PT
BR
Pesquisar
Definições



seu

A forma seupode ser[determinante e pronome possessivo] ou [nome masculino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
seu1seu1


determinante e pronome possessivo

1. Possessivo da 3.ª pessoa, também empregado em vez de vosso.

2. Dele; dela; deles; delas.

3. De vós (ex.: como está seu pai?).

4. De si próprio (ex.: ela protege-o com dinheiro seu).

5. Adoptado, usado, seguido (ex.: tem as suas máximas).

6. Que lhe pertence; relativo a cada um em particular (ex.: pôs os livros nos seus lugares da estante).

7. Estimado, preferido.

8. Proveniente de si (ex.: isso não parece seu; essa não parece sua).

9. Expletivamente (ex.: o negócio tem as suas dificuldades).


nome masculino

10. O que pertence a alguém: (ex.: dar o seu a seu dono).

11. Posse, fortuna (ex.: não ter nada de seu).


os seus

Conjunto dos familiares da pessoa ou pessoas a quem se fala ou escreve, no tratamento por você ou vocês (ex.: bom ano para si e para todos os seus).ALHEIOS

Conjunto dos familiares da pessoa ou pessoas de quem se fala ou escreve (ex.: ele foi para casa dar atenção aos seus).ALHEIOS

Conjunto dos amigos ou aliados da pessoa ou pessoas a quem se fala ou escreve, no tratamento por você ou vocês ou o grupo em que esta se integra (ex.: eu sou dos seus, pode confiar).

Conjunto dos amigos ou aliados da pessoa ou pessoas de quem se fala ou escreve ou o grupo em que esta se integra (ex.: ela pensa que ele é dos seus, mas está enganada; no meio da peleja, mal reconhecia os seus).

vistoFeminino: sua.
etimologiaOrigem etimológica:latim suus, -a, -um.
iconFeminino: sua.
seu2seu2


nome masculino

[Brasil, Informal] [Brasil, Informal] Usa-se antes de antropónimo masculino, em tratamento respeitoso (ex.: tudo bem, seu Jorge?). = SENHOR

vistoFeminino: sá, siá, sinha, sinhá, sinhara.
etimologiaOrigem etimológica:redução de senhor.
iconFeminino: sá, siá, sinha, sinhá, sinhara.

Anagramas



Dúvidas linguísticas



A palavra moral é classificada como masculina ou feminina?
Tal como pode verificar seguindo a hiperligação para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa, a palavra moral é usada como masculina e como feminina, consoante o seu significado.

Enquanto substantivo, designando “estado de espírito, disposição”, a palavra moral é do género masculino: “É preciso levantar o moral dos jogadores!”. Nos restantes sentidos mencionados no Dicionário Priberam – “conjunto de costumes, regras”; “ética”; “lição, ensinamento” – o substantivo moral é do género feminino: “De acordo com a moral e os bons costumes.”; “Escreveu um artigo sobre os princípios da moral kantiana.”; “Qual é a moral da história dos Três Porquinhos?”.

Enquanto adjectivo, a palavra moral (= relativo aos costumes, à ética) é usada quer com nomes (substantivos) masculinos, quer com nomes femininos: “Temos o dever moral de ajudar os outros.”, “Há normas morais que é preciso cumprir.”.




É incorreto pluralizar a palavra aleluia?
A palavra aleluia pode ser utilizada como substantivo feminino ou como interjeição. Como substantivo admite o plural aleluias (ex.: Ouviam-se as aleluias fora da igreja. A criança apanhou um molho de aleluias.), mas como interjeição é invariável em número (ex.: Já chegámos! Aleluia!).