Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

malsim

malsimmalsim | n. m.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

mal·sim mal·sim


(espanhol malsín, do hebraico malxin, denunciador, delator)
nome masculino

1. Informante ou funcionário que denuncia contrabando ou outras violações de leis ou regulamentos.

2. Espião ou delator.

3. Funcionário de tribunal judicial ou que está encarregado de fazer cumprir ordens judiciais. = AGUAZIL, BELEGUIM, ESBIRRO, MEIRINHO, OFICIAL DE JUSTIÇA

pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

no quentinho, papel e caneta, gargalhadas, enfiar os pés na água fria do mar... 7. Uma data importante. Porquê? Quando virei oficialmente tia 8. O que achas sobre o preconceito? Já sofreste desse mal? Acho mal...Sim 9. O que te irrita? Aquela cena do anti-spam...A sério, desliguem isso. 10. Qual foi

Em Desabafos Agridoces

, este nosso estilo já é ultrapassado. Por outro lado, sofremos pelo dever que temos de estarmos à frente e atentos. Porque novos conceitos e novos tempos de vida se avançam e nos atingem. E, às vezes, paramos para fazer uma reflexão. Não temos este direito. É o mal..Sim filho. A remontagem, agora, é

Em vitorcunhaof.blogs.sapo.pt

. Desejo que possas ir fazer a vida que queres, sem horas ou camisas, sem as minhas manias, o meu comodismo, as dores crónicas e as outras embirrações. Se te causei muito mal...sim , causei, desculpa. Morrer não é um consolo, será uma dor, já sei, apesar disso espero que possas brilhar nas horas estranhas a

Em Patrícia Reis

pelos cortes da UE aos programas de apoio alimentar às famílias carenciadas, Sarkozy pelo acréscimo do fundo de estabilidade financeira em discussão,Teixeira dos Santos (sim parece que ainda fala) pela crise financeira que causou tanto mal(sim , continua incrivelmente a reproduzir as justificações de

Em Ideias livres

basicamente novo ambiente. Mas faz bem mudar,pelo menis é o que eu acho,sinto-me um pouco mal,sim ainda é o inicio e se fosse agora talvez não tivesse mudado para aquela escola,mas agora está não posso voltar atrás. Agora estou doente em plena primeira semana de aulas, o que não ajuda :(

Em confissoes_da_joana.blogs.sapo.pt
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Posso utilizar a expressão e/ou em um texto formal? Se não, como escrevê-la? Posso escrever e ou ou e, ou?
As palavras e e ou são conjunções coordenativas, isto é, relacionam termos que podem ter a mesma função na frase (ex.: vou comprar umas calças azuis e brancas; vou comprar umas calças azuis ou brancas), sendo que a conjunção e indica adição (ex.: calças azuis e brancas) e a conjunção ou indica alternativa (ex.: calças azuis ou brancas).

A expressão e/ou é utilizada para exprimir de maneira económica e clara três hipóteses, duas delas contidas numa alternativa (uma coisa ou outra) e a outra contida numa adição (uma coisa e outra). Por exemplo, numa frase como todos os utilizadores têm o direito de rectificação e/ou eliminação dos seus dados pessoais, o texto destacado indica que é possível 1) a rectificação dos seus dados pessoais, 2) a eliminação dos seus dados pessoais, 3) a rectificação dos seus dados pessoais e a eliminação dos seus dados pessoais. Os pontos 1) e 2) estão contidos na alternativa com ou e o ponto 3) está contido na adição com e.

Não há qualquer motivo para a não utilização desta expressão num texto formal. A barra indica opcionalidade entre o e e o ou: rectificação e/ou eliminação dos seus dados pessoais = rectificação e eliminação dos seus dados pessoais / rectificação ou eliminação dos seus dados pessoais.




Gostaria de saber qual é a origem da palavra Obrigada (o) e também como se deve responder a esta palavra.
Obrigado (a/os/as) é um adjectivo (também usado como interjeição) que pode ser definido como "que se sente devedor de alguma coisa, normalmente um favor ou uma amabilidade". Este adjectivo deriva do verbo obrigar, sendo provável que originalmente fosse uma construção verbal como "Fico-lhe obrigado (= agradecido)" ou "Ela ficou-lhe obrigada (= agradecida)".

As respostas à fórmula de agradecimento obrigado(a) podem ser muito variadas, muitas vezes dependendo da situação de comunicação, como "Não tem de quê", "De nada", "Obrigado(a) eu" ou ainda "Obrigados(as) nós".

pub

Palavra do dia

zoi·si·te zoi·si·ta


([Sigismund] Zois [von Eldstein], antropónimo [mineralogista esloveno] + -ite)
nome feminino

[Mineralogia]   [Mineralogia]  Mineral ortorrômbico do grupo dos epídotos, usado como pedra preciosa.


• Grafia no Brasil: zoisita.

• Grafia no Brasil: zoisita.

• Grafia em Portugal: zoisite.

• Grafia em Portugal: zoisite.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/malsim [consultado em 26-01-2022]