que selecciona um complemento nominal obrigatório que não é introduzido por uma preposição (ex.: esta área fascinou o aluno), não sendo consideradas aceitáveis construções com um complemento indirecto, isto é, um complemento nominal obrigatório introduzido por uma preposição (ex.: *esta área fascinou ao aluno; o asterisco indica agramaticalidade). Quando há pronominalização dos complementos de terceira pessoa, o complemento directo corresponde aos pronomes pessoais o, a os, as e o complemento indirecto aos pronomes pessoais lhe, lhes. Assim, relativamente aos exemplos acima referidos, a pronominalização do complemento directo da frase esta área fascinou o aluno deve ser feita com o pronome o (esta área fascinou-o), pois trata-se de um complemento directo, e não com o pronome lhe (*esta área fascinou-lhe).

Em relação às frases apontadas na dúvida colocada, o caso é o mesmo. Deverá ser usada a construção a área que mais a fascina (equivalente a a área que mais fascina alguém) e não a construção *a área que mais lhe fascina (equivalente a *a área que mais fascina a alguém).




Estou com uma dúvida: como se escreve, e se existe, a palavra (excessão, ecessão, esseção)?
No português europeu a grafia correcta é excepção e no português do Brasil é exceção.

Palavra do dia

o·ven·çal o·ven·çal


(ovença + -al)
nome masculino

1. [Antigo]   [Antigo]  Pessoa encarregada de uma despensa. = DESPENSEIRO, ECÓNOMO

2. [Antigo]   [Antigo]  Cobrador de rendas.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/Pesquisar/ler [consultado em 19-10-2021]