Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
sarjetasarjeta | s. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

sar·je·ta |ê| sar·je·ta |ê|
(sarja + -eta)
nome feminino

1. Sarja delgada.

2. Pequena vala para escoamento de águas. = VALETA

3. Escoadouro nas ruas para as águas, geralmente da chuva.Ver imagem = BUEIRO, SUMIDOURO

4. Estado de grande decadência.

pub

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Na seguinte frase Pessoas que utilizam o computador, a Internet, os famosos jogos virtuais, possuem um desempenho maior com relação às pessoas que não os utilizam, como poderia dividi-la em sujeito e predicado?
Na frase que menciona, a função sintáctica de sujeito é desempenhada pelo grupo nominal que contém uma frase (pessoas que utilizam o computador, a Internet, os famosos jogos virtuais) e a função sintáctica de predicado é desempenhada pelo verbo possuir e pelos constituintes que dele dependem (possuem um desempenho maior com relação às pessoas que não os utilizam).



Gostaria de saber se escrever ou dizer o termo deve de ser é correcto? Eu penso que não é correcto, uma vez que neste caso deverá dizer-se ou escrever deverá ser... Vejo muitas pessoas a usarem este tipo de linguagem no seu dia-a-dia e penso que isto seja uma espécie de calão, mas já com grande influência no vocabulário dos portugueses em geral.
Na questão que nos coloca, o verbo dever comporta-se como um verbo modal, pois serve para exprimir necessidade ou obrigação, e como verbo semiauxiliar, pois corresponde apenas a alguns dos critérios de auxiliaridade geralmente atribuídos a verbos auxiliares puros como o ser ou o estar (sobre estes critérios, poderá consultar a Gramática da Língua Portuguesa, de Maria Helena Mira Mateus, Ana Maria Brito, Inês Duarte e Isabel Hub Faria, pp. 303-305). Neste contexto, o verbo dever pode ser utilizado com ou sem preposição antes do verbo principal (ex.: ele deve ser rico = ele deve de ser rico). Há ainda autores (como Francisco Fernandes, no Dicionário de Verbos e Regimes, p. 240, ou Evanildo Bechara, na sua Moderna Gramática Portuguesa, p. 232) que consideram existir uma ligeira diferença semântica entre as construções com e sem a preposição, exprimindo as primeiras uma maior precisão (ex.: deve haver muita gente na praia) e as segundas apenas uma probabilidade (ex.: deve de haver muita gente na praia). O uso actual não leva em conta esta distinção, dando preferência à estrutura que prescinde da preposição (dever + infinitivo).
pub

Palavra do dia

ra·iz·-for·te |a-i| ra·iz·-for·te |a-i|
nome feminino

[Botânica]   [Botânica]  Planta brassicácea (Armoracia rusticana) cujas raízes são usadas como condimento picante. = RÁBANO-PICANTE, SARAMAGO-MAIOR

Plural: raízes-fortes.Plural: raízes-fortes.
pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, https://dicionario.priberam.org/sarjeta [consultado em 16-01-2021]