Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

maré

marémaré | n. f.
Será que queria dizer mare?
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

ma·ré ma·ré


(francês marée)
nome feminino

1. Aumento periódico do volume das águas do oceano.

2. [Figurado]   [Figurado]  O fluxo e o refluxo dos acontecimentos humanos.

3. Razão.

4. Ocasião propícia.

5. Conjunto de circunstâncias num determinado momento (ex.: maré de azar, maré de sorte).

6. Boa disposição.


estar de maré
Estar bem-disposto.

maré alta
Nível mais alto da maré. = MARÉ CHEIA, PREIA-MAR

maré baixa
Nível mais baixo da maré. = BAIXA-MAR, MARÉ VAZIA

maré cheia
[Portugal]   [Portugal]  O mesmo que maré alta.

maré de águas vivas
Maré que ocorre na lua nova e na lua cheia, quando, devido à conjunção da Lua e do Sol, as marés altas são maiores e as marés baixas são menores. = MARÉ DE SIZÍGIA, MARÉ VIVA

maré de rosas
Tempo de prosperidade.

maré de sizígia
O mesmo que maré de águas vivas.

maré negra
Concentração ou mancha de petróleo ou material poluente afim que se encontra a flutuar no mar e se aproxima da costa, com consequências muito nefastas a nível ambiental.

maré vazia
O mesmo que maré baixa.

maré viva
O mesmo que maré de águas vivas.

remar contra a maré
Trabalhar ou esforçar-se em vão; lutar contra uma força maior; ir muito devagar e com muito custo. = REMAR CONTRA A CORRENTE

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "maré" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Ventura em maré alta As alterações do sentido de voto nunca são assim tão lineares, mas os...

Em www.ultraperiferias.pt

) HOLLER - dir & rot Nicolas Rieger, EUA, 2020 MARE OF EASTTOWN - by Brad Ingelsby, EUA, 2021 (HBO max) EXTERMINATE ALL THE BRUTES...

Em blog0news

...assim que o avião era levado pelas correntezas que estavam mais fortes devido à maré baixa, os passageiros de

Em NOTÍCIAS SOBRE AVIAÇÃO AVIATION NEWS

219-ARTE ARRISCADA Il mare in catene Interpretação: Compagnia Eliopoli di Francesco Ventriglia Concepção: Massimo Corona Marco Grassi Rivkha...

Em a peida é um regalo ... do nariz a gente trata

Joana Amendoeira tem disco novo – “Na volta da Maré ”- com músicas de Fred Martins onde encontrou um lugar Atlântico de cruzamento entre...

Em Portugal Rebelde
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Gostaria de saber como se escreve um valor quebrado de porcentagem por extenso. Pois se 10% eu escrevo "dez por cento", então como eu escreveria 10,30%?
Para escrever por extenso um número inteiro seguido de um valor fraccionário decimal (ex.: 10,30%), poderá referir a vírgula por extenso (ex.: dez vírgula trinta por cento ou dez vírgula três por cento) ou, alternativamente (e esta será uma forma menos usual), utilizar os numerais fraccionários a seguir aos numerais cardinais (ex.: dez e trinta centésimos por cento ou dez e três décimos por cento). Nesta última hipótese, pode ainda ser usado o adjectivo inteiro para melhor distinguir os numerais cardinais dos fraccionários (ex.: dez inteiros e trinta centésimos por cento ou dez inteiros e três décimos por cento) ou ainda utilizar o adjectivo percentual em vez da locução por cento (ex.: dez e trinta centésimos percentuais; dez e três décimos percentuais). Perante as várias possibilidades, é de referir que a opção tomada deverá ser mantida ao longo de um mesmo texto, sempre que referir este tipo de números, por uma questão de coerência textual.



Venho por este meio pedir que me tirem uma dúvida relacionada com a palavra bolor: a correcta pronunciação da palavra acima referida é "bolor" (com o mesmo tipo de fonologia que existe em, por ex.: ardor ou timor) ou "bolór" (obviamente sem o uso do acento que coloquei, mas com um som como em pior ou maior). Pessoalmente penso que se pronuncia sem nenhum tipo de acentuação, mas desde que vim estudar para o Porto estou rodeado de gente que diz o contrário.
A pronúncia das palavras em português não obedece, em geral, a critérios de correcção, pois não se trata de uma pronúncia correcta ou incorrecta, mas de variações de pronúncia relacionadas com o dialecto ou o sociolecto do falante. Algumas obras lexicográficas contêm transcrições ou indicações de pronúncia (ou de ortoépia), que mais não são do que referências, e que, como tal, não podem ser tomadas como normativas ou vinculativas.

No caso da palavra bolor, parecem ser consideradas correctas as pronúncias do segundo o como [o] (o símbolo entre parênteses representa no alfabeto fonético internacional o som ô de ardor ou Timor) ou como [ɔ] (o símbolo entre parênteses representa no alfabeto fonético internacional o som ó de pior ou pó), ainda que a pronúncia com o som ô seja estatisticamente mais frequente. Assim, por um lado, o Vocabulário da Língua Portuguesa, de Rebelo GONÇALVES (Coimbra, Coimbra Editora, 1966) e o Grande Dicionário Língua Portuguesa (Porto, Porto Editora, 2004) indicam as duas fonéticas, enquanto o Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro MACHADO (Lisboa, Âncora, 2001), o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências (Verbo, 2001) e o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (Lisboa, Círculo de Leitores, 2002) assinalam apenas a pronúncia ô.

Pelo que foi acima apontado, a dúvida colocada diz respeito à qualidade da vogal fonética que corresponde à ortografia, e não a uma acentuação diferente (em ambas as pronúncias, trata-se da mesma sílaba acentuada, bolor). Uma vogal ortográfica (, por exemplo) pode, no português europeu, corresponder a diversas vogais fonéticas (ex.: [u], em bolor), [o] ou [ɔ], em bolor). Esta qualidade da vogal é geralmente fixa em cada palavra (normalmente, o mesmo falante não oscila entre [o] ou [ɔ], em bolor), mas pode alterar-se quando, numa palavra derivada, a sílaba dessa vogal passa de tónica a átona (ex.: bolor [o] ou [ɔ] > bolorento [u]).

pub

Palavra do dia

ses·qui·pe·dal ses·qui·pe·dal


(latim sesquipedalis, -e)
adjectivo de dois géneros
adjetivo de dois géneros

1. Que tem pé e meio de comprido.

2. [Jocoso]   [Jocoso]  Que é muito grande (ex.: ignorância sesquipedal; versos sesquipedais).

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/mar%C3%A9 [consultado em 23-01-2022]