PT
BR
Pesquisar
Definições



doidamente

A forma doidamentepode ser [derivação de doidodoido], [derivação de doídodoído] ou [advérbio].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
doidamente1doidamente1
|ôi| |ôi|
( doi·da·men·te

doi·da·men·te

)


advérbio

De modo doido (ex.: trabalharam doidamente no projecto). = À DOIDA

etimologiaOrigem etimológica:doido + -mente.
doidamente2doidamente2
|u-ì| |u-ì|
( do·i·da·men·te

do·i·da·men·te

)


advérbio

De modo doído (ex.: memórias doidamente ridículas). = DORIDAMENTE

etimologiaOrigem etimológica:doído + -mente.
doídodoído
( do·í·do

do·í·do

)


adjectivoadjetivo

Que sente dor. = DORIDO, MAGOADO, OFENDIDO

etimologiaOrigem etimológica:particípio de doer.
Confrontar: doido.
doidodoido
( doi·do

doi·do

)


adjectivo e nome masculinoadjetivo e nome masculino

1. Que ou quem perdeu a razão ou tem distúrbios mentais. = LOUCO, MALUCO

2. Que ou quem é extravagante.

3. Que ou quem é temerário ou insensato.


adjectivoadjetivo

4. Muito contente.

5. Dominado por sentimento muito forte (ex.: doido de raiva). = ARREBATADO


à doida

Doidamente, estouvadamente.

sinonimo ou antonimoSinónimoSinônimo geral: DOUDO

etimologiaOrigem etimológica:origem controversa.
Confrontar: doído.
Colectivo:Coletivo:Coletivo:doidaria, doudaria.

Palavras vizinhas



Dúvidas linguísticas



Pode-se utilizar a palavra exigencial? Ex.: selecção exigencial de componentes.
Apesar de o adjectivo exigencial não se encontrar registado em nenhum dos dicionários e vocabulários de língua portuguesa à nossa disposição, ele encontra-se bem formado a partir da aposição do sufixo -al ao substantivo exigência, pelo que o seu uso é possível e até muito frequente, como o revelam pesquisas em corpora e em motores de busca da Internet, especialmente em contextos relativos às áreas da construção e da engenharia civil, com o significado “que é relativo a ou que envolve uma exigência” (ex.: fizeram uma selecção exigencial dos novos materiais).



Como devo falar ou escrever: "o Departamento a que pertence o funcionário" ou "o Departamento ao qual pertence o funcionário".
Nenhuma das expressões que refere está incorrecta, uma vez que, em orações subordinadas adjectivas relativas, o pronome relativo que pode, de uma maneira geral, ser substituído pelo seu equivalente o qual, que deverá flexionar em concordância com o género e número do antecedente (ex.: os departamentos aos quais pertence o funcionário). No caso em questão, o pronome relativo tem uma função de objecto indirecto do verbo pertencer, que selecciona complementos iniciados pela preposição a, daí que os pronomes que e o qual estejam antecedidos nestas expressões por essa preposição (a que e ao qual).

É de notar que a utilização da locução pronominal o qual e das suas flexões não deve ser feita quando se trata de uma oração relativa adjectiva restritiva que não é iniciada por preposição, isto é, quando a oração desempenha a função de um adjectivo que restringe o significado do antecedente (ex.: o departamento [que está em análise = analisado] vai ser reestruturado; *o departamento o qual está em análise vai ser reestruturado [o asterisco indica agramaticalidade]).