PT
BR
Pesquisar
Definições



letra

A forma letrapode ser [segunda pessoa singular do imperativo de letrarletrar], [terceira pessoa singular do presente do indicativo de letrarletrar], [nome feminino plural] ou [nome feminino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
letraletra
|ê| |ê|
( le·tra

le·tra

)


nome feminino

1. Carácter escrito, impresso ou gravado do alfabeto.

2. Forma que se dá à letra escrita.

3. Som representativo de uma letra.

4. O que está escrito; texto; sentido.

5. Tipo de caracteres de imprensa.

6. Poesia que acompanha música.

7. Parte literária de uma ópera.

8. Emblema, divisa, mote.

9. Letreiro, inscrição.

10. Documento representativo de dinheiro que consiste num título de crédito em que um credor ou sacador ordena a um devedor ou sacado que lhe pague a si ou a um terceiro uma certa importância em determinada data (ex.: endossar uma letra; letra de comércio). = LETRA DE CÂMBIO

letras


nome feminino plural

11. Literatura.

12. Carreira ou profissão literária.

13. Epístola, diploma.


à letra

Palavra por palavra, sem ter em conta o sentido de expressões ou fraseologias (ex.: tradução à letra; traduzir à letra). = AO PÉ DA LETRA

No sentido mais literal da palavra ou expressão (ex.: interpretação à letra; interpretar à letra). = AO PÉ DA LETRA

de letra

[Futebol] [Futebol]  Que é feito passando a perna por trás do pé de apoio (ex.: golo de letra; passe de letra; remate de letra).

letra corrida

Letra fluente, traçada com firmeza e rapidamente.

letra de câmbio

Documento representativo de dinheiro que consiste num título de crédito em que um credor ou sacador ordena a um devedor ou sacado que lhe pague a si ou a um terceiro uma certa importância em determinada data.

letra de mão

Letra manuscrita.

letra de médico

Caligrafia de leitura difícil ou impossível.

letra de molde

Letra impressa.

letra dominical

Letra que, no calendário eclesiástico, designa o domingo.

letra redonda

Letra de molde; letra de imprensa.

letras humanas

Designação dada especialmente à gramática, à poesia e à literatura. = BELAS-LETRAS, HUMANIDADES

letras nundinárias

As oito primeiras letras do alfabeto.

primeiras letras

Ensino primário elementar.

sagradas letras

Escritura Sagrada.

tirar de letra

[Brasil, Informal] [Brasil, Informal] Fazer algo facilmente.

etimologiaOrigem etimológica:latim littera, -ae.
Colectivo:Coletivo:Coletivo:abc, á-bê-cê, abecê, abecedário, alfabeto.
letrarletrar
( le·trar

le·trar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo e pronominal

1. Tornar(-se) letrado, culto.

2. [Música] [Música] Compor letra para uma música.

etimologiaOrigem etimológica:letra + -ar.

Auxiliares de tradução

Traduzir "letra" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Gostaria de saber se escrever ou dizer o termo deve de ser é correcto? Eu penso que não é correcto, uma vez que neste caso deverá dizer-se ou escrever deverá ser... Vejo muitas pessoas a usarem este tipo de linguagem no seu dia-a-dia e penso que isto seja uma espécie de calão, mas já com grande influência no vocabulário dos portugueses em geral.
Na questão que nos coloca, o verbo dever comporta-se como um verbo modal, pois serve para exprimir necessidade ou obrigação, e como verbo semiauxiliar, pois corresponde apenas a alguns dos critérios de auxiliaridade geralmente atribuídos a verbos auxiliares puros como o ser ou o estar (sobre estes critérios, poderá consultar a Gramática da Língua Portuguesa, de Maria Helena Mira Mateus, Ana Maria Brito, Inês Duarte e Isabel Hub Faria, pp. 303-305). Neste contexto, o verbo dever pode ser utilizado com ou sem preposição antes do verbo principal (ex.: ele deve ser rico = ele deve de ser rico). Há ainda autores (como Francisco Fernandes, no Dicionário de Verbos e Regimes, p. 240, ou Evanildo Bechara, na sua Moderna Gramática Portuguesa, p. 232) que consideram existir uma ligeira diferença semântica entre as construções com e sem a preposição, exprimindo as primeiras uma maior precisão (ex.: deve haver muita gente na praia) e as segundas apenas uma probabilidade (ex.: deve de haver muita gente na praia). O uso actual não leva em conta esta distinção, dando preferência à estrutura que prescinde da preposição (dever + infinitivo).



Devo escrever ele será analisado no terceiro dia ou ele será analisado ao terceiro dia?
Qualquer das duas frases é possível, visto que quer a preposição em (presente na contracção no) quer a preposição a (presente na contracção ao) se utilizam na expressão de valores temporais (ex.: viaja sempre em Agosto; estava a dois dias do casamento).