Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

renasça

1ª pess. sing. pres. conj. de renascerrenascer
3ª pess. sing. imp. de renascerrenascer
3ª pess. sing. pres. conj. de renascerrenascer
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

re·nas·cer |ê|re·nas·cer |ê|

- ConjugarConjugar

verbo intransitivo

1. Nascer de novo.

2. Renovar-se; rejuvenescer.

3. Tornar a aparecer; ressurgir; germinar de novo.

4. Emendar-se; corrigir-se.

5. [Teologia]   [Teologia]  Tornar ao estado de graça.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "renasça" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Passada esta crise, esperemos que a ponte trans-atlântica renasça , ainda mais forte..

Em NOVA ÁGUIA: REVISTA DE CULTURA PARA O SÉCULO XXI

para que assim tudo se reorganize numa ofensa aos resignados, e do madrugar renasça um corpo desprovido de osso, só com anuladas fórmulas matemáticas de sonho

Em Inatingivel

Estas palavras são quanto posso para que um pouco renasça ..

Em daniel abrunheiro

Seja o amor como o tempo – não se gaste e, se gasto, renasça , noite clara que acolhe a treva, e é clara novamente..

Em Geopedrados

renasça e consiga cativar mais jovens, mais pessoas em idade activa, que a cidade deixe...

Em A RODA
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Gostaria de saber qual a origem da palavra "Oporto" que habitualmente é usada para referenciar a cidade do Porto, Portugal. Obrigado
A origem da palavra inglesa Oporto reside expressão portuguesa "o Porto". O artigo definido o precede quase sempre o nome desta região do Norte de Portugal (ex.: a família mudou-se para o Porto; as gentes do Porto são muito acolhedoras), daí que pareça (ou tenha parecido), a ouvidos estrangeiros, como uma só palavra.



Como é que se conjuga o verbo ser: Não SOU eu quem autoriza ou Não É eu quem autoriza? Não SOU eu que autorizo ou Não É eu que autorizo?
As frases referidas contêm duas orações, uma subordinante (não sou eu), cujo sujeito é o pronome eu, e uma subordinada completiva substantiva (quem autoriza ou que autorizo), que desempenha a função de predicativo do sujeito da oração subordinante. Assim, se colocarmos os constituintes da primeira oração na ordem sujeito-verbo-predicativo do sujeito é mais fácil visualizar a estrutura que explica que o verbo ser deve concordar com o pronome eu (eu não sou [quem autoriza ou que autorizo]). A oração subordinada (quem autoriza ou que autorizo), quando construída com o pronome relativo quem obriga a que o verbo autorizar concorde com este pronome em género e número, correspondendo à terceira pessoa do singular; quando a oração subordinada se constrói com o pronome relativo que, o verbo autorizar deve estar na primeira pessoa do singular, pois o sujeito deste verbo é o pronome que, o qual, ao contrário do pronome quem, concorda obrigatoriamente com o antecedente nominal ou pronominal existente na oração anterior, no caso, o pronome eu.
pub

Palavra do dia

ta·pe·cei·ro ta·pe·cei·ro


(francês tapissier)
nome masculino

1. Fabricante ou vendedor de tapetes.

2. Pessoa que tece tapetes.


SinónimoSinônimo Geral: TAPETEIRO

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/renas%C3%A7a [consultado em 26-06-2022]