PT
BR
Pesquisar
Definições



peneiro

A forma peneiropode ser [primeira pessoa singular do presente do indicativo de peneirarpeneirar] ou [nome masculino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
peneiropeneiro
( pe·nei·ro

pe·nei·ro

)


nome masculino

1. Peneira grande.

2. [Antigo] [Antigo] Espécie de entretela nas abas da casaca.

3. [Portugal: Madeira] [Portugal: Madeira] Chuva miúda.

etimologiaOrigem etimológica:alteração de peneira.
peneirarpeneirar
( pe·nei·rar

pe·nei·rar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Passar pela peneira (ex.: peneire a farinha para uma taça).


verbo intransitivo

2. [Portugal: Madeira, Brasil] [Brasil, Portugal: Madeira] Chuviscar (ex.: peneirava uma chuvinha constante).


verbo pronominal

3. [Figurado] [Figurado] Saracotear-se andando.

etimologiaOrigem etimológica:peneira + -ar.

Auxiliares de tradução

Traduzir "peneiro" para: Espanhol Francês Inglês

Anagramas



Dúvidas linguísticas



Por favor poderiam me dar o feminino desta frase: Os músicos estão na praça!
Uma frase não tem feminino ou masculino.

Se a questão se coloca quanto ao sujeito Os músicos, o feminino da palavra músico é música (ex.: Ela é música). Se se referir ao conjunto de músicos e músicas, então terá de ser Os músicos. Assim, se o sujeito da frase for feminino plural, será As músicas (mesmo podendo ser confundido com as músicas = as canções, as melodias).




Não encontro em dicionários a palavra discursante. Será aceitável como sinónimo de discursista ou discursador?
Apesar de não se encontrar em nenhum dicionário consultado, a palavra discursante está registada pelo menos em duas obras de referência, no Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro Machado (Âncora Editora, Lisboa, 2001) e no Vocabulário Ortográfico da Academia Brasileira de Letras, mas apenas como adjectivo (ex.: O convidado discursante enganou-se) e não como substantivo (ex.: O discursante enganou-se). No entanto, a palavra discursante segue as regras de boa formação da língua portuguesa e não há motivo, a não ser a tradição lexicográfica, para não poder ser sinónimo de discursista e de discursador, seja como substantivo seja como adjectivo.